Louvorzão

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O Louvorzão ou Louvorezões são eventos relativos ao Culto Cristão, voltados para jovens e atividades ministeriais de Adoração. Segundo CUNHA (2004), pesquisadora da Universidade de São Paulo, são iniciativas na quais igrejas têm buscado implantar espaços de reunião, com vistas a atrair especialmente a juventude.[1]

A execução das músicas é feita por Ministro de Louvor, Levita e Adorador, tanto da congregação na qual o evento é realizado, como também podem ser contratados cantores e ministérios que trabalhem com música gospel. Os eventos realizados periodicamente, geralmente em noites de sexta-feira ou sábado, são utilizados como uma opção para a juventude evangéilca em relação à vida noturna secular (bebida, fumo, violência e drogas).[2]

O modelo dos “Louvorezões” se popularizou bastante nas igrejas evangélicas como opção de lazer para noites de final de semana, especialmente por não representar custo para os promotores nem para o público. Aqui eles diferem bastante dos espetáculos que têm participação de cantores gospel mais famosos, que cobram altos cachês e outras exigências, os quais podem ser custeados apenas pelas igrejas mais ricas; ou condicionam a venda de uma certa quantidade de CDs, o que faz com as igrejas promotoras dependam do público para a realização da programação. Grupos de louvor e adoração famosos, como o Diante do Trono, fazem algumas exigências de infra-estrutura (portanto, não é qualquer igreja que pode convidá-los) e afirmam não cobrar cachê – dizem aceitar “uma oferta de amor” –, mas no caso da cobrança de ingressos, há cobrança de cachê. O Louvorzão costuma ser um evento de entrada franca[2] .

Os “Louvorezões” funcionam como exercício nas igrejas locais para reprodução do formato dos espetáculos e das apresentações na televisão. Para isso, elas investem recursos consideráveis na compra de equipamentos de som – algumas até de iluminação –, de instrumentos musicais e de material de apoio como telões e equipamento multimídia.[3]

O retoma a idéia dos Festival de Talentos e acabam sendo uma vitrine para novos produtores de música gospel.

Referências

  1. CUNHA, Magali do N.. Vinho Novo em Odres Velhos. Um olhar comunicacional sobre a explosão Gospel no cenário religioso evangélico no Brasil. (Tese, Doutorado em Comunicação). Universidade de São Paulo. 01/06/2004. Página 218-219.
  2. a b (CUNHA, 2004, Página 218-219).
  3. (CUNHA, 2004, Página 220).

Ver também[editar | editar código-fonte]

Adoração
Ministério de Louvor
Música Gospel
Música Cristã
Música Cristã Contemporânea (CCM)
Rock Cristão
Ministro de Louvor
Adorador
Levita