Arcade

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Vg icon.svg
Jogos eletrônicos
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Arcade (desambiguação).

Arcade, arcada, ou fliperama (como é tradicionalmente conhecido no Brasil) é um aparelho de jogo eletrônico profissional instalado em estabelecimentos de entretenimento. Compõe-se de um gabinete (caixa de madeira ou material plástico), tubo de imagem (CRT) ou monitor de vídeo, fonte de alimentação, controle(s) de jogo e sistema de jogo. Este último varia de acordo com o fabricante do jogo, sendo alguns compostos por uma única placa (PCB[1]), ou conjuntos como placa-mãe e cartuchos de jogos (ex: SNK Neo-Geo e as Capcom CPS-2 e 3).

É possível intercambiar somente o sistema de jogo do gabinete, sem precisar substituir todo o gabinete, com monitor e controles. Desta forma pode-se reduzir o custo de atualização do arcade, com a retirada de jogos antigos e pouco procurados e entrada de novos jogos.

Existem também os arcades dedicados, com jogos que não podem ser substituídos ou são de difícil substituição, como p. ex. simuladores de corrida de carros, motos, jet skis, ou tiros com armas simuladas, ou dança, e outros.

Por extensão os estabelecimentos onde se jogam arcades são por vezes também chamados de Arcades ou Fliperamas.

Enquanto a data exata é debatida, a era de ouro dos jogos arcade é usualmente definida como o período que começa no final da década de 1970 e terminando no meio da década de 1980. Excluindo um breve ressurgimento no início da década de 1990, a indústria arcade declinou no ocidente quando os consoles aumentaram a sua capacidade e diminuíram os custos

Jogos de Ação Arcade[editar | editar código-fonte]

O termo "jogo arcade" também é usado quando um jogo é desenvolvido para ser jogado de uma forma similar aos antigos jogos arcades com uma jogabilidade frenética e viciante.[2] O foco de jogos de ação arcade são os reflexos do jogador, e o jogo geralmente inclui poucos quebra cabeças ou pensamento estratégico. Jogos que necessitam de pensamento estratégico são chamados de jogos de estratégia ou jogos de quebra cabeça.

Na década de 1930 as primeiras máquinas de fliperama de pinball surgiram, essas primeiras máquinas de diversão diferem das máquinas eletrônicas pois estas eram feitas de madeira. Faltavam pistões e iluminação de bônus na superfície, e usavam pontuações mecânicas em vez de pontuações eletrônicas. Em meados de 1977 a maioria das maquinas de pinball em produção estavam usando componentes eletrônicos, tanto para a operação quanto para a pontuação.[3]

Jogos eletromecânicos[editar | editar código-fonte]

Em 1966, Sega introduziu um jogo eletromecânico chamado Periscope.[4] foi um simulador de submarino e um jogo de arma leve[5] que usava luzes e ondas plásticas para simular barcos afundando.[6] tornou-se um sucesso imediato no Japão, na Europa e na América do Norte,[7] onde foi o primeiro arcade a custar um quarto de dólar por jogo[4] que permaneceria o preço padrão de arcades por muitos anos.[7] em 1967, Taito lançou um arcade eletromecânico o "Crown Soccer Special" um jogo de esportes de dois jogadores que simulava um jogo de futebol, usando vários componentes eletrônicos, inclusive versões eletrônicas das alavancas de fliperama.[8]

História[editar | editar código-fonte]

Os primeiros "jogos arcade" populares incluíam jogos que estão presentes em jogos de parques de diversão como galerias de tiro, e as primeiras máquinas de moedas que afirmavam poder dizer a sorte de uma pessoa ou que tocava alguma música mecânica. As antigas feiras da década de 1920 presentes em parques de diversões (como Coney Island em Nova Iorque) deram a inspiração e atmosfera dos jogos arcades posteriores.

Máquina do Donkey Kong

A Sega produziu depois jogos de arma que se parecem com os jogos de tiro em primeira pessoa, mas eram jogos eletromecânicos que usavam a projeção de imagem traseira em uma maneira semelhante ao zootropo antigo para produzir animações móveis em uma tela.[9] O primeiro foi o jogo de arma leve Duck Hunt[10] que a Sega lançou em 1969.[11] ele apresentava alvos móveis animados em uma tela, imprimia a pontuação do jogador em um tíquete e o volume dos efeitos sonoros era controlável.[10] No mesmo ano, Sega lançou um jogo de corrida arcade eletromecânico chamado de Grand Prix, que possuía uma visão em primeira pessoa, sons eletrônicos, um painel com um volante de corrida, um acelerador,[12] e uma pista que se projetava em uma tela.[13] Outro lançamento da Sega naquele ano foi o "Missile" um simulador de tiro e de veículos de combate que apresentou sons eletrônicos e uma tira de filme móvel para representar os alvos em uma tela de projeção. Também foi o primeiro arcade conhecido que apresentava um joystick com um botão de tiro, que era usado como parte de um esquema de controle duplo, onde dois botões direcionais são usados para mover o tanque do jogador, e um joystick que se move em duas direções era usado para atirar e direcionar o míssil em aviões que eram exibidos na tela; quando um avião é atingido, um explosão é animada na tela juntamente com um som de explosão.[14] Em 1970, o jogo foi lançado na América do Norte como S.A.M.I pela Midway Games[15][14] No mesmo ano Sega lançou Jet Rocket, um simulador de combate aéreo que apresentava os controles de uma cabine que possibilitava ao jogador, mover a aeronave ao longo da paisagem exibida na tela e atirar misseis em alvos que explodiam quando atingidos.[16]

Ao longo da década de 1970, os arcades eletromecânicos foram sendo gradativamente substituídos por jogos de video eletrônicos, seguindo o lançamento de Pong em 1972[17] Sega lançou um jogo eletromecânico chamado Killer Shark, um jogo de arma leve em primeira pessoa conhecido por aparecer no filme de 1975 tubarão.[9] Em 1974, a Nintendo lançou Wild Gunman, um jogo de arma leve que usava uma projeção de vídeo de movimento completa através de um filme de 16mm para exibir oponentes cowboys em live-action na tela.[18] Um dos últimos jogos eletromecânicos de sucesso foi o F-1, um jogo de corrida desenvolvido pela Namco e distribuída pela Atari em 1976.[19] O jogo foi mostrado em filmes como Dawn of the Dead (1978) e Midnight Madness (1980). O jogo de vídeo Space Invaders, entretanto, infligiu um golpe ainda mais forte na popularidade de jogos eletromecânicos.[20]

Jogos de vídeo arcade[editar | editar código-fonte]

Em 1971 estudantes da Universidade de Stanford montaram o Galaxy Game, uma versão operada por moeda do jogo Spacewar. Esta é uma das primeiras instâncias conhecidas de um jogo de vídeo operado por moedas. Mais tarde no mesmo ano, Nolan Bushnell criou o primeiro jogo fabricado em massa, Computer Space, para a Nutting Associates.

Em 1972, Atari foi criada por Nolan Bushnell e Ted Dabney.

Placa de arcade da Namco modelo NAMCO NA-1 01A

Emulação[editar | editar código-fonte]

Existem muitos emuladores para rodar jogos de arcade (fliperama) no PC, os mais conhecidos sendo Final Burn, MAME (Multiple Arcade Machine Emulator) e Winkawaks. Alguns desses emuladores possuem opções para melhorar o jogo tanto na parte gráfica quanto sonora, e ainda disponibilizam opções de jogos on-line.

Ver também[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Arcade

Ligações Externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Do inglês Printed Circuit Board, placa de circuito impresso.
  2. «Genre Definitions». MobyGames. Consultado em 27 de julho de 2016. 
  3. «Collector buying old coin operated penny arcade games collecting, fortune tellers, gun rifle games, cranes, diggers». www.pinrepair.com. Marvin's Marvelous Mechanical Museum. Consultado em 2016-07-27. 
  4. a b Kent, Steven L. (2000). The First Quarter: A 25-Year History of Video Games BWD Press [S.l.] p. 83. 
  5. Ashcraft, Brian (2008). The Turbo Charged World of Japan's Game Centers Kodansha International [S.l.] p. 133. 
  6. Kent, Steve L. The ultimate history of video games: from Pong to Pokémon and beyond: the story behind the craze that touched our lives and changed the world Prima Games [S.l.] p. 102. 
  7. a b Wolf, Mark J. P. (2008). The video game explosion: a history from PONG to Playstation and beyond [S.l.: s.n.] p. 149. 
  8. «Crown Soccer Special - Pinball by Taito». www.arcade-museum.com. Consultado em 2016-07-27. 
  9. a b Cohen, D.S. (16 de Fevereiro de 2016). «Killer Shark - The Undersea Horror Arcade Game from JAWS». classicgames. Consultado em 27 de Julho de 2016. 
  10. a b «Sega Duck Hunt 1969 coin operated arcade gun rifle range game». www.pinrepair.com. Consultado em 2016-07-27. 
  11. «Duck Hunt - Arcade by Sega». www.arcade-museum.com. Consultado em 27 de Julho de 2016. 
  12. «Grand Prix - Arcade by Sega». www.arcade-museum.com. Consultado em 2016-07-27. 
  13. Bill Loguidice & Matt Barton (2009). Vintage games: an insider look at the history of Grand Theft Auto, Super Mario, and the most influential games of all time Focal Press [S.l.] p. 198. 
  14. a b «Missile - Arcade by Sega». www.arcade-museum.com. Consultado em 2016-07-27. 
  15. «S.A.M.I. - Arcade by Midway Manufacturing Co.». www.arcade-museum.com. Consultado em 2016-07-27. 
  16. «Jet Rocket - Arcade by Sega». www.arcade-museum.com. Consultado em 2016-07-27. 
  17. Ashcraft, Brian. Arcade Mania! The Turbo Charged World of Japan's Game Centers Kodansha International [S.l.] p. 134. 
  18. «Wild Gunman (1974) - Arcade by Unknown». www.arcade-museum.com. Consultado em 2016-07-27. 
  19. «F-1 - Arcade by Atari/Namco». www.arcade-museum.com. Consultado em 2016-07-27. 
  20. Ashcraft, Brian (2008). Arcade Mania! The Turbo Charged World of Japan's Game Centers Kodansha International [S.l.] p. 136. 
Ícone de esboço Este artigo sobre jogos eletrônicos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.