Far and Away

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Far and Away
Horizonte Longínquo (PT)
Um Sonho Distante (BR)
1992 • cor • 140 min 
Direção Ron Howard
Roteiro Bob Dolman
Ron Howard
Elenco Tom Cruise
Nicole Kidman
Thomas Gibson
Robert Prosky
Género aventura
drama
romance
País  Estados Unidos
Idioma inglês
Página no IMDb (em inglês)

Far and Away (no Brasil: Um Sonho Distante em Portugal Horizonte Longínquo) é um filme norte-americano de 1992, do gênero romance, dirigido por Ron Howard. Foi um dos três filmes em que o até então casal, Tom Cruise e Nicole Kidman, atuaram juntos.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

A trama se passa em 1892 e tem início na Irlanda. Joseph Donnelly é um jovem analfabeto que se revolta contra um poderoso proprietário de terras, por considerá-lo responsável pela morte de seu pai. Durante um duelo, uma jovem passa com uma carroça e salva a sua vida. Insatisfeitos com a vida que levavam, eles decidem partir para os Estados Unidos, atrás do sonho americano.[1]

Gtk-paste.svg Aviso: Terminam aqui as revelações sobre o enredo.

Elenco principal[editar | editar código-fonte]

  • Tom Cruise .... Joseph Donnelly
  • Nicole Kidman .... Shannon Christie
  • Thomas Gibson .... Stephen Chase
  • Robert Prosky .... Daniel Christie
  • Barbara Babcock .... Nora Christie
  • Cyril Cusack .... Danty Duff
  • Eileen Pollock .... Molly Kay
  • Colm Meaney .... Kelly
  • Douglas Gillison .... Dermody[2]

Recepção da crítica[editar | editar código-fonte]

Far and Away teve recepção mista por parte da crítica especializada. Com base em 19 avaliações profissionais, alcançou uma pontuação de 49% no Metacritic.

Em avaliações mistas, do The Boston Globe, Jay Carr disse: "Far and Away é um retrocesso para os bonitos romances históricos, mas com Hollywood​parada para os fazer, pode pelo menos dizer-se que é o mais ambicioso da maioria do que vamos ver neste verão [de 1992]."

Los Angeles Times, Kenneth Turan: "É nítido como pode ter em termos de valores de produção e fotografia panorâmica (como convém a seu orçamento de US$ 70 milhões) e como chá fraco e aguado quando se trata de pequenas coisas como o diálogo e desenvolvimento do caráter."

Em avaliações favoráveis, do Chicago Tribune, Gene Siskel disse: "Far and Away, um melodrama romântico levemente antiquado que tem muitos momentos encantadores como também embaraçosos. Muito dos charmes são fornecidos pelos próprios desempenhos sérios de Tom Cruise e Nicole Kidman."

Time, Richard Schickel: "De alguma forma, ele funciona, em parte por causa da maneira que o diretor Howard mantém os seus quadros lotados abusando com atividades, em parte por causa do grande indomável com que seus personagens principais são dotados pelos atores e pelo escritor Dolman, mas principalmente porque o filme tem chances que animam com o respectivo material."[3]

Referências

  1. AdoroCinema (em português). Visitado em agosto de 2013.
  2. Interfilmes (em português). Visitado em agosto de 2013.
  3. Far and Away (em inglês) Metacritic. Visitado em 20 de abril de 2015.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]