Grande Prêmio de San Marino de 1982

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Resultados do Grande Prêmio de San Marino realizado em Ímola a 25 de Abril de 1982.

Esta corrida tornou-se notória por ter tido apenas 14 pilotos alinhados no grid de largada, já que boa parte dos pilotos ficou de fora da corrida por conta de um boicote das equipes envolvendo uma disputa política entre a Associação dos Construtores da Fórmula 1 (FOCA) e a FISA, entidade responsável pelo regulamentação do esporte até então.[1] Depois dessa corrida, a Formula 1 somente iria ter um novo GP sem nenhum piloto brasileiro alinhado no grid no Grande Prêmio da Hungria de 2017.[2]

Classificação[editar | editar código-fonte]

Pos. Piloto Chassi/Motor Voltas Tempo/Dif. Grid Pontos
1 28 França Didier Pironi Ferrari 60 1:36'38"887 4 9
2 27 Canadá Gilles Villeneuve Ferrari 60 + 0"366 3 6
3 3 Itália Michele Alboreto Tyrrell-Ford 60 + 1'07"684 5 4
4 31 França Jean-Pierre Jarier Osella-Ford 59 + 1 volta 9 3
5 10 Chile Eliseo Salazar ATS-Ford 57 + 3 voltas 14 2
DSQ 9 Alemanha Manfred Winkelhock1 ATS-Ford 54 Desclassificado 12 -
NC 36 Itália Teo Fabi Toleman-Hart 52 Não Classificado 10 -
Ret 16 França René Arnoux Renault 44 Turbo 1 -
Ret 23 Itália Bruno Giacomelli Alfa Romeo 24 Motor 6 -
Ret 32 Itália Riccardo Paletti Osella-Ford 7 Suspensão 13 -
Ret 15 França Alain Prost Renault 6 Motor 2 -
Ret 22 Itália Andrea de Cesaris Alfa Romeo 4 Elétrico 7 -
Ret 4 Inglaterra Brian Henton Tyrrell-Ford 0 Transmissão 11 -
Ret 35 Inglaterra Derek Warwick Toleman-Hart 0 Elétrico 8 -


Classificação após a prova[editar | editar código-fonte]


Notas[editar | editar código-fonte]

Extensão da Pista e Número de Voltas

5,040 m e 60 Voltas

Pole Position

René Arnoux

1'29"765

Volta mais rápida

Didier Pironi

1'35"036

Líderes por volta

René Arnoux - 1ª à 26ª, 31ª à 43ª, Gilles Villeneuve - 27ª à 30ª, 44ª e 45ª, 49ª à 52ª, 59ª e Didier Pironi - 46ª à 48ª, 53ª à 58ª, 60ª

Pilotos que concluíram a prova

5

Abandonos

7

Não Classificado

1

Desclassificação

1


↑1 Terminou em 6º lugar, mas após a prova foi desclassificado, porque seu carro estava com peso abaixo do permitido. A posição ficou vaga.

  • A corrida foi marcada pelo incidente entre os Ferrari Gilles velleneuve se desentendeu com Didier Pironi, que ganhou a corrida apesar das ordens em contrário vindo da equipe. Irritado com o incidente, Villeneuve cortou relações com o piloto francês, afirmando depois numa entrevista que "nunca mais falarei com Pironi enquanto for vivo". Gilles nunca engoliu isso.
  • As 10 equipes: Brabham, Williams, McLaren, Lotus, Ensign, March, Fittipaldi, Ligier, Arrows e Theodore boicotaram o Grande Prêmio por divergências políticas.
Prova Anterior:
Grande Prêmio do Oeste dos Estados Unidos de 1982
Campeonato do Mundo FIA de Fórmula 1
Temporada 1982
Próxima Prova:
Grande Prêmio da Bélgica de 1982

Prova Anterior:
Grande Prêmio de San Marino de 1981
Grande Prêmio de San Marino Próxima Prova:
Grande Prêmio de San Marino de 1983
  1. esportes.estadao.com.br/ Pela 1ª vez em 35 anos, Brasil não terá representantes em uma corrida da Fórmula 1
  2. globoesporte.globo.com/ Sem Massa, Brasil ficará sem piloto no grid da F1 pela 1º vez desde 1982