Tom Cruise

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita uma ou mais fontes fiáveis e independentes, mas ela(s) não cobre(m) todo o texto (desde Abril de 2010).
Por favor, melhore este artigo providenciando mais fontes fiáveis e independentes e inserindo-as em notas de rodapé ou no corpo do texto, conforme o livro de estilo.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Tom Cruise
Cruise em 2013
Nascimento 3 de julho de 1962 (51 anos)
Syracuse, Nova Iorque
 Estados Unidos
Ocupação Ator
Cônjuge Mimi Rogers (1987–1990)
Nicole Kidman (1990–2000)
Katie Holmes (2006–2012)
Prêmios Globo de Ouro
Melhor Ator Dramático
1990 - Born on the Fourth of July
Melhor Ator - Comédia ou Musical
1996 - Jerry Maguire
Melhor Ator Coadjuvante
2000 - Magnolia
BAFTA
Prêmio Stanley Kubrick Britannia
2004 - Pelo Conjunto Da Obra
Outros prêmios
MTV Movie Awards - Melhor Ator Principal
1997 - Jerry Maguire
2001 - Mission: Impossible II
Página oficial
IMDb: (inglês) (português)

Thomas "Tom" Cruise Mapother IV (AFI[ˈtɒməs ˈkruːz ˈmeɪpɒθər]; Syracuse, 3 de julho de 1962) é um ator e produtor de cinema americano. Listado pela revista Forbes como a celebridade mais popular de 2006,[1] foi indicado por três vezes para o Oscar e venceu três Globos de Ouro. Seu primeiro papel de destaque foi no filme Risky Business (br: Negócio Arriscado), descrito como um "clássico da geração X", responsável por consagrar sua carreira como ator.c[2] Após desempenhar o papel de um heroico piloto de caças no filme Top Gun (br: Top Gun - Ases Indomáveis), de 1986, enorme sucesso de público e crítica, Cruise continuou a fazer filmes nesta mesma linha, interpretando posteriormente um agente secreto na série de filmes de ação Mission: Impossible (Missão Impossível) durante as décadas de 1990 e 2000. Além destes papéis heroicos, interpretou outros personagens de destaque, como o misógino guru de auto-ajuda em Magnólia (1999) e um sociopático assassino de aluguel, frio e calculista, no thriller de Michael Mann, Collateral (2004).

Em 2005 o jornalista de Hollywood Edward Jay Epstein listou Cruise como um dos poucos produtores (juntamente com George Lucas, Steven Spielberg e Jerry Bruckheimer) capazes de garantir o sucesso de uma franquia cinematográfica bilionária.[3] Desde o mesmo ano Cruise e Paula Wagner têm o comando do estúdio cinematográfico United Artists,[4] com Cruise como produtor e principal estrela e Wagner como principal executiva. Cruise também é conhecido por sua controversa filiação e aderência à Igreja da Cientologia.[5]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Carreira cinematográfica[editar | editar código-fonte]

Tom Cruise partiu para Nova Jersey para tentar a sorte, e inicia os estudos de interpretação. Vai a diversos "castings" e trabalha no que pode: camareiro, lojas de gelados, mas nunca consegue realizar o seu sonho. Então, decide ir para a Califórnia, onde conseguiu o seu primeiro papel, no filme dirigido por Franco Zeffirelli, Endless Love (br: Amor sem Fim). Logo a seguir participa de The Outsiders, de Francis Ford Coppola, em 1983.

Depois deste papel, voltaria a Nova Jersey, com a surpresa de ser escolhido para o filme Taps, mas como ator secundário. A sua carreira começou logo ali, e em 1981, conseguiu o seu primeiro papel como protagonista, em Risky Business (br: Negócio Arriscado), contracenando com Paul Brickman e Rebecca de Mornay.

Começou sua carreira como galã de filmes para adolescentes. Em 1986, passa a categoria de astro do cinema com a atuação no filme Top Gun (br: Top Gun - Ases Indomáveis). Em 1990, consegue a aceitação dos críticos, com Days of Thunder (br: Dias de Trovão), o filme onde estreava como guionista com Robert Towne. Neste momento, o cinema mostrava um Tom de muita garra, disposto a oferecer mais e mais e, sem dúvida, demonstrou, quando contracenou com a sua esposa Nicole Kidman. Enquanto isso, já rodava o filme Terror a Bordo. Foi um noivado curto mas intenso, e no dia 24 de dezembro de 1990, casaram-se em Telluride, Colorado. A cerimônia foi ao alcance de qualquer curioso. Um ano mais tarde, em 1991, filmariam o primeiro filme juntos, Far and Away (br: Um Sonho Distante), demasiado pronto, segundo as declarações de Nicole Kidman. Em 1992, Tom interpreta a personagem de advogado militar em A Few Good Men (br: Questão de Honra), dirigido por Rob Reiner, com Jack Nicholson e Demi Moore. Neste filme bateria um novo recorde na sua carreira profissional, cobrando mais de doze milhões de dólares pela sua atuação.

Reconhecido em Hollywood, entrou para o grupo dos atores mais bem pagos do cinema. Uma nova interpretação, como advogado, seria o seu seguinte filme, The Firm (br: A Firma), em 1993. Nesse mesmo ano estreou-se como diretor num canal de televisão, em Fallen Angels. Um novo recorde, cobrando quinze milhões de dólares para atuar em Interview with the Vampire: The Vampire Chronicles (br: Entrevista com o Vampiro), com Brad Pitt e Antonio Banderas. Na adapatação para livro, de Anne Rice, encarna o papel de Lestat de Lioncourt. O filme foi dirigido por Neil Jordan, e Tom arrecadou mais de 35 milhões de dólares.

Cruise nos Academy Awards em 1989.
A estrela de Tom Cruise na Calçada da Fama em Hollywood, Los Angeles, Califórnia.

Tom e Nicole adotaram uma menina, Isabelle Jane, em 1994. Durante um ano, ele recusou trabalhos para dedicar-se à filha. Como Nicole desejava aumentar a família, adotaram outra criança, um ano mais tarde: Connor Anthony Cruise.

O filme seguinte de Tom, produzido e protagonizado por ele, Mission: Impossible (br: Missão Impossível), bateria novamente o recorde de vendas de ingessos nos seis primeiros dias de exibição.

Depois, Tom Cruise participou de filmes mais densos, com personagens fortes, contrários à postura de bom moço, como Magnolia, Eyes Wide Shut e Vanilla Sky.

Em 1996, Tom estreou como produtor de filmes em Missão Impossível. Ele faz parceria com Paula Wagner na C/W Productions. Em 2002, trabalhou com o famoso diretor de cinema Steven Spielberg, pela primeira vez, no filme de ficção-científica Minority Report, e com ele voltou a trabalhar em 2005, nas filmagens do também ficção-científica War of the Worlds (br: Guerra dos Mundos).

Em 22 de agosto de 2006, a Paramount Pictures anuncia o fim do contrato de Cruise com a Warner Productions.

Recentemente, Tom Cruise afirmou que muitos dos seus filmes deveriam ter sido atirados para o lixo.[6]

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

Filho de Mary Lee Mapother e do engenheiro eletricista Thomas Mapother III, que morreu de câncer em 1984, Tom tem três irmãs: a publicitária Lee Anne, a professora Marian e Cass. Após o divórcio, Mary Lee subiu ao altar novamente, dando a Jack South a posição de padrasto de Cruise.

A primeira namorada conhecida foi a atriz Rebecca De Mornay, a quem conheceu no set de filmagem de Risky Business. Sua primeira mulher foi a atriz Mimi Rogers, e foi ela quem introduziu Cruise na cientologia. Eles se divorciaram após três anos de casamento, pois ele havia se apaixonado por Nicole Kidman. Para causar ciúmes no ex, ela posou nua para a revista masculina Playboy.

Tom e Nicole Kidman se conheceram no set do filme Days of Thunder, em 1990. Casaram-se na véspera de Natal do mesmo ano. Eles adotaram duas crianças, a menina Isabella e o menino Connor. Além de Days of Thunder, eles também contracenaram em Far and Away (1992) e em Eyes Wide Shut (1999). Se divorciaram após dez anos juntos.

A atriz espanhola Penélope Cruz e Tom se conheceram enquanto atuavam juntos no filme Vanilla Sky (2001), e ficaram juntos durante quase três anos.

Cruise em 2007.

Tom e a estrela de Dawson's Creek, Katie Holmes, começaram a namorar no início de 2005, e ficaram noivos no mesmo ano. Ele lhe propôs casamento em Paris, na França, quando estavam na Torre Eiffel. Ela engravidou no mesmo ano, dando à luz Suri, em 18 de abril de 2006. Separaram-se em 2012[7] .

Tem três filhos; Isabella Jane Kidman Cruise e Connor Anthony Kidman Cruise, filhos adotivos dele com Nicole Kidman, e Suri Holmes Cruise, filha biológica dele com Katie Holmes.

Cientologia[editar | editar código-fonte]

Cruise tem sido um dos maiores defensores da Igreja da Cientologia. Ele se envolveu em 1990 por meio de sua primeira esposa Mimi Rogers. Atribuiu publicamente que a cientologia o ajudou a superar seu problema com o TDAH. O seu envolvimento com a Cientologia tem causado problemas em suas atuações profissionais recentes.[8]

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Tom Cruise em 2008.

Oscar (EUA)

  • Recebeu duas indicações na categoria de melhor ator, por Nascido em 4 de Julho (1989) e Jerry Maguire - A grande virada (1996).
  • Recebeu uma indicação na categoria de melhor ator (coadjuvante/secundário), por Magnólia (1999).

Golden Globe (EUA)

  • Recebeu três indicações na categoria de melhor ator - drama, por Nascido em 4 de Julho (1989), Questão de honra (1992) e O último samurai (2004). Venceu em 1989.
  • Recebeu duas indicações na categoria de melhor ator - comédia / musical, por Negócio arriscado (1983) e Jerry Maguire - A grande virada (1996). Venceu em 1996.
  • Recebeu duas indicações na categoria de melhor ator (coadjuvante/secundário) - Magnólia (1999) e Trovão Tropical (2008). Ganhou em 1999.

BAFTA (Reino Unido)

  • Recebeu uma indicação na categoria de melhor ator, por Nascido em 4 de Julho (1989).
  • Recebeu cinco indicações na categoria de melhor ator, por Questão de Honra (1992), A Firma (1993), Jerry Maguire - A Grande Virada (1996), Missão impossível 2 (2000) e O último samurai (2004). Venceu em 1996 e 2000.
  • Recebeu três indicações na categoria de o mais gostoso, por Questão de Honra (1992), A Firma (1993) e Entrevista com o Vampiro (1994).
  • Recebeu duas indicações na categoria de melhor dupla, por Um Sonho Distante (1992) e Entrevista com o Vampiro (1994).
  • Recebeu uma indicação na categoria de melhor vilão, por Entrevista com o vampiro (1994) e Colateral (2004)

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui multimídias sobre Tom Cruise
Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Tom Cruise