Regina Torné

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde Agosto de 2009).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.


Regina Torné
Nascimento 2 de outubro de 1945 (71 anos)
Tabasco, México
Nacionalidade México mexicana
Ocupação Atriz
comediante

Regina Torné (Cidade do México, 2 de outubro de 1945)[1] é uma atriz e comediante mexicana. Filha de mãe espanhola e pai mexicano.

Ficou conhecida pela atuação no programa Chaves em 1978. Regina interpretava "Gloria" [2], a tia da Paty, também conhecida como "a senhorita do 24". Tem trabalhado na Televisa desde muito jovem, é reconhecida também por causa de seu desempenho no filme Como Água para Chocolate. Consequentemente, foi conhecida por interpretar vilãs em novelas.

Telenovelas & Séries[editar | editar código-fonte]

Filmes[editar | editar código-fonte]

  • 2009 - Mi vida por ti - Diana San Román
  • 1996 - Simple mortal - Liliana
  • 1992 - Como água para chocolate - Mamá Elena
  • 1992 - Tu puedes, si quieres - Coñi
  • 1977 - Capulina Chisme Caliente - Geraldine
  • 1976 - Tiempo y destiempo - Cristiana
  • 1974 - Viento salvaje - Dínar
  • 1972 - Hijos de Satanás
  • 1969 - La Señora Muerte' - Marlene
  • 1969 - Al fin a solas
  • 1969 - Blue Demon contra las invasoras
  • 1969 - Mujeres de medianoche - Mabel
  • 1969 - El Crepúsculo de un dios
  • 1969 - Las Infieles
  • 1969 - The Big Cube -Queen Bee
  • 1969 - Pacto diabólico
  • 1969 - Las Luchadoras contra el robot asesino - Gaby
  • 1968 - Las de oros
  • 1968 - Los Asesinos - Angela Nelson
  • 1968 - The Chinese Room - Sidonia Campos
  • 1968 - Bajo el imperio del hampa'
  • 1968 - Los Canallas'
  • 1968 - I Spy - Elena
  • 1967 - Dos pintores pintorescos
  • 1967 - El Asesino se embarca - Paula
  • 1967 - Pistoleros de la frontera
  • 1967 - Rocambole contra las mujeres arpías
  • 1967 - Adios cuñado
  • 1966 - Jinetes de la llanura
  • 1966 - El Rata
  • 1966 - El Temerario
  • 1966 - Solo de noche vienes
  • 1966 - Nosotros los jóvenes
  • 1966 - Despedida de soltera - Pilar

Polêmicas[editar | editar código-fonte]

Em 2006, Regina del Pilar Campos Insuástegui, a filha de Regina Torné, foi acusada por homicídio e privação ilegal da liberdade. Regina Torne duvida de que sua filha tem participado de um ato tão cruel como este, uma vez que garante que isso requer uma força verdadeiramente brutal e acredita que ela é inocente.[3].

Em fevereiro do ano de 2014, surgiram rumores do falecimento da atriz. Porém, a mesma concedeu uma entrevista por telefone ao vivo para um canal do México, lamentando profundamente o boato mentiroso.O mesmo aconteceu com Roberto Gómez Bolaños antes de 2014. Link da entrevista é facilmente encontrado no YouTube.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]