Tim Kennedy

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Tim Kennedy (lutador))
Ir para: navegação, pesquisa
Broom icon.svg
As referências deste artigo necessitam de formatação (desde março de 2013).
Por favor, utilize fontes apropriadas contendo referência ao título, autor, data e fonte de publicação do trabalho para que o artigo permaneça verificável no futuro.
Tim Kennedy
Nome de nascimento Timothy Fred Kennedy
Data de nascimento 1 de setembro de 1979 (35 anos)
Local de nascimento Estados Unidos San Luis Obispo, California
Nacionalidade Povo dos Estados Unidos norte-americano
Altura 1.80 m
Peso 84 kg
Divisão Peso Médio
Peso Meio Pesado
Envergadura 188 cm
Luta por Estados Unidos Austin, Texas
Equipe Jackson's Submission Fighting
Cartel no MMA
Total 22
Vitórias 18
Por nocaute 6
Por finalização 8
Por decisão 4
Derrotas 4
Por nocaute 1
Por decisão 3
Outras informações
Tim Kennedy no Sherdog
Tim Kennedy
Nascimento 1 de setembro de 1979 (35 anos)
Estados Unidos San Luis Obispo, California
País Estados Unidos Estados Unidos
Força United States Department of the Army Seal.svg Forças Armadas dos EUA
Anos de serviço 2004-presente
Hierarquia Army-USA-OR-06.svg Sargento
Unidade 7° Grupo de Forças Especiais
Batalhas Guerra do Afeganistão, Guerra do Iraque

Timothy Fred Kennedy (San Luis Obispo, 01979-09-01 1 de setembro de 1979) é um lutador americano de artes marciais mistas, atualmente compete no Peso Médio do Ultimate Fighting Championship. Kennedy é um dos lutadores que servem o Exército dos EUA em tempo integral enquanto luta profissionalmente.

Carreira militar[editar | editar código-fonte]

Tim Kennedy entrou para o exército em 4 de Janeiro de 2004 e completou o Treinamento Básico de Combate, Treinamento Individual Avançado, Escola de Voos e o Curso de Qualificação das Forças Especiais. Tim foi destacado no livro de Dick Couch sobre a seleção de boina verde chamado de "soldado escolhido" sob o nome de "Tom Kendall". Em 2007, ele completou a Escola de Guarda e foi designado ao 7° Grupo de Forças Especiais, onde serviu na Alpha Destacamentos Operacionais. Durante esse tempo, ele também era um franco-atirador, instrutor de franco-atirador, o principal instrutor de combate da C Company, 3° Batalhão, 7° Grupo de Forças Armadas. Kennedy foi implantado em apoio à Operação Liberdade do Iraque e na Operação de Liberdade Douradora múltiplas vezes. Entre os vários prêmios de Kennedy se destacam a Medalha do Exército Estrela de Bronze com dispositivo de V, que foi premiado por bravura sob o fogo.

Carreira no MMA[editar | editar código-fonte]

Começo da carreira[editar | editar código-fonte]

Kennedy comçou à treinar na Dokan School. Ele começou a treinar MMA em 1999, treinando com Anita Baker, Chuck Liddell, Jake Shields, Gan McGee, e John Hackleman na The Pit em San Luis Obispo.

Kennedy primeiro começou a lutar em 1996 e acumulou o recorde de 31 lutas amadoras, com o recorde de 30-1 antes da sua sua primeira luta profissional em 2001. Em 2003 ele entrou e venceu um torneio em uma noite no Extreme Challenge 50, vencendo suas três lutas. Em 2004 ele entrou para o Exército. Kennedy voltou à lutar em 2006. Ele lutou no evento International Fight League em 2007, e não lutou em 2008 devido à implantação do Exército no exterior. Durante este tempo, ele escreveu uma série de três "Cartas de uma terra estrangeira", que narrou seu tempo em combate.[1] [2] [3]

Strikeforce[editar | editar código-fonte]

Kennedy retornou às artes marciais mistas em 2009 com uma vitória sobre Nick Thompson no Strikeforce Challengers: Villasenor vs. Cyborg. Seguido de uma vitória impressionante sobre Zak Cummings no evento principal do Strikeforce Challengers: Kennedy vs. Cummings.

Kennedy enfrentou Trevor Prangley em 16 de Junho de 2010 no Strikeforce: Los Angeles.[4] Kennedy venceu por finalização no primeiro round.

Kennedy perdeu por decisão após cinco rounds para Ronaldo Souza pelo Cinturão Vago do Peso Médio do Strikeforce no Strikeforce: Houston em 21 de Agosto de 2010.

Kennedy era esperado para enfrentar Jason Miller em 5 de Março de 2011 no Strikeforce: Feijao vs. Henderson. Porém, Miller foi forçado a se retirar da luta com uma lesão e foi substituído por Melvin Manhoef. Ele venceu por finalização no primeiro round.

Kennedy retornou em Julho de 2011 para enfrentar Robbie Lawler no Strikeforce: Fedor vs. Henderson. Ele venceu por decisão unânime.

Kennedy enfrentou Luke Rockhold em 14 de Julho de 2012 pelo Cinturão Peso Médio do Strikeforce no Strikeforce: Rockhold vs. Kennedy.[5] Ele perdeu por decisão unânime.[6]

Kennedy era esperado para enfrentar Trevor Smith em 3 de Novembro de 2012 no Strikeforce: Cormier vs. Mir.[7] Porém, o evento foi cancelado devido à uma lesão de Frank Mir, que faria o evento principal e do Campeão Peso Médio Luke Rockhold.[8] A luta então aconteceu em 12 de Janeiro de 2013 no Strikeforce: Marquardt vs. Saffiedine.[9] Kennedy venceu por finalização no terceiro round.

Ultimate Fighting Championship[editar | editar código-fonte]

Em Janeiro de 2013, a promoção do Strikeforce foi fechada por sua dona Zuffa. Uma lista de lutadores que migrariam para o Ultimate Fighting Championship foi anunciada no meio de Janeiro e Kennedy foi um dos lutadores citados na lista.[10]

Kennedy enfrentou Roger Gracie em 6 de Julho de 2013 no UFC 162.[11] Ele venceu a luta por decisão unânime.

Kennedy era esperado para enfrentar Lyoto Machida em 6 de Novembro de 2013 no UFC: Fight for the Troops 3, porém, com a lesão de Michael Bisping que enfrentaria Mark Muñoz no UFC Fight Night: Machida vs. Muñoz, Machida foi chamado para substituir Bisping. Seu substituto foi Rafael Natal, que acabou sendo nocauteado por um overhand do americano aos 4:40 do primeiro round.

Após as duas vitórias, Kennedy enfrentou Michael Bisping em 16 de Abril de 2014 no UFC Fight Night: Bisping vs. Kennedy e venceu por decisão unânime.

Kennedy agora enfrentará o cubano Yoel Romero em 27 de Setembro de 2014 no UFC 178.

Cartel no MMA[editar | editar código-fonte]

Res. Cartel Oponente Método Evento Data Round Tempo Local Notas
Cuba Yoel Romero UFC 178: Johnson vs. Cariaso 27/09/2014 Estados Unidos Las Vegas, Nevada
Vitória 18-4 Inglaterra Michael Bisping Decisão (unânime) UFC Fight Night: Bisping vs. Kennedy 16/04/2014 5 5:00 Canadá Quebec City, Quebec
Vitória 17–4 Brasil Rafael Natal Nocaute (socos) UFC: Fight for the Troops 3 06/11/2013 1 4:40 Estados Unidos Fort Campbell, Kentucky Nocaute da Noite.
Vitória 16–4 Brasil Roger Gracie Decisão (unânime) UFC 162: Silva vs. Weidman 06/07/2013 3 5:00 Estados Unidos Las Vegas, Nevada
Vitória 15–4 Estados Unidos Trevor Smith Finalização (guilhotina) Strikeforce: Marquardt vs. Saffiedine 12/01/2013 3 1:36 Estados Unidos Oklahoma City, Oklahoma
Derrota 14–4 Estados Unidos Luke Rockhold Decisão (unânime) Strikeforce: Rockhold vs. Kennedy 14/07/2012 5 5:00 Estados Unidos Portland, Oregon Pelo Cinturão Peso Médio do Strikeforce.
Vitória 14–3 Estados Unidos Robbie Lawler Decisão (unâime) Strikeforce: Fedor vs. Henderson 30/07/2011 3 5:00 Estados Unidos Hoffman Estates, Illinois
Vitória 13–3 Países Baixos Melvin Manhoef Finalização (mata leão) Strikeforce: Feijão vs. Henderson 05/03/2011 1 3:41 Estados Unidos Columbus, Ohio
Derrota 12–3 Brasil Ronaldo Souza Decisão (unânime) Strikeforce: Houston 21/08/2010 5 5:00 Estados Unidos Houston, Texas Pelo Cinturão Vago Peso Médio do Strikeforce.
Vitória 12–2 África do Sul Trevor Prangley Finalização (mata-leão) Strikeforce: Los Angeles 16/06/2010 1 3:35 Estados Unidos Los Angeles, California
Vitória 11–2 Estados Unidos Zak Cummings Finalização (estrangulamento norte-sul) Strikeforce Challengers: Kennedy vs. Cummings 25/09/2009 2 2:43 Estados Unidos Bixby, Oklahoma
Vitória 10–2 Estados Unidos Nick Thompson Finalização (socos) Strikeforce Challengers: Villasenor vs. Cyborg 19/06/2009 2 2:37 Estados Unidos Kent, Washington
Vitória 9–2 Estados Unidos Elias Rivera Nocaute (socos) IFL: World Grand Prix Finals 29/12/2007 1 2:00 Estados Unidos Uncasville, Connecticut
Derrota 8–2 Estados Unidos Jason Miller Decisão (unânime) HDNetFIGHTS: Reckless Abandon 15/12/2007 3 5:00 Estados Unidos Dallas, Texas
Vitória 8–1 Estados Unidos Ryan McGivern Finalização (guilhotina) IFL: Chicago 19/06/2007 2 1:25 Estados Unidos Chicago, Illinois
Vitória 7–1 Estados Unidos Dante Rivera Finalização (socos) IFL: Atlanta 23/02/2007 2 2:29 Estados Unidos Atlanta, Georgia Luta nos Meio Pesados
Vitória 6–1 Estados Unidos Hector Urbina Nocaute (socos) Fight Fest 7 23/09/2006 1 1:28 Estados Unidos Cleveland, Ohio
Vitória 5–1 México Cruz Chacon Nocaute Técnico (socos) Extreme Challenge 50 23/02/2003 2 1:21 Estados Unidos Salt Lake City, Utah
Vitória 4–1 Estados Unidos Jason Miller Decisão (unânime) Extreme Challenge 50 23/02/2003 3 5:00 Estados Unidos Salt Lake City, Utah
Vitória 3–1 Estados Unidos Ryan Narte Nocaute Técnico (socos) Extreme Challenge 50 23/02/2003 1 1:22 Estados Unidos Salt Lake City, Utah
Vitória 2–1 Estados Unidos Mack Brewer Nocaute Técnico (socos) WEC 5 18/10/2002 1 1:03 Estados Unidos Lemoore, California
Vitória 1–1 Estados Unidos Jody Burke Finalização (forearm choke) IFC: Warriors Challenge 16 09/11/2001 1 0:44 Estados Unidos Oroville, California
Derrota 0–1 Estados Unidos Scott Smith Nocaute Técnico (interrupção médica) IFC: Warriors Challenge 15 31/08/2001 1 2:53 Estados Unidos Oroville, California

Referências