Rudianos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo ou secção necessita de referências de fontes secundárias fiáveis publicadas por terceiros (desde março de 2012).
Por favor, melhore-o, incluindo referências mais apropriadas vindas de fontes fiáveis e independentes.
Fontes primárias, ou que possuem conflito de interesse geralmente não são suficientes para se escrever um artigo em uma enciclopédia.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.

Rudianos era um deus da guerra cultuado na Gália. Nos tempos romanos era igualado a Marte.

Era invocado em Saint-Andéol (Drôme) e Rochefort-Samson (Drôme), e em Saint-Michel-de-Valbonne. O nome "Rudianos" significa vermelho, refletindo a natureza belicosa do deus. Em Saint-Michel-de-Valbonne também foi encontrada uma imagem pré-histórica de um deus da guerra montado, datando do Século VI a.C., que poderia ser o próprio Rudianos. A pedra em forma de menhir retrata a figura de um cavaleiro, talhada rudemente, sob cuja cabeça havia outras cinco. A iconografia é evocativa da exploração de caça-cabeças dos Celtas, que penduravam as cabeças de suas vítimas de batalhas em suas selas.

Referências[editar | editar código-fonte]

  • Green, Miranda J., Dictionary of Celtic Myth and Legend, Thames and Hudson Ltd., (1997)


Ícone de esboço Este artigo sobre mitologia celta é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.