Eugénia Melo e Castro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Eugénia Melo e Castro
Informação geral
Nome completo Maria Eugénia Menéres de Melo e Castro
Nascimento 6 de Junho de 1958 (55 anos)
Origem Covilhã
País  Portugal
Gênero(s) Bossa Nova
jazz
Instrumento(s) voz
Página oficial www2.uol.com.br/eugeniameloecastro/

Eugénia Melo e Castro, de seu nome completo Maria Eugénia Menéres de Melo e Castro DmIH (Covilhã, 6 de Junho de 1958) é cantora e compositora portuguesa.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Filha de E. M. de Melo e Castro e de Maria Alberta Menéres, escritores, Eugénia Melo e Castro estudou Artes Gráficas e, em Londres, frequentou a London Film School, estudando cinema e fotografia.[1] Entre 1977 e 1978 teve experiências como actriz de teatro, com o grupo Ânima (que fundou e onde desenvolveu trabalhos de poesia experimental encenada) e n' A Barraca. Já no cinema participou em filmes de Joaquim Leitão e Djalma Limonge Batista. Foi na televisão, autora e produtora musical, compositora e apresentadora. A partir da década de 1980 começa a estabelecer uma parceria autoral e vocal com alguns dos mais consagrados artistas brasileiros, como Tom Jobim, Chico Buarque, Simone, Caetano Veloso, Milton Nascimento, entre muitos outros.[2] Em 2007 foi distinguida com o prémio QUALIDADE BRASIL pelo conjunto da sua obra musical, que foi e está integralmente lançada no Brasil. Em 2008 o seu programa de televisão ATLâNTICO foi considerado um dos 50 melhores programas de sempre de televisão em Portugal, tendo ficado em 23º lugar.

Casou com António José Leitão de Campos Rosado, de quem tem uma única filha, Ana Mariana de Melo e Castro de Campos Rosado (1979).

A 8 de Junho de 2009 foi feita Dama da Ordem do Infante D. Henrique.

Discografia[editar | editar código-fonte]

  • Terra de Mel (LP, Polygram, 1982)
  • Águas de Todo O Ano (LP, Polygram, 1983)
  • Eugénia Melo e Castro III (LP, Polygram, 1986)
  • Coração Imprevisto (LP, EMI, 1988)
  • Canções e Momentos (Compilação, Polygram, 1989)
  • Amor é Cego e Vê (LP, Polygram, 1990)
  • Lisboa Dentro de Mim (CD, BMG, 1993)
  • O Melhor de Eugénia Melo e Castro (Compilação, Polygram, 1993)
  • Canta Vinicíus de Moraes (CD, Megadiscos/Som Livre, 1994)
  • EMC Ao Vivo Em São Paulo (CD, Som Livre, 1996)
  • EMC Canta Vinicíus de Moraes (CD, Sony, 2000)
  • Ao Vivo Em São Paulo (CD, Som Livre, 2000)
  • A Luz do Meu Caminho (CD, MVM, 2000)
  • Eugénia Melo e Castro.com - Duetos (Compilação, Eldorado, 2001) - Brasil
  • Recomeço (CD, Som Livre, 2001)
  • . Dança da LUZ - EDP - 2004 (CD)
  • Motor da Luz (CD, Som Livre, 2001)
  • " PAZ " - CD- Som Livre - 2004 // Universal - 2007
  • " DESCONSTRUÇÃO" - (2004) Duplo CD - 2007 - Universal
  • " POPORTUGAL" - CD - Universal - 2007
  • " DUETOS x 16 - CD - Atração / Brazilmusica 2009

Colectâneas[editar | editar código-fonte]

  • A música em Pessoa (1985) - Emissário De Um Rei Desconhecido
  • Bocage - O Triunfo do Amor (1998) - Liberdade
  • Songbook Chico Buarque (1999) - Tanto Mar (c/ Wagner Tiso)
  • O melhor de Eugénia Melo e Castro - Universal 2004
Participações nos discos de


Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Biografia | Vida em www2.uol.com.br/eugeniameloecastro/
  2. Biografia | Artistas e Trabalhos em uol.com.br/eugeniameloecastro/