Campo cerrado

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Campo cerrado ou caatininga[1][2] é um tipo de vegetação campestre, com predomínio de gramíneas, pequenas árvores e arbustos bastante esparsos entre si e árvores geralmente isoladas.[3] Trata-se de uma transição entre o campo e os demais tipo de vegetação ou às vezes um resultado da degradação do cerrado.

Prejudicado na estação seca pelos incêndios anuais provocados pelo homem.

Referências

  1. Löfgren, A. (1898). Ensaio para uma distribuição dos vegetaes nos diversos grupos florísticos no estado de São Paulo. Boletim da Comissão Geográfica e Geológica de São Paulo, n.11, p.5-50, 2a ed., [1]. [1a ed., 1896.]
  2. WALTER, B. M. T. (2006). Fitofisionomias do bioma Cerrado: síntese terminológica e relações florísticas. Tese de Doutorado, Universidade de Brasília, [2].
  3. Pós-Graduação em Ecologia e Conservação de Recursos Naturais da Universidade Federal de Uberlândia (UFU). «Cerrados». Consultado em 11 de setembro de 2015. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Campo cerrado
Ícone de esboço Este artigo sobre geografia (genérico) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.