Mikoyan-Gurevich MiG-3

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Mikoyan-Gurevich MiG-3
MiG-3 Restaurado
Descrição
Fabricante Mikojan-Gurevič
Primeiro voo 5 de abril de 1940
Missão Caça Multifuncional
Dimensões
Comprimento 10,20 m
Envergadura 8,25 m
Altura 3,32 m
Área (asas) 17,44 m²
Peso
Peso total 2 700 kg
Peso bruto máximo 3 350 kg
Propulsão
Motores Mikulin Am-35, 1200 KM
Performance
Velocidade máxima 640 km/h
Alcance 1,250 km
Teto máximo 11,500 m
Relação de subida 882 m/min
Armamento
Metralhadoras 1 metralhadora BS de 12,7 mm e 2 metralhadores ShKAS de 7,62 mm
Mísseis/Bombas 2 bombas de 100 kg ou 6 roquettes de 82 mm

O Mikoyan-Gurevich MiG-1 e o Mikoyan-Gourevitch MiG-3 foram os dois primeiros caças concebidos pelo escritório de pesquisa dos engenheiros Artem Mikoyan e Mikhaïl Gourevitch. Foram concebidos e produzidos em massa por esta família de aviadores soviéticos que vieram a formar a OKB MiG. O primeiro ensaio teve sucesso pois o avião foi produzido numa quantidade significativa. Porém, embora ele beneficiar de grandes qualidades, como a elevada velocidade, a sua concepção não fora feita a pensar na alta altitude sendo muito limitado o seu uso no contexto. Os combates aéreos eram frequentemente feitos abaixo dos cinco mil metros.

Desenvolvimento[editar | editar código-fonte]

No final do ano de 1939, a fábrica aeronáutica n.°1 de Aviakhim, próxima de Moscovo, produziu os aviões Polikarpov I-15bis e Polikarpov I-153. Estes biplanos de combate são antepassados do alemão Messerschmitt Bf 109, consideravelmente mais rápido. A produção do Yakovlev BB-22 teve dificuldades devido à equipa dirigente da fábrica estar numa situação delicada, pois não tinha um avião moderno que fosse capaz de ser posto depressa em produção. Havia duas soluções para superar esta situação: a produção do I-26, o futuro Yakovlev Yak-1, como também o projecto I-200 do escritório de Polikarpov que, colocara um motor Mikouline AM-37, apresentado logo características superiores com uma velocidade máxima calculada de 670 quilómetros por hora. Parecia esse sim, um avião mais adaptável à produção na fábrica que o modelo de Yakolev e precisaria de menos amenidades nas instalações, o que deveria permitir uma produção em massa mais rápida.

Ícone de esboço Este artigo sobre aviação, integrado ao Projeto Aviação, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.