Siegfried Selberherr

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde junho de 2011). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)


Siegfried Selberherr
Nascimento 3 de agosto de 1955 (64 anos)
Klosterneuburg
Nacionalidade Austríaco
Prêmios Medalha Wilhelm Exner (1994), Prêmio Erwin Schrödinger (2001), Prêmio Cledo Brunetti IEEE (2018)
Instituições Universidade Técnica de Viena
Campo(s) Engenharia

Siegfried Selberherr (Klosterneuburg, 3 de agosto de 1955) é um engenheiro austríaco.

É professor do Instituto de Microeletrônica da Universidade Técnica de Viena.[1] Sua principal linha de pesquisa é modelagem e simulação de fenômenos físicos em microeletrônica.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Desde 1988 Siegfried Selberherr é professor titular de tecnologia de software em sistemas microeletrônicos da Universidade Técnica de Viena. Nesta universidade cursou engenharia elétrica, onde também graduou-se mestre em 1978, doutor em 1981 e obteve sua habilitação em 1984. Em seguida, foi pesquisador visitante no Bell-Labs. Desde 1996 Selberherr é 'Distinguished Lecturer' da IEEE Electron Devices Society. Entre os anos 1998-2005 foi diretor da Faculdade de Engenharia Elétrica e Tecnologia de Informação da Universidade Técnica de Viena. Desde 2001 é membro do conselho de supervisão da ams AG e desde 2004 é membro do conselho consultivo do Departamento Inter-Universitário de Agrobiotecnologia (IFA-Tulln).

Realizações[editar | editar código-fonte]

Em sua carreira científica Prof. Selberherr publicou, juntamente com seu grupo de pesquisa, mais de 350 artigos em revistas científicas e mais de 1000 artigos em anais de conferências, dos quais mais de 150 como palestrante convidado. Também publicou 2 livros, coeditou mais de 30 volumes e orientou mais de 100 teses de doutorado até o momento.

Durante seu trabalho de pesquisa Prof. Selberherr desenvolveu um simulador para dispositivos 'Metal-Óxido-Semicondutor' (MINIMOS), tendo um modelo de mobilidade para os portadores de carga que leva seu nome. Também supervisionou diversos projetos de pesquisa em conjunto com renomadas empresas de semicondutores e agências financiadoras de pesquisa, como o Fundo Austríaco de Ciência (em inglês: Austrian Science Fund, FWF), Associação de Pesquisa Christian Doppler (em alemão: Christian Doppler Forschungsgesellschaft, CDG), e Conselho Europeu de Pesquisa (em inglês: European Research Council, ERC).

Prêmios[editar | editar código-fonte]

  • 2018: Prêmio Cledo Brunetti IEEE
  • 2015: Franz Dinghofer Medal do Instituto Dinghofer
  • 2014: Decoração de honra com fita Marin Drinov(inglês) da Academia Búlgara de Ciências (inglês).
  • 2013: Membro titular da Academia Européia[2] (em inglês: Full Member of the Academia Europaea)
  • 2011: Cruz de Comendador de prata pelos serviços prestados ao Estado da Baixa Áustria (em inglês: Silver Commander's Cross of the Order of Merit for Distinguished Service for the Federal Province of Lower Austria)
  • 2009: 'Advanced Grant' do ERC [3]
  • 2006: Doutor honoris causa da Universidade de Niš
  • 2005: Condecoração de Honra por serviços para a República da Áustria
  • 2004: Membro titular da Academia Européia de Ciências e Artes (em inglês: Full Member of the European Academy of Sciences and Arts)
  • 2001: Prêmio Erwin Schrödinger da Academia Austríaca de Ciências (em inglês: 'Erwin Schrödinger Award' of the Austrian Academy of Sciences, ÖAW)
  • 1994: Medalha Wilhelm Exner Associação Austríaca de Pequenas e Médias Empresas (em inglês: 'Wilhelm Exner Medal' of the Austrian Association for Small and Medium-sized Enterprises, ÖGV)
  • 1993: Fellow do Instituto de Engenheiros Eletricistas e Eletrônicos, IEEE
  • 1986: Prêmio 'Heinz Zemanek' da Sociedade Austríaca de Computação, em inglês: 'Heinz Zemanek Award' of the Austrian Computer Society, ÖCG)
  • 1983: Prêmio 'Dr. Ernst Fehrer' da Universidade Técnica de Viena (em inglês: 'Dr. Ernst Fehrer Award' of the TU Wien)

Publicações selecionadas[editar | editar código-fonte]

Revistas científicas[editar | editar código-fonte]

  • V. Sverdlov, S. Selberherr. Silicon Spintronics: Progress and Challenges., Physics Reports, Vol.585, pp. 1–40, 2015, doi:10.1016/j.physrep.2015.05.002.
  • H. Ceric, S. Selberherr. Electromigration in Submicron Interconnect Features of Integrated Circuits., Materials Science and Engineering R, Vol.71, pp. 53–86, 2011, doi:10.1016/j.mser.2010.09.001.
  • V. Sverdlov, E. Ungersboeck, H. Kosina, S. Selberherr. Current Transport Models for Nanoscale Semiconductor Devices., Materials Science and Engineering R, Vol.58, No.6-7, pp. 228–270, 2008, doi:10.1016/j.mser.2007.11.001.
  • T. Grasser, T.-W. Tang, H. Kosina, S. Selberherr. A Rewiew of Hydrodynamic and Energy-Transport Models for Semiconductor Device Simulation., Proceedings of the IEEE, Vol.91, No.2, pp. 251–274, 2003, doi:10.1109/JPROC.2002.808150.
  • S. Selberherr, A. Schütz, H. Pötzl. MINIMOS – A Two-Dimensional MOS Transistor Analyzer., IEEE Trans.Electron Devices, Vol.ED-27, No.8, pp. 1540–1550, 1980, doi:10.1109/T-ED.1980.20068.

Livros[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Literatura de e sobre Siegfried Selberherr no catálogo da Biblioteca Nacional da Alemanha


Ícone de esboço Este artigo sobre engenheiro(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.