Lívila

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Livia Júlia)
Ir para: navegação, pesquisa
Searchtool.svg
Esta página ou secção foi marcada para revisão, devido a inconsistências e/ou dados de confiabilidade duvidosa. Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor, verifique e melhore a consistência e o rigor deste artigo. Considere utilizar {{revisão-sobre}} para associar este artigo com um WikiProjeto e colocar uma explicação mais detalhada na discussão.

Lívia Júlia ou Lívila (ca. 13 a.C.31) foi a única filha de Nero Cláudio Druso e Antónia Minor. Era irmã de Germânico e do imperador Cláudio.

História[editar | editar código-fonte]

Lívila foi casada por duas vezes, primeiro em 1 a.C., com Gaio César, neto e então potencial sucessor de César Augusto; depois, com o primo Druso Júlio César, filho do futuro imperador Tibério.

Depois da morte de Druso em 23, Sejano, prefeito da guarda pretoriana ofereceu-se para casar com Lívila. Foi no entanto vetado por Tibério devido à sua origem humilde. No entanto, Lívila acabou por se tornar amante e companheira de intrigas de Sejano. Em 31, quando o plano de assassinar Tibério foi revelado por Antónia sua mãe, Lívila partilhou o destino de Sejano e foi também executada. A sua memória foi declarada nefasta e os seus registos apagados da família imperial. No meio da degradação pública do seu nome, sugeriu-se que tivesse sido ela a responsável pela morte de Druso e culparam-na também de alegado envenenamento.

Família[editar | editar código-fonte]

Lívila se casou com Druso, o Jovem e teve dois filhos:


Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.