One (álbum de Bee Gees)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
One
Álbum de estúdio de Bee Gees
Lançamento 14 de abril de 1989 (1989-04-14) Alemanha
17 de abril de 1989 (1989-04-17) Reino Unido
1 de agosto de 1989 (1989-08-01) Estados Unidos
Gravação Abril e maio de 1988 nos estúdios Middle Ear, em Miami/FL Estados Unidos; novembro e dezembro de 1988, fevereiro e março de 1989, nos estúdios Mayfair, em Londres, Reino Unido
Gênero(s) Pop, Balada
Duração 52:06
Idioma(s) Língua inglesa
Formato(s) LP, CD
Gravadora(s) Warner Bros. Records
Produção Barry Gibb, Robin Gibb, Maurice Gibb, Brian Tench
Cronologia de Bee Gees
Último
Último
E.S.P
(1987)
High Civilization
(1991)
Próximo
Próximo
Singles de One
  1. "Ordinary Lives" / "Wing and a Prayer"
    Lançamento: Março de 1989 (1989-03) (EUR)
  2. "One" (Edit) / "Flesh and Blood"
    Lançamento: Junho de 1989 (1989-06) (EUR)
  3. "One" / "Wing and a Prayer"
    Lançamento: Julho de 1989 (1989-07) (EUA)
  4. "Tokyo Nights" / "Will You Ever Let Me"
    Lançamento: Outubro de 1989 (1989-10) (EUR)
  5. "Wish You Were Here"
    Lançamento: 1990 (1990) (BRA)
  6. "Bodyguard" (Edit) / "Will You Ever Let Me"
    Lançamento: Fevereiro de 1990 (1990-02) (EUA)

One é o décimo oitavo álbum de estúdio dos Bee Gees, lançado em 1989. Trouxe o sucesso mundial "One" e a mui conhecida faixa "Wish You Were Here".

Histórico[editar | editar código-fonte]

Em 10 de março de 1988, após a promoção do álbum E·S·P, muito bem-sucedido na Europa, os Bee Gees são surpreendidos pela morte de seu irmão mais novo, Andy Gibb, decorrente de uma miocardite viral, pouco depois de ele ter completado trinta anos. Este fato abalou muito o grupo e inclusive fez Maurice Gibb recair no álcool. Mas como o grupo tinha contratos a cumprir, seu principal refúgio foi gravar.

Logo após a morte de Andy, foram gravadas "Wing and a Prayer", "Ordinary Lives" e "Wish You Were Here", esta última assumidamente feita para o irmão, apesar de todas conterem reflexões sobre a vida. Também foi gravada "Shape of Things to Come", que era destinada ao álbum dos Jogos Olímpicos de Verão de 1988. Após este período, porém, os Bee Gees entraram num hiato, e só decidiram começar a gravar um novo álbum em Novembro de 1988.

Gravações[editar | editar código-fonte]

Datas de registro das canções do álbum:[1] [2]

  • "Wing and a Prayer" – 21 de Abril de 1988
  • "Ordinary Lives" – 9 de Maio de 1988
  • "Wish You Were Here" – 26 de Maio de 1988
  • "Shape of Things to Come" – 26 de Maio de 1988
  • "One" – 28 de Novembro de 1988
  • "Flesh and Blood" – 28 de Novembro de 1988
  • "Bodyguard" – 16 de Dezembro de 1988
  • "Tears" – 6 de Fevereiro de 1989
  • "House of Shame" – 8 de Março
  • "Will You Ever Let Me" – 16 de Março
  • "Tokyo Nights" – 17 de Março de 1989
  • "It's My Neighborhood" – Março de 1989 (data desconhecida)

A banda que participou deste álbum foi bem mais enxuta do que a de E·S·P, que contava com vários músicos para um mesmo instrumento musical. Alan Kendall, que não se reunia com o grupo desde 1986, voltou em Março de 1989 e participou em "House of Shame", "Tokyo Nights" e "It's My Neighborhood".

Repercussão[editar | editar código-fonte]

Críticas profissionais
Avaliações da crítica
Fonte Avaliação
Allmusic[3] 2.5 de 5 estrelas.Star full.svgStar half.svgStar empty.svgStar empty.svg
Rolling Stone[4] 4 de 5 estrelas.Star full.svgStar full.svgStar full.svgStar empty.svg

One é considerado por fãs um dos melhores discos do grupo, mas, como seu antecessor, teve pouca repercussão na América. Só a música "One", que nem foi um grande hit mundial de 1989, conseguiu uma boa inserção nesse mercado, o que foi surpreendente. O motivo deste sucesso repentino talvez seja a turnê anunciada pelo grupo na América do Norte.

Na Europa, o sucesso de One não repetiu o de E·S·P, e os singles mal entraram no top 40.

O mercado que One conseguiu reunir de fato foi a América Latina. No difícil mercado fonográfico do Brasil, além da faixa "One", também alcançou o topo das paradas "Wish You Were Here", que esteve na trilha sonora da novela Top Model.

Turnê[editar | editar código-fonte]

Faixas[editar | editar código-fonte]

LP (WB 925 887-1)[5]

Todas as canções escritas e compostas por B., R. & M. Gibb

Lado A
# Título Duração
1. "Ordinary Lives"   4:05
2. "One"   4:53
3. "Bodyguard"   5:22
4. "It's My Neighborhood"   4:19
5. "Tears"   5:18
Lado B
# Título Duração
6. "Tokyo Nights"   3:58
7. "Flesh and Blood"   4:41
8. "Wish You Were Here"   4:46
9. "House of Shame"   4:52
10. "Will You Ever Let Me"   5:58
CD (WB 925 887-2)
Faixa bônus na versão europeia em CD[6]
# Título Duração
11. "Wing and a Prayer"   3:54
Faixa bônus na versão norte-americana em CD[7]
# Título Duração
11. "You Win Again"   3:53

Ficha Técnica[editar | editar código-fonte]

Posições nas Paradas[editar | editar código-fonte]

Certificações[editar | editar código-fonte]


Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências