Cristais Paulista

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Cristais Paulista
  Município do Brasil  
Símbolos
Bandeira de Cristais Paulista
Bandeira
Brasão de armas de Cristais Paulista
Brasão de armas
Hino
Lema Cristais pode mais
Gentílico cristalense
Localização
Localização de Cristais Paulista em São Paulo
Localização de Cristais Paulista em São Paulo
Cristais Paulista está localizado em: Brasil
Cristais Paulista
Localização de Cristais Paulista no Brasil
Mapa de Cristais Paulista
Coordenadas 20° 23' 49" S 47° 25' 12" O
País Brasil
Unidade federativa São Paulo
Região metropolitana Franca
Municípios limítrofes Pedregulho, Jeriquara, Ribeirão Corrente, Franca e Claraval (MG)
Distância até a capital 405 km
História
Fundação 28 de julho de 1910 (109 anos)
Administração
Prefeito(a) Katiuscia de Paula Leonardo Mendes (PSD, 2017 – 2020)
Características geográficas
Área total [1] 385,230 km²
População total (est. IBGE/2019[2]) 8 631 hab.
Densidade 22,4 hab./km²
Clima Não disponível
Altitude 996 m
Fuso horário Hora de Brasília (UTC−3)
Indicadores
IDH (PNUD/2000[3]) 0,771 alto
PIB (IBGE/2008[4]) R$ 137 933,051 mil
PIB per capita (IBGE/2008[4]) R$ 18 735,81

Cristais Paulista é um município brasileiro do estado de São Paulo. Localiza-se a uma latitude 20º23'50" sul e a uma longitude 47º25'13" oeste, estando a uma altitude de 996 metros. Sua população estimada em 2019 foi de 8.631 habitantes.

Possui uma área de 385,230 km².

Geografia[editar | editar código-fonte]

Hoje, o município de Cristais Paulista, faz parte da oitava região hidrográfica do estado de São Paulo, pertencente a Bacia do Sapucaí Mirim/Grande, juntamente com mais 25 municípios e cinco distritos. Segundo o Censo de 2010 o município conta com 7591 habitantes (fonte: IBGE) com economia predominantemente agrícola.

O projeto em questão será desenvolvido no município de Cristais Paulista – SP que possui uma área territorial de 378 km² limitados pelos municípios de Franca, Pedregulho, Ribeirão Corrente, Jeriquara (no estado de São Paulo) e Claraval (no estado de Minas Gerais) e com população de 7591 habitantes (Dados do último Censo do IBGE – 2010).

Demografia[editar | editar código-fonte]

Dados do Censo - 2010

População Total: 7.591

  • Urbana: 5.531
  • Rural: 2.060
  • Homens: 3.877
  • Mulheres: 3.714

Densidade demográfica (hab./km²): 17,01

Mortalidade infantil até 1 ano (por mil): 17,51

Expectativa de vida (anos): 70,36

Taxa de fecundidade (filhos por mulher): 3,13

Taxa de Alfabetização: 88,43%

Índice de Desenvolvimento Humano (IDH-M): 0,771

  • IDH-M Renda: 0,696
  • IDH-M Longevidade: 0,756
  • IDH-M Educação: 0,861

(Fonte: IPEADATA)

Economia[editar | editar código-fonte]

O município é um grande produtor de café, o que gera quase toda a renda da cidade, além de uma considerável produção leiteira. Grande parte da sua população economicamente ativa trabalha nas indústrias e comércio do município vizinho de Franca. A área urbana vem se expandindo rapidamente com a abertura de novos loteamentos, atraindo pessoas que buscam um lugar tranquilo para morar.


Hidrografia[editar | editar código-fonte]

Rodovias[editar | editar código-fonte]

Comunicações[editar | editar código-fonte]

A cidade foi atendida pela Companhia Telefônica Brasileira (CTB) até 1973[5], quando passou a ser atendida pela Telecomunicações de São Paulo (TELESP), que construiu a central telefônica utilizada até os dias atuais. Em 1998 esta empresa foi privatizada e vendida para a Telefônica[6], sendo que em 2012 a empresa adotou a marca Vivo[7] para suas operações de telefonia fixa.

Administração[editar | editar código-fonte]

Futebol[editar | editar código-fonte]

A principal equipe da cidade é o Cristais Futebol Clube, equipe amadora que foi criada ainda no início dos anos 40 e atua somente a nível regional amador.

Referências

  1. IBGE (10 de outubro de 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  2. «Estimativa Populacional de 2019». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Consultado em 10 de dezembro de 2019 
  3. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  4. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  5. «Relação do patrimônio da CTB incorporado pela Telesp» (PDF). Diário Oficial do Estado de São Paulo 
  6. «Nossa História». Telefônica / VIVO 
  7. GASPARIN, Gabriela (12 de abril de 2012). «Telefônica conclui troca da marca por Vivo». G1 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]