Edward Jenner

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Edward Jenner
Medicina
Nacionalidade Reino Unido Britânico
Nascimento 17 de maio de 1749
Local Berkeley
Morte 26 de janeiro de 1823 (73 anos)
Local Berkeley
Atividade
Campo(s) Medicina

Edward Jenner FRS (Berkeley, 17 de maio de 1749 — Berkeley, 26 de janeiro de 1823) foi um naturalista e médico britânico que clinicava em Berkeley, filho de um vigário anglicano, Edward Jenner, aos 14 anos, tornou-se aprendiz do cirurgião de seu povoado natal. Mais tarde, estudou em Londres. Em 1772, voltou para Berkeley, dedicando-se à medicina onde seria conhecido pela invenção da vacina da varíola[1] - a primeira imunização deste tipo na história do ocidente. Afirma-se que os chineses tenham desenvolvido uma técnica de imunização anteriormente a Jenner. Eles trituravam as cascas das feridas produzidas pela varíola, onde o vírus estava presente, porém morto, e sopravam o pó através de um cano de bambu nas narinas das crianças. O sistema imunológico delas produzia uma reação contra o vírus morto e, quando expostas ao vírus vivo, o organismo já sabia como reagir, livrando os pequenos da doença.

Jenner também se dedicou a outras áreas de pesquisa, colecionando fósseis e realizando pesquisas em horticultura. A primeira descrição da arteriosclerose foi dada por Jenner, como se verifica no seguinte texto:

Depois de examinar as partes mais importantes do coração, sem encontrar nada que justificasse a morte súbita do paciente ou os sintomas que a precederam, eu estava fazendo um corte transverso próximo da base do coração, quando a faca se deparou com alguma coisa dura, como se fossem pequenas pedras. Lembro que olhei para o velho teto, pensando que algo tivesse caído de lá. Examinando melhor, a verdadeira causa apareceu: as coronárias tinham se transformado em canais ósseos.

Mas seu legado para a humanidade, porém, estara sempre ligado ao princípio da vacinação e à varíola.

Descoberta da vacina[editar | editar código-fonte]

Em 1789 Jenner observou que as vacas tinham as tetas feridas iguais às provocadas pela varíola no corpo de humanos. Os animais tinham uma versão mais leve da doença, a varíola bovina, ou bexiga vacum. Em 1796, resolveu pôr à prova a sabedoria popular que dizia que quem lidava com gado não contraía varíola. Ao observar que as mulheres responsáveis pela ordenha quando expostas ao vìrus bovino tinham uma versão mais suave da doença, então ele conduziu sua primeira experiência com James Phipps, um menino de oito anos.

Jenner inoculou com o pus extraído de feridas de vacas contaminadas recolhendo o líquido que saía destas feridas e o passou em cima de arranhões que ele provocou no braço do garoto. O menino teve um pouco de febre e algumas lesões leves, tendo uma recuperação rápida. A partir daí, o cientista pegou o líquido da ferida de outro paciente com varíola e novamente expôs o garoto ao material. Semanas depois, ao entrar em contato com o vírus da varíola, o pequeno passou incólume à doença. Estava descoberta assim a propriedade de imunização.

No ano seguinte, ele relatou seu experimento à Royal Society - a Academia de Ciências do Reino Unido -, mas as provas que ele apresentou foram consideradas insuficientes. Ele realizou então novas inoculações em outras crianças, inclusive em seu próprio filho. Em 1798, seu trabalho foi reconhecido e publicado. No entanto, seus críticos procuravam ridicularizá-lo, denunciando como repulsivo o processo de infectar gente com material colhido de animais doentes. Mas as vantagens da vacinação, porém, logo se tornaram tão evidentes tornando imune à varíola humana, uma das doenças epidêmicas mais mortais da humanidade.

A varíola só seria erradicada na década de 1980, de acordo com a Organização Mundial de Saúde. Edward Jenner foi capaz de descobrir a vacina para essa doença que tanto matava naquela época.

As vacinas foram sendo criadas para quase todo o tipo de doença, e está sendo uma das melhores coisas já criadas pelo homem, pois tem salvado a vida de muita gente.

Referências

  1. Stefan Riedel, MD, PhD. (janeiro 2005). "Edward Jenner and the history of smallpox and vaccination" (em inglês) 18 (1): 21–25. Baylor University Medical Center. PMID 16200144.
Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Edward Jenner
Ícone de esboço Este artigo sobre um cientista é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.