Grande Prêmio do Brasil de 2005

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1 de 2005
2014 Interlagos circuit map.svg
Grande Prêmio do Brasil de 2005.
Detalhes da corrida
Data 25 de setembro de 2005
Nome oficial XXXIV Grande Prêmio do Brasil
Local Autódromo José Carlos Pace, São Paulo, Brasil
Percurso 4,309 km
Total 71 voltas / 305.909 km
Pole
Piloto
Espanha Fernando Alonso Renault
Tempo 1:11.988
Volta mais rápida
Piloto
Finlândia Kimi Raikkonen McLaren-Mercedes
Tempo 1:12.268 (na volta 29)
Pódio
Primeiro
Colômbia Juan Pablo Montoya Mercedes
Segundo
Finlândia Kimi Raikkonen McLaren-Mercedes
Terceiro
Espanha Fernando Alonso Renault

O Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1 de 2005 foi uma corrida de automobilismo disputada em 25 de setembro no Autódromo José Carlos Pace em São Paulo, Brasil. Foi a 17ª de 19 corridas na temporada, o 33º Grande Prêmio do Brasil válido pelo campeonato mundial e o 23º em Interlagos.

Juan Pablo Montoya venceu a corrida na frente de seu companheiro de equipe Kimi Räikkönen. Fernando Alonso terminou em 3º, abrindo 23 pontos de vantagem para Schumacher em 20 possíveis e se tornou campeão mundial pela primeira vez. Foi o mais jovem campeão com 24 anos, 1 mês e 23 dias, batendo o então recordista Emerson Fittipaldi que havia sido campeão em 1972 com 25 anos, 8 meses e 29 dias.

Treinos[editar | editar código-fonte]

Treino oficial[editar | editar código-fonte]

Pos. Piloto Construtor Tempo Dif.
1 5 Espanha Fernando Alonso Renault 1:11.988
2 10 Colômbia Juan Pablo Montoya McLaren-Mercedes 1:12.145 +0.157
3 6 Itália Giancarlo Fisichella Renault 1:12.558 +0.570
4 3 Reino Unido Jenson Button BAR-Honda 1:12.696 +0.708
5 9 Finlândia Kimi Räikkönen McLaren-Mercedes 1:12.781 +0.793
6 15 Áustria Christian Klien Red Bull-Cosworth 1:12.889 +0.901
7 1 Alemanha Michael Schumacher Ferrari 1:12.976 +0.988
8 16 Itália Jarno Trulli Toyota 1:13.041 +1.053
9 12 Brasil Felipe Massa Sauber-Petronas 1:13.151 +1.163
10 2 Brasil Rubens Barrichello Ferrari 1:13.183 +1.195
11 17 Alemanha Ralf Schumacher Toyota 1:13.285 +1.297
12 11 Canadá Jacques Villeneuve Sauber-Petronas 1:13.372 +1.384
13 18 Portugal Tiago Monteiro Jordan-Toyota 1:13.387 +1.399
14 7 Austrália Mark Webber Williams-BMW 1:13.538 +1.550
15 8 Brasil Antônio Pizzonia Williams-BMW 1:13.581 +1.593
16 14 Reino Unido David Coulthard Red Bull-Cosworth 1:13.844 +1.856
17 19 Índia Narain Karthikeyan Jordan-Toyota 1:14.520 +2.532
18 21 Países Baixos Christijan Albers Minardi-Cosworth 1:14.763 +2.775
19 4 Japão Takuma Sato BAR-Honda S/ Tempo
20 20 Países Baixos Robert Doornbos Minardi-Cosworth S/ Tempo
Fonte:[1]

Corrida[editar | editar código-fonte]

Pos. Nu. Piloto Construtor Voltas Tempo/Retirado Grid Pontos
1 10 Colômbia Juan Pablo Montoya McLaren-Mercedes 71 1:29:20.574 2 10
2 9 Finlândia Kimi Räikkönen McLaren-Mercedes 71 +2.527 5 8
3 5 Espanha Fernando Alonso Renault 71 +24.840 1 6
4 1 Alemanha Michael Schumacher Ferrari 71 +35.668 7 5
5 6 Itália Giancarlo Fisichella Renault 71 +40.218 3 4
6 2 Brasil Rubens Barrichello Ferrari 71 +1:09.173 10 3
7 3 Reino Unido Jenson Button BAR-Honda 70 +1 Volta 4 2
8 17 Alemanha Ralf Schumacher Toyota 70 +1 Volta 11 1
9 15 Áustria Christian Klien Red Bull-Cosworth 70 +1 Volta 6
10 4 Japão Takuma Sato BAR-Honda 70 +1 Volta 19
11 12 Brasil Felipe Massa Sauber-Petronas 70 +1 Volta 9
12 11 Canadá Jacques Villeneuve Sauber-Petronas 70 +1 Volta 12
13 16 Itália Jarno Trulli Toyota 69 8
14 21 Países Baixos Christijan Albers Minardi-Cosworth 69 +2 Voltas 18
15 19 Índia Narain Karthikeyan Jordan-Toyota 68 +3 Voltas 17
Ret 18 Portugal Tiago Monteiro Jordan-Toyota 55 13
Ret 7 Austrália Mark Webber Williams-BMW 45 14
Ret 20 Países Baixos Robert Doornbos Minardi-Cosworth 34 20
Ret 8 Brasil Antônio Pizzonia Williams-BMW 0 15
Ret 14 Reino Unido David Coulthard Red Bull-Cosworth 0 16
Fonte: [2]

Voltas na Liderança[editar | editar código-fonte]

Nº de Voltas Piloto Voltas
61 Colômbia Juan Pablo Montoya 3-28, 32-54 e 60-71
8 Finlândia Kimi Räikkönen 29-31 e 55-59
2 Espanha Fernando Alonso 1-2

Notas[editar | editar código-fonte]

  • Foi a última vitória de Juan Pablo Montoya na categoria.
  • Últimos pontos de Rubens Barrichello na Ferrari.
  • Única prova que Tiago Monteiro não completou na temporada. Ele também foi o estreante a completar mais provas de maneira consecutiva(16 provas) até 2013 quando Max Chilton completou todas as provas.

Tabela do campeonato após a corrida[editar | editar código-fonte]

Observe que somente as cinco primeiras posições estão incluídas na tabela.

Campeão

Referências

  1. «FORMULA 1™ GRAN PRÊMIO DO BRASIL 2005 - QUALIFYING». Formula 1 (em inglês). Consultado em 4 de setembro de 2017 
  2. «FORMULA 1™ GRAN PRÊMIO DO BRASIL 2005 - RACE RESULT» (em inglês). Formula1.com. 25 de setembro de 2005. Consultado em 4 de setembro de 2017 
Prova Anterior:
GP da Bélgica de 2005
Campeonato do Mundo FIA de Fórmula 1
Temporada 2005
Próxima Prova:
GP do Japão de 2005

Prova Anterior:
GP do Brasil de 2004
Grande Prêmio do Brasil Próxima Prova:
GP do Brasil de 2006