Provença-Alpes-Costa Azul

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Provence-Alpes-Côte d'Azur
Provença-Alpes-Costa Azul
Bandeira
Flag of Provence-Alpes-Cote dAzur.svg
Brasão
Blason région fr Provence-Alpes-Côte d'Azur.svg
Informações
Prefeitura regional Marselha
Arrondissements 18
Cantões 237
Comunas 963
Sítio oficial www.regionpaca.fr
Dados Estatísticos
Área 31 400 km²
População 4 951 388 hab. (2010)
Densidade populacional 157,7 hab./km²
Dados políticos
Presidente do conselho regional Michel Vauzelle (PS)
(desde 2010)
Departamentos
Alpes-de-Haute-Provence
Hautes-Alpes
Alpes-Maritimes
Bouches-du-Rhône
Var
Vaucluse
Mapa - Localização de Provença-Alpes-Costa Azul
Provence-Alpes-Côte d’Azur map.png
Localização da Região de Provença-Alpes-Costa Azul na França

Provença-Alpes-Costa Azul[1] (em francês: Provence-Alpes-Côte d'Azur) é uma das 26 regiões administrativas da França. É constantemente chamada de PACA, nome originado por suas iniciais[2] .

Situada na região sul da França, faz limite com a Itália ao leste, com a região de Ródano-Alpes ao norte, com a região Languedoc-Roussillon ao oeste e banhada pelo mar Mediterrâneo ao sul.

A região é dividida em seis departamentos e sua prefeitura se situa na cidade de Marselha.

História[editar | editar código-fonte]

A região é formada por seis departamentos, que eram as províncias da Provença e do Delfinado (Dauphiné) durante o Antigo Regime. Uma parte de Vaucluse é resultado da anexação do condado durante o período revolucionário e a maior parte dos Alpes Marítimos da incorporação do condado de Nice a França durante o Segundo Império Francês.

Provence[editar | editar código-fonte]

Seu litoral foi colonizado inicialmente pelos gregos e fenícios. Com a invasão recebeu o nome de Provintia Romana, fazendo parte da Galia Transalpina. Foi dominada sucessivamente por vários povos germânicos, como os ostrogodos, os burgúndios e os francos. No ano de 879, a área foi incorporada ao reino da Provença, às vezes chamado Borgonha Cisjurana. No século X, foi incorporada ao reino de Arles.

No início do século XII, foi submetida à jurisdição dos condes de Barcelona e, durante o governo de Pedro II (1177-1213), se viu afetada pela cruzada promovida pelo papa Inocêncio III contra os albigenses (catarismo).

Posteriormente, perdeu toda autonomia, ficando submetida à Casa de Anjou, que governou o território desde 1245 até 1482, quando a região caiu sob o domínio do rei Luís XI da França, sendo anexada em 1486.

Durante a Revolução Francesa, foi dividida em três departamentos: Bocas do Ródano, Var e Alpes Marítimos.

Condado de Nice[editar | editar código-fonte]

Era uma divisão administrativa do Condado de Saboia, criado em 1388 e anexado definitivamente à França em 1860. Hoje, faz parte do departamento Alpes Marítimos.

Em 1380, a duquesa Joan Francês como Jeanne ou Rainha Jeanne), sem descendentes, adotou Luís de Anjou, irmão do rei Carlos V de França. O primo de Luís assassinou Joana e iniciou uma disputa pela sua sucessão que terminaria com a vitória de Luís de Anjou. Em 1388, foi feito um acordo entre o governador de Nice (Jean Grimaldi de Beuil) e o conde Amadeu VII de Saboia, que incorporou Nice no Ducado de Saboia.

Condado de Venaissin[editar | editar código-fonte]

Nome da região ao redor da cidade de Avinhão, hoje faz parte do atual departamento de Vaucluse.

Delfinado[editar | editar código-fonte]

Sua atual capital é Grenoble. Seu último delfim, Humberto II, sem herdeiros, vendeu sua província ao rei francês, Filipe VI, em 30 de março de 1349.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Demografia[editar | editar código-fonte]

Com uma superfície de 31 838 quilômetros quadrados, é a sétima região em extensão na França. Possui 4 900 000 habitantes, sendo a terceira região administrativa francesa mais povoada. A grande maioria de sua população se concentra no litoral junto ao mar Mediterrâneo.

Possui seis departamentos:

  • Alpes da Alta Provença
  • Alpes Marítimos
  • Bocas do Ródano
  • Altos Alpes
  • Var
  • Vaucluse

Relevo[editar | editar código-fonte]

Compreende zonas de altas montanhas: os Alpes se situam ao sudoeste. Seu pico mais alto é Barre des Écrins (4 102 metros). Destaca-se, ainda, a planície litorânea.

Clima[editar | editar código-fonte]

Clima mediterrâneo influenciado por ventos do norte (o mistral).


Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Wikcionário Definições no Wikcionário
Wikiquote Citações no Wikiquote
Commons Imagens e media no Commons


Referências

  1. ARDAGH, J. e JONES, C. França: uma civilização essencial. Volume 2. Tradução de Videlec, S. L. Madri. Edições Del Prado. 1997. p. 216.
  2. Provença-Alpes-Costa Azul - France Guide
Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia da França é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.