Guilherme de Gloucester

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde janeiro de 2012). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Guilherme
Casa Windsor
Nome completo
William Henry Andrew Frederick
Nascimento 18 de dezembro de 1941
  Barnet, Hertfordshire, Inglaterra
Morte 28 de agosto de 1972 (30 anos)
  Staffordshire, Inglaterra
Enterro Cemitério de Frogmore, Inglaterra
Pai Henrique, Duque de Gloucester
Mãe Princesa Alice, Duquesa de Gloucester
Brasão

O Príncipe Guilherme de Gloucester (William Henry Andrew Frederick; 18 de dezembro de 194128 de agosto de 1972) foi um membro da Família Real Britânica e um neto de Jorge V.

Biografia[editar | editar código-fonte]

O Príncipe Guilherme nasceu em Barnet, Hertfordshire. Seu pai era o Príncipe Henrique, Duque de Gloucester (1900-1974), o terceiro filho do Rei Jorge V e da Rainha Maria. Sua mãe foi a Princesa Alice, Duquesa de Gloucester (1901-2004), a terceira filha do 7° Duque de Buccleuch.

Foi batizado na capela privada do Castelo de Windsor em 22 de fevereiro de 1942, por Cosmo Lang, o então Arcebispo da Cantuária. Seus padrinhos foram: o Rei, a Rainha, o Visconde Gort, Lord William Montagu-Douglas-Scott, a Princesa Helena Victoria de Schleswig-Holstein e Lady Margaret Hawkins.

O Príncipe Guilherme passou inicialmente sua infância em Barnwell Manor, em Northamptonshire, e mais tarde na Austrália, onde seu pai serviu como governador-geral da Austrália entre 1945 e 1947. Ele foi educado na Escola Preparatória de Wellesley House, em Kent, e em Eton College, Londres. Depois de deixar Eton, em 1960, William foi para Magdalene College, na Universidade de Cambridge, onde estudou História e obteve um bacharelado em Artes. Em 1968, recebeu um mestrado em Humanidades.

Em 1953, o Príncipe Guilherme esteve presente na coroação de sua prima-irmã, a Rainha Elizabeth II.

Depois de se graduar em 1963, passou um ano pós-bacharelato na Universidade de Stanford, estudando Ciências políticas, História dos Estados Unidos da América e Negócios. Ao regressar ao Reino Unido, trabalhou para o banco Lazard. Em 1965, juntou-se ao Ministério de Relações Exteriores e foi designado a um cargo em Lagos, na Nigéria, como o terceiro secretário do comissário superior britânico. Guilherme foi o segundo membro da família real que trabalhou como um cidadão qualquer e que teve uma carreira diplomática. O primeiro tinha sido seu tio, o Príncipe George, Duque de Kent, nos anos 1920. Em 1968, foi transferido para Tóquio, onde serviu como segundo secretário (comercial) na embaixada britânica.

Em 1970, a saúde do Duque de Gloucester, seu pai, começou a decair, e ele foi diagnosticado com porfiria. Tendo renunciado a sua carreira diplomática e voltado ao Reino Unido, Guilherme passou os dois anos seguintes administrando Barnwell Manor e a realizar deveres públicos, como um membro da realeza.

Ocasionalmente, durante a ausência da Rainha, ele serviu como Conselheiro de Estado.

Um piloto certificado, Guilherme tinha muitas aeronaves e gostava de competições. Ele morreu quando seu avião bateu perto de Wolverhampton. Seu corpo foi enterrado em Frogmore. Com sua morte, seu único irmão, o Príncipe Ricardo, assumiu o título de Duque de Gloucester.

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.