El Jadida

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Este artigo é sobre a cidade atual. Para a antiga possessão portuguesa, veja Mazagão (Marrocos).
Marrocos El Jadida

الجديدة , al-Djadīdaⵎⴰⵣⵖⴰⵏ/ⵊⴷⵉⴷⴰ , Mazghan

Mazagão, El-Yadida

 
—  município  —
A cidadela portuguesa de Mazagão, classificada como Património Mundial pela UNESCO
A cidadela portuguesa de Mazagão, classificada como Património Mundial pela UNESCO
El Jadida está localizado em: Marrocos
El Jadida
Localização de El Jadida em Marrocos
Coordenadas 33° 14' N 8° 30' O
Região (1997-2015) Doukkala-Abda
Província El Jadida
Administração
 - Prefeito Abdelhakim Sojda (2009, FFD)
População (2004)[1] [2]
 - Total 144 440
 - Estimativa (2012) 170 956
soco semanal quarta-feira e domingo
Sítio http://www.eljadida.gov.ma/

El Jadida (em árabe: الجديدة; transl.: al-Djadīda ["a nova"]; em tifinagh: ⵎⴰⵣⵖⴰⵏ/ⵊⴷⵉⴷⴰ, Mazghan), a antiga possessão portuguesa de Mazagão e Mazagan durante a colonização francesa, é uma cidade da costa ocidental de Marrocos, capital da província homónima, que faz parte da região Doukkala-Abda. Em 2004 tinha 144 440 habitantes[1] e estimava-se que em 2012 tivesse 170 956 habitantes.[2]

Situada na costa atlântica, 100 km a sudoeste da Casablanca, 135 km a nordeste de Safim e 200 km a norte de Marraquexe (distâncias por estrada), é uma cidade industrial e portuária, além de estância balnear, frequentada sobretudo por marroquinos. Em termos turísticos, a cidade é conhecida principalmente pela grande cidadela portuguesa — conhecida localmente como a Cité Portugaise, — a maior do seu género no Norte de África, talvez à exceção das fortificações de Ceuta, que está classificada pela UNESCO como Património Mundial desde 2004 e foi eleita como uma das Sete Maravilhas de Origem Portuguesa no Mundo em 2009. Mazagão sob o domínio português de 1506 a 1769 e foi a última possessão de Portugal em Marrocos. Foi abandonada e arrasada pelos portugueses em 1769, quando o então primeiro-ministro Marquês de Pombal decidiu transferir os seus habitantes para a Amazónia, no Brasil, que fundaram Nova Mazagão, no Amapá.

Notas e referências[editar | editar código-fonte]

  • Ellingham, Mark; McVeigh, Shaun; Jacobs, Daniel; Brown, Hamish (2004). The Rough Guide to Morocco (em inglês) 7ª ed. (Nova Iorque, Londres, Deli: Rough Guide, Penguin Books). p. 382-386. ISBN 9-781843-533139. 
  1. a b Royaume du Maroc - Haut-Comissariat au Plan. «Recensement général de la population et de l'habitat 2004» (PDF). www.lavieeco.com (em francês). Jornal La Vie éco. Consultado em 9 de março de 2012. 
  2. a b «Maroc: Les villes les plus grandes avec des statistiques de la population». gazetteer.de (em francês). World Gazeteer. Consultado em 9 de março de 2012. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre El Jadida
Wikivoyage
O Wikivoyage possui o guia El Jadida
  • «El Jadida». www.TurismoMarruecos.net (em espanhol). Consultado em 9 de março de 2012. 
  • Kjeilen, Tore. «El-Jadida». LookLex.com (Lexic Orient) (em inglês). Consultado em 9 de março de 2012. 


Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia de Marrocos, integrado ao Projeto África é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.