Paizo Publishing

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Paizo Publishing
editora
Fundação 2002
Sede Bellevue, Washington
Pessoas-chave Lisa Stevens, Erik Mona, James Jacobs
Produtos role-playing games, jogos de tabuleiro, ficção científica, fantasia
Obras Pathfinder, Planet Stories
Website oficial paizo.com

Paizo Publishing é uma editora americana de jogos e desenvolve e publica jogos de role-playing game (RPG) e tabuleiro (board games em inglês), localizada em Bellevue, Washington e fundada por Lisa Stevens, em 2002, ex-funcionária da White Wolf e da Wizards of the Coast.[1] É conhecida pelo jogo Pathfinder Roleplaying Game.[2]

D&D and Pathfinder[editar | editar código-fonte]

A empresa inciou as atividades publicando as revistas Dragon e Dungeon licenciadas pela Wizards of the Coast, dona do Dungeons and Dragons (D&D) ambos publicadas sob licença da Wizards of the Coast Erik Mona é ex-editor-chefe do Dragon. James Jacobs ex-editor-chefe do Dungeon, agora é diretor de criação, supervisiona vários acessórios para Pathfinder. No início de 2007, foi anunciado que a licença tinha expirado e não seria renovado, a partir de setembro de 2007.

Paizo anunciada em 18 de março de 2008, que estariam lançando o Pathfinder Roleplaying Game. Com a nova linha de produtos, Paizo iria modificar, atualizar, manter e publicar o System Reference Document 3.5 (sob a Open Game License da Wizards of the Coast).

Outros produtos[editar | editar código-fonte]

A empresa começou a produzir uma revista bimestral chamada Undefeated em 2003,[3] e em 2004 ressuscitou a venerável revista de ficção científica Amazing Stories .[4] As duas publicações foram colocadas em hiato em 2005, e finalmente canceladas em 2006.[5]

Outros produtos Paizo incluem o Titanic Game, uma linha de jogos de tabuleiro, como Kill Doctor Lucky,[6] e a linha de romances fantasia cientifica Planet Stories.[7]

Em maio de 2016, Paizo anunciou um novo jogo de RPG dos gêneros space opera e fantasia científica, Starfinder , previsto para ser lançado em agosto de 2017.[8][nota 1]

Notas

  1. Starfinder não foi o primeiro cenário space opera para o sistema, anteriormente a editora autorizou uma adaptação de Véu da Verdade do brasileiro J. M. Beraldo.[9][10]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]