Hush Hush; Hush Hush

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: "Hush Hush" redireciona para este artigo. Para o livro de Becca Fitzpatrick, veja Hush, Hush.
Broom icon.svg
As referências deste artigo necessitam de formatação (desde julho de 2018). Por favor, utilize fontes apropriadas contendo referência ao título, autor, data e fonte de publicação do trabalho para que o artigo permaneça verificável no futuro.
"Hush Hush; Hush Hush"
Single de The Pussycat Dolls
do álbum Doll Domination 2.0 e Doll Domination: The Mini Collection
Lado B "Hush Hush"
Lançamento 12 de maio de 2009 (2009-05-12)
Formato(s)
Gênero(s)
Duração 3:48 (original)
4:10 (remix)
Gravadora(s) A&M, Interscope
Composição
Produção
Cronologia de singles de The Pussycat Dolls
"Jai Ho! (You Are My Destiny)"
(2009)

"Hush Hush; Hush Hush" (em português: Silêncio, Silêncio ) é uma canção gravada pelo girl group americano The Pussycat Dolls. A faixa foi escrita por Andreas Romdhane, Josef Larossi, Ina Wroldsen, Nicole Scherzinger, Dino Fekaris, e Freddie Perren e produzida pelos dois primeiros ao lado de Ron Fair e Dave Audé. Foi lançado em 12 de maio de 2009 pela Interscope Records como o sexto e último single do relançamento de Doll Domination (2008). Originalmente uma balada, o remix apresenta uma produção mais rápida e interpola "I Will Survive" (1978), de Gloria Gaynor, com letras alusivas a um relacionamento acabado. O lançamento foi recebido com controvérsia; assim como "Jai Ho! (You Are My Destiny)", Scherzinger foi anunciada como artista de destaque causando ainda mais insatisfação dentro do grupo e o descontentamento público de Melody Thornton durante uma das passagens da turnê do grupo.

A canção foi um moderado sucesso comercial, conseguindo atingir o pico entre os dez mais na Austrália, Bélgica (Valônia), Finlândia e França. Nos Estados Unidos, ficou em 73 na Billboard Hot 100 e ficou no topo da parada da Hot Dance Club Songs. Um videoclipe de acompanhamento da música, dirigido por Ray Kay, estreou em 27 de maio de 2009. O vídeo foi recebido com críticas mistas, criticando a ênfase exagerada em Scherzinger, mas elogiado por ser "o vídeo mais revelador das Pussycat Dolls".

Lançamento e polêmicas[editar | editar código-fonte]

Doll Domination, o segundo álbum de estúdio da Pussycat Dolls, foi lançado em setembro de 2008 e apresenta uma canção intitulada "Hush Hush", escrita por Andreas Romdhane, Josef Larossi, Ina Wroldsen, Nicole Scherzinger, Dino Fekaris, e Freddie Perren, enquanto a produção foi feita pelos dois primeiros e Ron Fair.[1] A faixa foi gravada por Mike "Angry" Eleopoulos e Tal Herzberg com a ajuda de Greg DePante, Steve Genewick e Keith Gretlein e mixados por Dave Pensado, Jaycen Joshuae Andrew Wuepper no Quiz & Larossi Studios em Estocolmo, Suécia, The Boiler Room em Santa Monica, Califórnia, bem como no Henson Studios em Los Angeles. Fair organizou e conduziu as cordas, que foram gravadas por Frank Wolf. A instrumentação e programação foram realizados por Quiz & Larossi.[1] Mike Nied, do Idolator, descreveu "Hush Hush" como uma "balada poderosa" que repousa sobre uma "produção esparsa", onde Scherzinger lamenta um relacionamento rompido.[2] Spence D., da IGN, descreveu a canção como tendo um "tempo de inatividade."[3]

O remix da canção contém uma interpolação de "I Will Survive" de Gloria Gaynor (foto) .

Em março de 2009, foi anunciado que Doll Domination seria reeditado em diferentes edições para incluir novas músicas, incluindo um remix up-time de "Hush Hush", intitulado "Hush Hush; Hush Hush".[4] A versão remixada foi executada pela primeira vez por Scherzinger na segunda turnê do grupo, Doll Domination Tour (2009), durante a parte do show em que cada integrante se apresentou solo.[5] Freddie Perren e Dino Fekaris receberam créditos de co-escrita para a canção, por conter interpolações de "I Will Survive" (1978) de Gloria Gaynor e inclui a citação do arranjo original de cordas de David Blumberg. "Hush Hush; Hush Hush" foi produzido por Fair,e Quiz & Larossi enquanto Scherzinger lidou com produção vocal e arranjo com Fair.[1] O remix foi descrito como uma "disco falso" por Nick Levine do Digital Spy.[6] No mês seguinte, a faixa estava disponível para pré-venda com uma data de lançamento agendada para 28 de abril de 2009, enquanto a arte da capa creditava Scherzinger como artista de destaque.[7] Reportagens da mídia especularam que a saída de Scherzinger do grupo era óbvia, assim como single lançado anteriormente, "Jai Ho! (You Are My Destiny)" que também a creditou como uma artista convidada.[8]

Isso também levou à demais integrantes a ficarem insatisfeitas; durante a abertura da The Circus Starring Britney Spears (2009) em Glendale, Arizona, Melody Thornton dirigiu-se ao público durante o intervalo dizendo: "[...] deixe-me dar um grito para minha família. Obrigado por me apoiar, mesmo se eu não for apresentada" referindo-se a sua possível ausência nos futuros singles do grupo, e encorajando o público a seguir seus sonhos e "nunca deixar ninguém pisar neles, nunca".[9] Scherzinger mais tarde referiu-se ao fato de ter sido creditada como artista solo durante uma entrevista de rádio. "Não é grande coisa, isso não tira nada de ninguém no grupo. Esse é o meu papel. Eu escrevi 'Hush Hush' também."[10] Após a controvérsia,[11] A canção foi finalmente lançada para download em 12 de maio de 2009, sem colocar Scherzinger como artista de destaque.[12]

Recepção[editar | editar código-fonte]

Crítica[editar | editar código-fonte]

Taila Craines do Orange revisou positivamente a versão original da música. "['Hush Hush'] é uma balada épica vendendo as Dolls como mulheres fortes que "nunca pediram ajuda" de seus homens."[13] Steve Jones, do USA Today, recomendou fazer o download da música.[14] O remix foi negativamente criticado. Robert Copsey, do Digital Spy, deu uma resenha de duas das cinco estrelas por não ter "a ousada vantagem de R&B que fez de 'Don't Cha' e 'When I Grow Up' serem tão eficazes".[6] "Idolator" escreveu que "['Hush Hush; Hush Hush'] é uma faixa dance-pop não espetacular, com os suspiros musculares de Scherzinger liderando o caminho, rimando o canudo e o direito. Mas um simples hino pós-separação não poderia ajudar as Dolls a recuperar sua posição estratégica nas Guerras Pop."[15] No entanto, Orange gostou da música comentando que a versão remixada é "muito divertida".[16] "Hush Hush; Hush Hush" foi classificado no número oitenta e um na mais alta audiência de singles pop na AOL Radio em 2009.[17]

Comercial[editar | editar código-fonte]

Nos Estados Unidos, "Hush Hush; Hush Hush" estreou no número 96 na edição Billboard Hot 100 de 30 de março de 2009.[18] Na parada Hot Dance Club Songs, "Hush Hush; Hush Hush" se saiu melhor; dando-lhes o seu sexto número consecutivo.[19]

Videoclipe[editar | editar código-fonte]

O videoclipe do "Hush Hush; Hush Hush" foi dirigido por Rich Lee.[20] Apresenta aparições do blogueiro de celebridades Perez Hilton e da ex-VIP Pussycat Doll Carmen Electra, que costumava cantar com os Dolls durante suas performances burlescas.[21] O vídeo faz uso de colocação de produtos como Campari, Nokia 5800 XpressMusic e HP Mini 1000 Vivienne Tam Edition.[22][23] O videoclipe estreou em 26 de maio de 2009.[24]

Sinopse[editar | editar código-fonte]

As Pussycat Dolls e seus dançarinos dançando na frente de uma bola de espelhos.

O videoclipe começa com Nicole Scherzinger descansando em uma banheira, semelhante a uma cena de Cindy Crawford no videoclipe de "Freedom! '90" (1990) de George Michael.[22] Como a balada transita para o remix, ela passa uma porta para um corredor surreal de escadas indo em diferentes direções. Quando o segundo verso começa, Scherzinger é vista usando um vestido dourado, enquanto o resto das integrantes são vistas com roupas patinandas em uma discoteca. Na cena seguinte, no sótão, enquanto Ashley Roberts e Kimberly Wyatt estão penduradas nos lustres, Scherzinger entra na sala. Quando o segundo coro começa, Scherzinger usa um basco de prata justo.

Ela entra no porão, que se transformou em um clube noturno, as Dolls, começam a dançar no meio da pista. Na cena, Perez Hilton faz uma aparição como DJ, enquanto Carmen Electra dança ao lado dele. O vídeo então se desvanece, e se abre em uma foto do rosto de Scherzinger na frente de uma bola de espelhos usando uma peruca afro, que homenageia Diana Ross.[22] Depois, as Pussycat Dolls estão dançando com dançarinos homens na sala com a bola de espelhos. No final, Nicole Scherzinger está terminando a música cantando "Baby, Hush Hush". Fecha-se com um grande tiro que revela o vídeo ter ocorrido em uma casa de bonecas com todos os dançarinos e Dolls na menor sala da discoteca.

Recepção[editar | editar código-fonte]

Um repórter do Daily Mail comentou que o vídeo é "o vídeo mais revelador das Pussycat Dolls". Apesar de notar que "o resto do grupo mal é visto no vídeo com Nicole como a estrela total do show.[21] Nick Levine do Digital Spy descreveu o vídeo como "louco".[25] elogiou o vídeo descrevendo-o como um "clipe fumegante". "Começa da melhor maneira possível: Com a líder das Dolls Nicole Scherzinger molhada e nua."[26] Gemma Wheatley do Daily Star disse que "o resto das Pussycat Dolls também parece mais quente do que nunca".[27] Mirror.co.uk comentou: "É uma maravilha que Lewis, 24 anos, jogador da Fórmula 1, pudesse manter sua mente na bola enquanto jogava golfe ontem", referindo-se a Scherzinger, que está nua no vídeo.[28] A crítica Melinda Newman elogiou a ênfase excessiva da vocalista Nicole Scherzinger. "É um vídeo das PCD apenas no nome dado, mas as outras integrantes atuam apenas como dançarinos em meras aparições. Não há nem mesmo a mais remota insinuação de que há outras pessoas no grupo até mais de um minuto quando ela passa por uma porta em uma escadaria de vários níveis e as outras Dolls estão dançando enquanto a música se transforma de uma balada para dance. As outras Pussycat Dolls são completamente relegadas a dançarinos de fundo, junto com os outros funcionários contratados."[22]

Álbuns & Faixas[editar | editar código-fonte]

Créditos e equipe[editar | editar código-fonte]

Créditos adaptados do encarte do Doll Domination.[1]

Gravação
  • Gravado no Quiz & Larossi Studios (Estocolmo, Suécia), The Boiler Room (Santa Mônica, Califórnia), e no Henson Studios in (Los Angeles, California).
Amostra
  • Contém amostras de "I Will Survive" escritas por Freddie Perren e Dino Fekaris e citação do arranjo original de cordas de David Blumberg, interpretado por Gloria Gaynor.
Equipe
  • The Pussycat Dolls – artista principal
  • Greg DePante – engenheiro assistente (apenas Remix)
  • Eric Eyland – engenheiro assistente (apenas Remix)
  • Dave Audé – produção, programação (apenas Remix)
  • Bruce Dukov – concertino (apenas Remix)
  • Greg DePante – engenheiro assistente
  • Mike "Angry" Eleopoulos – gravação
  • Ron Fair – produção, produção vocal, arranjo vocal, arranjo de cordas e conduta, teclados
  • Steve Genewick – engenheiro assistente (apenas Remix)
  • Keith Gretlein – engenheiro assistente
  • Tal Herzberg – Pro Tools, gravação
  • Jaycen Joshua – mixagem (apenas Remix)
  • Josef Larossi – composição, produção, gravação
  • Gayle Levant – harpa (apenas Remix)
  • Peter Mokran – mixagem (apenas Remix)
  • Johnathan Merritt – engenheiro assistente
  • Danny Ponce – gravação (apenas Remix)
  • Dave Pensado – mixagem (apenas Remix)
  • Andreas Romdhane – composição, produção, instrumentos, programação, gravação
  • Nicole Scherzinger – composição, produção vocal, arranjo vocal
  • Ryan Shanahan – engenheiro assistente (apenas Remix)
  • Tommy Vicari – gravação de strings (apenas Remix)
  • Eric Weaver – engenheiro assistente (apenas Remix)
  • Frank Wolf – gravação de strings (apenas Remix)
  • Ina Wroldsen – compositor
  • Andrew Wuepper – engenheiro assistente (apenas Remix)

Desempenho nas tabelas musicais[editar | editar código-fonte]

Vendas e certificações[editar | editar código-fonte]

Região Certificação Vendas
 Austrália (ARIA)[64] Ouro 35,000^
 Reino Unido (BPI)[65] Prata 200,000

*números de vendas baseados na certificação
^números de vendas baseados somente na certificação

Histórico de lançamento[editar | editar código-fonte]

País Data Formato Gravadora Ref.
Mundo 12 de maio de 2009 (2009-05-12) Download digital [66]
EUA 26 de maio de 2009 (2009-05-26) Rádios de sucessos contemporâneos [67]

Referências

  1. a b c d Doll Domination (Notas de mídia). Interscope Records 
  2. «Should Have Been Bigger: The Pussycat Dolls' "Hush Hush; Hush Hush"». Idolator. Consultado em 27 de Maio de 2009 
  3. «Pussycat Dolls - Doll Domination Review». IGN. Consultado em 27 de Maio de 2009 
  4. «Pussycat Dolls Upgrade to Version 2.0». Rap-Up. Consultado em 27 de Maio de 2009 
  5. «Purr-fect Pussycat Dolls hit Aberdeen». Evening Express. Consultado em 27 de Maio de 2009. Arquivado do original em 26 de julho de 2011 
  6. a b Balls, David. «Music – Singles Review – Pussycat Dolls: 'Hush Hush; Hush Hush'». Digital Spy (Hachette Filipacchi Médias). Consultado em 27 de Maio de 2009 
  7. «Hush Hush; Hush Hush: MP3 Downloads: The Pussycat Dolls». Amazon.com. Consultado em 27 de Maio de 2009 
  8. «The Pussycat Dolls catfight: Does this mean Nicole Scherzinger will finally go solo?». Entertainment Weekly. Consultado em 27 de Maio de 2009 
  9. «Pussycat Dolls' Melody Thornton Sounds Off Onstage In Phoenix». MTV. Consultado em 27 de Maio de 2009 
  10. «Pussycat Dolls Fight, Danity Kane Split: Bad Week for Girl Groups». Rolling Stone. Consultado em 27 de Maio de 2009 
  11. «5 Fast Facts About Pussycat Dolls' New Video, 'Hush Hush; Hush Hush'». MTV. Consultado em 27 de Maio de 2009 
  12. «Hush Hush; Hush Hush: The Pussycat Dolls: MP3 Downloads». Amazon.com. Consultado em 27 de Maio de 2009 
  13. Kraines, Talia. «Pussycat Dolls – Doll Domination (Review)». Orange. Consultado em 27 de Maio de 2009 
  14. Jones, Steve. «'Domination' by dance ditties». USA Today (Gannett Company). Consultado em 27 de Maio de 2009 
  15. Maura. «The Pussycat Dolls Throw A Hail Mary Pass». Idolator (Buzzmedia). Consultado em 27 de Maio de 2009 
  16. «Pussycat Dolls – 'Hush Hush' (Review)». Orange. Consultado em 25 de setembro de 2011 
  17. Voerding, Brian. «Top 100 Songs of 2009 – Pop Music». AOL Radio Blog. AOL Inc. Consultado em 27 de Maio de 2009 
  18. Trust, Gary. «Pitbull, Jeremih Hit Top Ten On Billboard Hot 100». Billboard. Consultado em 27 de Maio de 2009 
  19. «Chart Beat: Michael Jackson, Fabolous, Leighton Meester». Billboard. Consultado em 27 de Maio de 2009 
  20. «Pussycat Dolls & Lady GaGa Go Down Under». Rap-Up. Devin Lazerine. 22 de maio de 2009. Consultado em 15 de agosto de 2009 
  21. a b Reporter, Daily Mail (27 de maio de 2009). «Lewis Hamilton's girl Nicole Scherzinger gets in a lather for new Pussycat Dolls video». Daily Mail. Associated Newspapers. Consultado em 27 de maio de 2009 
  22. a b c d Newman, Melinda (27 de maio de 2009). «Review: Pussycat Dolls' new video for 'Hush Hush'». HitFix. Consultado em 26 de setembro de 2011 
  23. Anitai, Tamar (8 de junho de 2009). «5 Fast Facts About Pussycat Dolls' New Video, 'Hush Hush; Hush Hush'». MTV (MTV Networks). Consultado em 27 de setembro de 2011 
  24. «Video: Pussycat Dolls – 'Hush Hush Hush Hush'». Rap-Up. Devin Lazerine. 26 de maio de 2009. Consultado em 15 de agosto de 2009 
  25. Levine, Nick (28 de maio de 2009). «Pussycat Dolls go disco!». Digital Spy (Hachette Filipacchi Médias). Consultado em 27 de setembro de 2011 
  26. «VIDEO: The Pussycat Dolls' "Hush Hush; Hush Hush"'». Celebuzz (Buzzmedia) 
  27. Wheatley, Gemma (28 de maio de 2009). «Lewis' Girl is So Hot in Tub». Daily Star (Northern and Shell Media Publications). Consultado em 27 de setembro de 2011 
  28. «Pussycat Dolls Nicole Scherzinger naked in bath in new video – watch it here». Daily Mirror (One Canada Square). 28 de maio de 2009. Consultado em 27 de setembro de 2011 
  29. «Hush Hush, Hush Hush [CD single]». Amazon.fr. Consultado em 17 de outubro de 2010 
  30. «PCD ft. Nicole Scherzinger – Hush Hush; Hush Hush (Promo)». Discogs. Consultado em 17 de outubro de 2010 
  31. «UK Itunes; Hush Hush; Hush Hush single». Itunes.apple.com. Consultado em 17 de outubro de 2010 
  32. «The Pussycat Dolls - Hush Hush; Hush Hush» (em alemão). Charts.de. Media Control. Consultado em October 1, 2018.
  33. «Australian-charts.com – The Pussycat Dolls – Hush Hush; Hush Hush» (em inglês). ARIA Top 50 Singles. Hung Medien. Consultado em October 1, 2018.
  34. «The Pussycat Dolls – Hush Hush; Hush Hush Austriancharts.at» (em alemão). Ö3 Austria Top 40. Hung Medien. Consultado em October 1, 2018.
  35. «Ultratop.be – The Pussycat Dolls – Hush Hush; Hush Hush» (em neerlandês). Ultratop 50. Ultratop & Hung Medien / hitparade.ch. Consultado em October 1, 2018.
  36. «Ultratop.be – The Pussycat Dolls – Hush Hush; Hush Hush» (em francês). Ultratop 40. Ultratop & Hung Medien / hitparade.ch. Consultado em October 1, 2018.
  37. «The Pussycat Dolls Album & Song Chart History» (em inglês). Canadian Hot 100 para The Pussycat Dolls. Consultado em October 1, 2018.
  38. «Danishcharts.com – The Pussycat Dolls – Hush Hush; Hush Hush. (em dinamarquês). Tracklisten. Hung Medien. Consultado em October 1, 2018.
  39. «SNS IFPI» (em eslovaco). Hitparáda – Radio Top100 Oficiálna. IFPI República Checa. Nota: inserir 200928 na pesquisa. Consultado em October 1, 2018.
  40. «The Pussycat Dolls Album & Song Chart History» (em inglês). Billboard Hot 100 para The Pussycat Dolls. Consultado em October 1, 2018.
  41. «The Pussycat Dolls Album & Song Chart History» (em inglês). Billboard Hot Dance/Club Play para The Pussycat Dolls. Consultado em October 1, 2018.
  42. «The Pussycat Dolls Album & Song Chart History» (em inglês). Billboard Pop Songs para The Pussycat Dolls. Consultado em October 1, 2018.
  43. «The Pussycat Dolls: Hush Hush; Hush Hush» (em finlandês). Musiikkituottajat Consultado em October 1, 2018.
  44. «Lescharts.com – The Pussycat Dolls – Hush Hush; Hush Hush» (em francês). Les classement single. Hung Medien. Consultado em October 1, 2018.
  45. «Archívum – Slágerlisták – MAHASZ» (em húngaro). Rádiós Top 40 játszási lista. Magyar Hanglemezkiadók Szövetsége. Consultado em October 1, 2018.
  46. «Archívum – Slágerlisták – MAHASZ» (em húngaro). Dance Top 40 lista. Magyar Hanglemezkiadók Szövetsége. Consultado em October 1, 2018.
  47. «Archívum – Slágerlisták – MAHASZ» (em húngaro). Single (track) Top 40 lista. Magyar Hanglemezkiadók Szövetsége. Consultado em October 1, 2018.
  48. «Chart Track» (em inglês). Irish Singles Chart. GfK. Consultado em October 1, 2018.
  49. «Pussycat Dolls – Hush Hush Hush Hush Media Forest» (em inglês). Israeli Airplay Chart. Media Forest.
  50. «The Pussycat Dolls Album & Song Chart History». Billboard Luxembourg for The Pussycat Dolls. Prometheus Global Media. Consultado em 16 de fevereiro de 2019 
  51. «Listy bestsellerów, wyróżnienia :: Związek Producentów Audio-Video» (em polonês). Polish Dance Top 50. ZPAV. Consultado em October 1, 2018.
  52. «The Pussycat Dolls Album & Song Chart History» (em inglês). Portugal Digital Songs para The Pussycat Dolls. Consultado em June 7, 2015.
  53. «Top 40 Official UK Singles Archive» (em inglês). UK Singles Chart. Consultado em October 1, 2018.
  54. «ČNS IFPI» (em tcheco). Hitparáda – Radio Top 100 Oficiální. IFPI República Checa. Nota: inserir 200949 na pesquisa. Consultado em October 1, 2018.
  55. «The Pussycat Dolls – Hush Hush; Hush Hush swisscharts.com» (em inglês). Swiss Singles Chart. Hung Medien. Consultado em October 1, 2018.
  56. «Listy bestsellerów, wyróżnienia :: Związek Producentów Audio-Video» (em polonês). Polish Airplay Top 20. ZPAV. Consultado em May 8, 2017.
  57. «ARIA End Of Year Singles 2009». Australian Recording Industry Association. Consultado em 16 de fevereiro de 2019 
  58. «ARIA End Of Year Urban Singles 2009». Australian Recording Industry Association. Consultado em 16 de fevereiro de 2019 
  59. «Dance/Club Songs - Year-End 2009». Billboard. Consultado em 16 de fevereiro de 2019 
  60. «Éves összesített listák – Rádiós Top 100 - hallgatottsági adatok alapján - 2009» (em Hungarian). Mahasz. Consultado em 16 de fevereiro de 2019 
  61. «Éves összesített listák – Dance Top 100 - 2009» (em Hungarian). Mahasz. Consultado em 16 de fevereiro de 2019 
  62. «Year End Charts 2009» (PDF). Official Charts Company. Consultado em 16 de fevereiro de 2019 
  63. «Éves összesített listák – Rádiós Top 100 - hallgatottsági adatok alapján - 2010» (em Hungarian). Mahasz. Consultado em 16 de fevereiro de 2019 
  64. «ARIA Charts – Accreditations – 2009 Singles». Australian Recording Industry Association. Consultado em 8 de junho de 2017 
  65. «Certificações (Reino Unido) (single) – Pussycat Dolls – Hush Hush; Hush Hush» (em inglês). British Phonographic Industry. Consultado em 8 de junho de 2017 
  66. «News: Don't Miss the Pussycat Dolls NEW single "Hush Hush; Hush Hush" available EVERYWHERE 5/12!». The Pussycat Dolls Official Website. Consultado em 16 de fevereiro de 2019 [ligação inativa] 
  67. «®R&R :: Going For Adds™ :: CHR/Top 40». Radio & Records. Consultado em 16 de fevereiro de 2019 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]