Bring Your Daughter... to the Slaughter

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
"Bring Your Daughter...To The Slaughter"
Single de Iron Maiden
do álbum No Prayer for the Dying
Lado B "I'm A Mover"
"Communication Breakdown"
Lançamento 24 de Dezembro de 1990
Gravação 1990
Gênero(s) Heavy Metal
Duração 3:50
Gravadora(s) EMI
Composição Bruce Dickinson
Produção Martin Birch
Cronologia de singles de Iron Maiden
Último
Último
Holy Smoke
(1990)
Be Quick Or Be Dead
(1992)
Próximo
Próximo

"Bring Your Daughter…To The Slaughter" é o 2º single do álbum No Prayer for the Dying, lançado pela banda Iron Maiden em 24 de Dezembro de 1990. Esta música foi inicialmente gravada por Bruce Dickinson em sua carreira solo, para ser incluída na "soundtrack" do filme A Nightmare on Elm Street 5: The Dream Child. A versão original desta música pode ser encontrada no 2º CD do álbum The Best of Bruce Dickinson. Foi a primeira e única música dos Maiden a atingir o 1º lugar no Top de Singles Britânico.

Quando Bruce gravou a música a solo no Outono de 1990, a banda criou também a sua versão da música, com Bruce na voz também. Não existe muita diferença entre as versões, são muito parecidas sendo a mais notória diferença nos solos da música. Apesar de ter atingido o 1º lugar nos Tops, a música recebeu o infame prémio Golden Raspberry de pior canção original de 1989. É de notar também que a música foi gravada no "Rolling Stones Mobile Studio".

Os b-sides deste single são covers das bandas Free e Led Zeppelin.

O vídeoclip da música inclui cenas do filme Hotel dos Horrores, de 1960, em que o protagonista é Christopher Lee.

Dickinson explicou uma vez o significado da música e a sua relação com o Elm Street: "Eu tentei nesta música resumir o que penso que são os filmes "Nightmare On Elm Street" e cheguei a conclusão que é tudo sobre uma adolescente com medo das dores de menstruação. É isto que eu acho que significa no fundo. Quando uma garota adolescente menstrua pela primeira vez, ela sangra e tudo acontece à noite, então ela tem medo de dormir, e acaba por ser um fase muito difícil para ela, psicologicamente e fisicamente, e os filmes "Nightmare On Elm Street", fala sobre esse medo. A verdadeira chacina nos filmes desta "saga" é quando a garota perde a sua virgindade. Esse é o verdadeiro pensamento sobre estes filmes, mas também é o que os torna assustadores."

Esta música foi a única do álbum No Prayer for the Dying a ser tocada após a saída de Bruce, em 1993. É nos dias de hoje uma música muito raramente tocada, tendo mesmo só re-"aparecido" em apenas alguns concertos no Verão de 2003.

Faixas do Single[editar | editar código-fonte]

  1. "Bring Your Daughter…To The Slaughter" (Bruce Dickinson) - 4.45
  2. "I'm A Mover" (Free Cover) - 3.21
  3. "Communication Breakdown" (Led Zeppelin Cover) - 2.41

Créditos[editar | editar código-fonte]