Very Light Jet

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
O Eclipse 500 foi amplamente comercializado como um VLJ

Very Light Jet (VLJ),[nota 1] entry-level jet,[nota 2] ou personal jet,[nota 3] [1] [2] previamente denominada microjet,[nota 4] é uma categoria de aviões a jato de pequeno porte. Algumas características desses aviões: são projetados para serem conduzidos por apenas um piloto; dispõem de 4 a 8 assentos para passageiros; o peso máximo de decolagem é inferior a 10 000 lb (0 kg).[3] [4] [5] Esses aviões são mais leves que os jatos comerciais.

No início da década de 2000, surgiu nos Estados Unidos um súbito e elevado interesse pelo mercado de táxi aéreo e pelo Sistema de Transporte para Aeronaves Pequenas - SATS.(em inglês)[nota 5] Com isto, o mercado dos VLJ passou por uma expansão significativa: surgiram vários novos modelos, como por exemplo o Embraer Phenom 100, o Cessna Citation Mustang e o Eclipse 500. Porém, após os primeiros efeitos da Grande Recessão serem sentidos pela economia estadunidense, o desempenho do mercado de táxi aéreo estadunidense decepcionou e com isto a Eclipse Aviation (empresa fabricante de VLJ) e a DayJet (empresa do mercado de táxi aéreo) faliram. Posteriormente, em dezembro de 2010, Paul Bertorelli esclareceu que a denominação "Very Light Jet" não estava mais sendo utilizada pela indústria de aviação, e que "personal jet" era a nova denominação que estava sendo atribuída pela indústria a esses pequenos jatos.[nota 6]

Modelos[editar | editar código-fonte]

Design Construtor Capacidade Motores Velocidade máxima Alcance Custo Unidades vendidas Certificação
Protótipos construídos e em ensaio
Eclipse 500 Flag of the United States.svg Eclipse Aviation [1] 6 PW610F 375 nós (695 km/h) 1,395 km $1.52 milhão 2,350 30 de setembro, 2006
Citation Mustang Flag of the United States.svg Cessna [2] 6 PW615F 340 nós (630 km/h) 1,300 km $2.62 milhão 250 08 de setembro, 2006
Adam A700 AdamJet Flag of the United States.svg Adam Aircraft Industries [3] 7 Williams FJ33 340 nós (630 km/h) 1,200 km $2.28 milhão 282 final de 2006
Diamond D-Jet Flag of Austria.svg Diamond Aircraft [4] 5 Williams FJ33-4 315 nós (583 km/h) 1,350 km $0.93 milhão 125 início de 2008
ATG Javelin Flag of the United States.svg Aviation Technology Group [5]

Flag of Israel.svg Israeli Aircraft Industries [6]

2 Williams FJ33 530 nós (982 km/h) 1,200 km $2.80 milhão 100+ início de 2008
Spectrum Aero Model 33 Flag of the United States.svg Spectrum Aeronautical [7] 9 Williams FJ33-4 415 nós (770 km/h) 2,000 km $3.65 milhão início de 2008
Excel-Jet Sport-Jet Flag of the United States.svg Excel-Jet [8] 5 Williams FJ33-4 340 nós (630 km/h) 1,000 km $1.00 milhão início de 2008
Honda HA-420 HondaJet Flag of Japan.svg Honda [9] 6-8 GE Honda HF118 420 nós (778 km/h) 1,100 km 2009
Atualmente em desenvolvimento
EV-20 Vantage Jet Flag of the United States.svg Eviation Jets [10] 10 Williams FJ44-1 424 nós (785 km/h) 1,300 km $3.00 milhão meio de 2007
Epic Jet Flag of the United States.svg Epic Aircraft [11] 7 Williams FJ33-4 390 nós (722 km/h) 1,600 km $2.10 milhão início de 2008
Embraer Phenom 100 Flag of Brazil.svg Embraer [12] 6-8 PW617F 380 nós (704 km/h) 1,320 km $2.98 milhão 300+ meio de 2008
Construção caseira
Aerocomp Comp Air Jet Flag of the United States.svg Aerocomp [13] 8 Ivchenko AI-25TL 320 nós (593 km/h) 1,250 km < $0.87 milhão
Viper Jet Flag of the United States.svg Viper Aircraft [14] 2 1× GE CJ-610 460 nós (852 km/h) 750 km
Maverick Leader III Flag of the United States.svg Maverick Jets [15] 4 Williams FJ33-4 472 nós (875 km/h) 1,450 km
Interrompido ou cancelado
Avocet ProJet Flag of the United States.svg Avocet Aircraft [16] 6 2× desconhecido 365 nós (676 km/h) 1,200 km $2.00 milhão Cancelado em 2006
Safire Jet Flag of the United States.svg Safire Aircraft [17] 6 Williams FJ33-4 380 nós (704 km/h) 1,300 km $1.40 milhão Interrompido em 2005
Century Jet Flag of the United States.svg Century Aerospace [18] 6 Williams FJ33-1 370 nós (685 km/h) 1,500 km $2.70 milhão Interrompido em 2001

Notas

  1. "Jato muito leve".
  2. "Jato básico", "jato de entrada" ou "jato de nível inicial".
  3. "Jato pessoal", "jato particular" ou "jato individual".
  4. "Microjato".
  5. Esse sistema é um projeto conjunto entre a FAA, a NASA, autoridades aeroportuárias locais e autoridades da aviação civil. O objetivo é facilitar o transporte entre os pequenos aeródromos da aviação geral usando aeronaves pequenas, ao invés de linhas aéreas regulares convencionais.
  6. "Você já não escuta muito o termo VLJ (Very Light Jet), e algumas pessoas na indústria me dizem que elas acreditam que isso tenha acontecido porque o termo está muito intimamente associado à falida empresa Eclipse. As empresas que não faliram desejam, compreensivelmente, manter distância disso." (Bertorelli,[2] 2010)

Referências

  1. Paulo Bertorelli (21 de outubro de 2009). VLJ? What VLJ? (em inglês) AvWeb. Página visitada em 11 de fevereiro de 2014.
  2. a b Paul Bertorelli (10 de dezembro de 2010). Can Eclipse Make It? (em inglês) AvWeb. Página visitada em 11 de fevereiro de 2014.
  3. Ed Mardiat (18 de julho de 2005). Light Flyers: What is a VLJ? (PDF) (em inglês) p. 18. Burns & McDonnell. Página visitada em 11 de fevereiro de 2014.
  4. John Pike (2009). Very Light Jet - VLJ (em inglês). Página visitada em 11 de fevereiro de 2014.
  5. David Noland (21 de maio de 2007). Mini-Jet Revolution, or Dot-Com with Wings? (em inglês) Popular Mechanics. Página visitada em 11 de fevereiro de 2014.
Ícone de esboço Este artigo sobre um avião, integrado ao Projeto Aviação, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.