Pearl Jam Official Bootlegs

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

O Pearl Jam Official Bootlegs é a série de álbuns ao vivo que a banda de rock Pearl Jam tem lançado continuamente desde 2000. Já foram vendidos mais de 3 milhões de cópias de shows desde o lançamento.[1] Essa coleção é um registro completo de quase todos os shows que a banda toca.

2000–2001[editar | editar código-fonte]

O início da coleção ocorreu quando da turnê do CD Binaural. Foram lançados 72 "bootlegs" nas lojas da América do Norte e da Europa entre meados de 2000 e começo de 2001, com os 25 shows na Europa saindo antes. Cada um dos shows foi lançado em uma caixinha de papelão contendo dois CDs, exceto o 72.º e último, realizado em Seattle no dia 6 de novembro de 2000. Esse CD saiu como triplo, foi o que alcançou melhor resultado de vendas, alcançando o 98.º lugar na Billboard 200, e foi chamado de "documento ao vivo essencial" pelo All Music Guide.[2] Entre os shows da turnê, 18 foram escolhidos como melhores registros pela banda e ganharam um selo que os identificava, com um homem e um macaco. Com o lançamento do "Official Bootlegs", o Pearl Jam estabeleceu o recorde de mais álbuns a debutarem ao mesmo tempo na Billboard 200, com sete álbuns.[3]

Official Bootlegs 2000[editar | editar código-fonte]

  • O asterisco (*) mostra os shows com o selo "homem/macaco".

Posições na Bilboard 200[editar | editar código-fonte]

Ano Álbum Posições
EUA[4]
2000 5/30/00, Wembley Arena, London, England 137
6/16/00, Spodek, Katowice, Poland 103
6/20/00, Arena di Verona, Verona, Italy 134
6/22/00, FILA Forum Arena, Milan, Italy 125
6/26/00, Alsterdorfer Sporthalle, Hamburg, Germany 175
2001 8/12/00, Ice Palace, Tampa, Florida 181
8/15/00, Pyramid Arena, Memphis, Tennessee 191
8/18/00, Deer Creek Music Center, Noblesville, Indiana 174
8/25/00, Jones Beach Amphitheater, Wantagh, New York 159
8/29/00, Tweeter Center Boston, Mansfield, Massachusetts 163
9/1/00, Blockbuster Music Entertainment Centre, Camden, New Jersey 179
9/5/00, Post-Gazette Pavilion, Burgettstown, Pennsylvania 176
10/22/00, MGM Grand Arena, Las Vegas, Nevada 152
11/6/00, KeyArena, Seattle, Washington 98

2003[editar | editar código-fonte]

Os CDs continuaram para a turnê de 2003, do CD Riot Act, mas de início não foram disponibilizados nas lojas. Eles tinham de ser encomendados no sítio da banda, onde ficavam disponíveis uma semana depois de cada show, e eram então enviados pelo correio. Depois de cada uma das partes da turnê, alguns shows de maior destaque foram lançados nas lojas: o de 23 de fevereiro, em Perth, Austrália; o de 3 de março, em Tóquio, Japão; o de 3 de maio, em State College, Pensilvânia; os de 8 e 9 de julho, em Nova York; e o de 11 de julho, em Mansfield, Massachusetts. O show de State College durou três horas, foi lançado também em CD triplo e foi então considerado pelo vocalista Eddie Vedder como "o show mais longo que o Pearl Jam já tocou". Ele seria ultrapassado depois pelo show de Mansfield, em que a banda tocou 45 músicas, incluindo um set acústico. Os shows de Nova York, no Madison Square Garden, foram lançados tanto separadamente como em um box. O show do dia 8 foi ainda lançado como o DVD Live at the Garden. Em 2004, o Pearl Jam lançou Live at Benaroya Hall, que, apesar de vir em uma caixinha similar à dos bootlegs, não é considerado parte da série.

Official Bootlegs 2003[editar | editar código-fonte]

Nota: o número 53 da série era para ter sido o show no Riverbend Music Center, de Cincinnati, Ohio, mas este foi cancelado.

Posições na Billboard 200[editar | editar código-fonte]

Ano Álbum Posições
EUA[4][5] AUS[6]
2003 2/23/03, Burswood Dome, Perth, Australia 34
3/3/03, Nippon Budokan, Tokyo, Japan 182
5/3/03, Bryce Jordan Center, University Park, Pennsylvania 169

2005–2006[editar | editar código-fonte]

A banda ficou de férias das excursões por um ano até a turnê "Vote for Change", em 2004, mas preferiu não lançar bootlegs dos seis shows dessa turnê. Eles ficaram parados por mais um ano até a turnê de 2005 pelo Canadá e América do Sul. Pela primeira vez, os bootlegs foram lançados apenas em MP3, novamente disponíveis apenas pelo sítio da banda. Os downloads eram acompanhados por fotos de cada show e por PDFs para que fossem feitas capas dos CDs. Para a turnê de 2006, foi adicionada a opção de download sem perda de qualidade. Os bootlegs digitais geralmente ficavam disponíveis de dois a três dias depois de cada show, embora esse prazo tenha sido menor durante a turnê na América do Sul, ainda com o formato normal de áudio.

Bootlegs Digitais 2005[editar | editar código-fonte]

Bootlegs Digitais 2006[editar | editar código-fonte]

Lançamentos on-line de arquivo[editar | editar código-fonte]

  • 11/30/93, Aladdin Theater, Las Vegas, Nevada

2008[editar | editar código-fonte]

A banda optou por não lançar bootlegs para sua temporada na Europa em 2007, mas a série oficial voltou em 2008, para a temporada de concertos nos Estados Unidos, por meio de downloads digitais em MP3 e FLAC (sem perda de qualidade). A novidade foi que nesse ano foi introduzida a opção de comprar o CD de cada apresentação, confeccionado sob demanda pela Kufala Recordings.[7]

Bootlegs Oficias de 2008[editar | editar código-fonte]

  • 1 6/11/08, Cruzan Amphitheatre, West Palm Beach, Flórida
  • 2 6/12/08, St. Pete Times Forum, Tampa, Flórida
  • 3 6/14/08, Bonnaroo, Manchester, Tennessee
  • 4 6/16/08, Colonial Center, Columbia, Carolina do Sul
  • 5 6/17/08, Verizon Amphitheatre, Virginia Beach, Virgínia
  • 6 6/19/08, Susquehanna Bank Center, Camden, New Jersey
  • 7 6/20/08, Susquehanna Bank Center, Camden, New Jersey
  • 8 6/22/08, Verizon Center, Washington, D.C.
  • 9 6/24/08, Madison Square Garden, New York, New York
  • 10 6/25/08, Madison Square Garden, New York, New York
  • 11 6/27/08, Dodge Amphitheater, Hartford, Connecticut
  • 12 6/28/08, Comcast Center, Mansfield, Massachusetts
  • 13 6/30/08, Comcast Center, Mansfield, Massachusetts

Referências

  1. "Pearl Jam Goes Digital For Live Bootleg Series", Jonathan Cohen, Billboard. 24 de agosto de 2005
  2. "Live: 11-6-00 - Seattle Washington Review", Douglas Siwek, All Music Guide.
  3. Darren Davis (7 de março de 2001). «Pearl Jam Breaks Its Own Chart Record». Yahoo! Music. Consultado em 8 de março de 2008 
  4. a b «Pearl Jam Chart History: Albums». Billboard. Consultado em 19 de fevereiro de 2008 
  5. «Pearl Jam - State College, Pennsylvania: May 3, 2003». Billboard. Consultado em 11 de junho de 2007 
  6. «VARIOUS - FEBRUARY 3 3 #1 PERTH -(PEARL JAM LIVE) PEARL JAM (ALBUM)». Australian-charts.com. Consultado em 11 de junho de 2007 
  7. «Pearl Jam 2008 Bootleg Program». pearljam.com. 10 de junho de 2008. Consultado em 17 de novembro de 2008. Arquivado do original em 7 de julho de 2007 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]