Síndrome de Adie

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Síndrome de Adie, às vezes conhecida como pupila tônica de Adie é um transtorno neurológico que afeta a pupila do olho e o sistema nervoso autônomo. É causada por uma lesão nas fibras pós-ganglionares do sistema nervoso parassimpático do olho, geralmente por uma infecção viral ou bacteriana que causa inflamação e é caracterizada por um pupila tônica dilatada.

Sinais e sintomas[editar | editar código-fonte]

Os principais sintomas são midríase, perda dos reflexos dos tendões profundos e diaforese.

Diagnóstico[editar | editar código-fonte]

Testar com baixa dose (1/8%) de pilocarpina pode constringir a pupila tônica devido à supersensibilidade de desnervação colinérgica.

Epidemiologia[editar | editar código-fonte]

Geralmente afeta mulheres jovens e é unilateral em 80% dos casos.