Whitney Museum of American Art

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O Whitney Museum of American Art, muitas vezes referida apenas como "Whitney", é um museu de arte contemporânea localizado em Nova York, Estados Unidos.

Em 1929, Gertrude Vanderbilt Whitney ofereceu-se para dar os cerca de 600 obras que possuía, para o Metropolitan Museum of Art, mas teve sua doação dispensada. Dessa forma estas obras tornaram-se a base do Whitney Museum of American Art.[1] Sua coleção se baseava principalmente em artistas americanos, cujo trabalho tinha sido desprezado pelos críticos e acadêmicos da época.[2]

A coleção permanente do Whitney compreende mais de 19.000 pinturas, esculturas, desenhos, gravuras, fotografias, filmes, vídeos e novas mídias por mais de 2.900 artistas. Exposições anuais e a bienal do museu tem sido um local de encontro para os artistas mais jovens e menos conhecidos, que apresentam seus trabalhos no museu.

Referências

  1. «Gertrude Vanderbilt Whitney's Heirs Are Back on the Board at the Family's Spanking-New Museum». Vogue (em inglês). Consultado em 25 de abril de 2016 
  2. «Gertrude Vanderbilt Whitney's Birthday: 8 Things We Owe To The American Art Icon». Huffington Post (em inglês). Consultado em 25 de abril de 2016