Aeroporto Internacional de Santarém

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Broom icon.svg
As referências deste artigo necessitam de formatação (desde dezembro de 2017). Por favor, utilize fontes apropriadas contendo referência ao título, autor, data e fonte de publicação do trabalho para que o artigo permaneça verificável no futuro.
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes fiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde novembro de 2013). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Santarém
Aeroporto
Aeroporto Internacional Maestro Wilson Fonseca
IATA: STM - ICAO: SBSN
Características
Tipo Público
Administração Infraero
Serve Região de Santarém
Localização BrasilSantarém, Pará
Inauguração 31 de março de 1977 (40 anos)
Coordenadas 2° 25' 21" S 54° 47' 34" O
Altitude 60 m (197 ft)
Movimento de 2015
Passageiros 665.717 passageiros
Carga 4.486.812 t de carga
Aéreo 16.522 aeronaves
Capacidade anual 1 8 milhões de passageiros
Website oficial Página oficial
Mapa
Aeroporto de Santarém está localizado em: Pará
Aeroporto de Santarém
Localização do aeroporto no Pará
Pistas
Cabeceira(s) Comprimento Superfície
10 / 28 2 400 m (7 874 ft) Asfalto

O Aeroporto Internacional de Santarém — Maestro Wilson Fonseca (IATA: STMICAO: SBSN) é o aeroporto que serve a cidade de Santarém e região. Seu nome é uma homenagem ao grande poeta, músico e compositor santareno, Wilson Dias da Fonseca. Atualmente, é o quinto aeroporto mais movimentado da região norte do Brasil. Tem grande importante papel no estreitamento dos laços do Brasil com o mundo, devido à sua localização geográfica, entre Belém e Manaus e é uma alternativa para voos internacionais. Situa-se a 15 km de distância do centro da cidade e tem acesso facilitado pela Rodovia Fernando Guilhon. Em seu entorno, uma ornamentação paisagística especial mostra de forma marcante o portal de entrada da região, denominada de "A Pérola do Tapajós". Foi inaugurado em 31 de março de 1977 sob administração do Comando da Aeronáutica e transferido para administração da Infraero em 31 de março de 1980.[1][2]

História[editar | editar código-fonte]

A história do aeroporto provem da fundação do primeiro aeroporto da cidade, onde está localizado hoje o bairro Aeroporto Velho. Em 1977 o aeroporto foi transferido para a zona oeste da cidade sob administração do Comando da Aeronáutica e mais tarde em 31 de março de 1980 transferido para a administração da Infraero pelo Tenente Coronel Aviador Ivaldo de Almeida.

Em 3 de agosto de 2006, foi denominado como "Aeroporto Internacional Maestro Wilson Fonseca" pelo presidente da república Luiz Inácio Lula da Silva, em homenagem ao grande poeta, músico e compositor santareno, Wilson Dias da Fonseca, conhecido também como maestro Isoca.

Movimento[editar | editar código-fonte]

Ambiente interior.
Ano Movimento (Passageiros) %
2003 135.952 ---
2004 153.942 + 13,2%
2005 181.449 + 17,8%
2006 285.132 + 57,1%
2007 364.181 + 27,7%
2008 386.160 + 6%
2009 364.615 - 5,9%
2010 405.122 + 11%
2011 461.212 + 13,85%
2015 665. 717 + 8,5%

Complexo aeroportuário[editar | editar código-fonte]

Estrutura aeroportuária.
Estrutura aeroportuária.
  • Sítio Aeroportuário

Área: 10.741.276,73 m²

  • Pátio das Aeronaves

Área: Princ: 48.200 m²/Auxiliar: 7.000m²

  • Pista

Dimensões(m): 2.400 x 45

  • Terminal de Passageiros

Capacidade/Ano: 1,83 milhão

Área(m²): 2.226

  • Estacionamento'

Capacidade: 249vagas

  • Balcões de Check-in

Número: 20 posições

  • Estacionamento de Aeronaves

Nº de Posições: 27 posições

  • Distância do Centro: 15 km

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um aeroporto, integrado ao Projeto Aviação, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.