Jae Crowder

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Jae Crowder
[[1]]
Informações pessoais
Nome completo Corey Jae Crowder
Data de nasc. 6 de julho de 1990 (29 anos)
Local de nasc. Villa Rica (Geórgia),  Estados Unidos
Altura 6 ft 6 in (1,98 m)
Peso 235 lb (107 kg)
Apelido Bae Crowder[1]
Informações no clube
Clube atual Estados Unidos Utah Jazz
Número 99
Posição Ala
Clubes profissionais
Ano Clubes Partidas (pontos)
20122014
2014
2014
20172018
Estados Unidos Dallas Mavericks
Estados Unidos Texas Legends (D-League)
Estados Unidos Boston CelticsEstados Unidos Cleveland Cavaliers
Estados Unidos Utah Jazz

Corey Jae Crowder, nascido em 6 de julho de 1990, é um jogador profissional de basquetebol estadunidense da National Basketball Association (NBA), que atua pelo Utah Jazz.

Antes de se tornar basquetebolista profissional, Crowder integrou a South Georgia Tech e o Howard College, onde levou sua equipe para a primeira divisão do Campeonato de Basquetebol Masculino da NJCAA, além de ser condecorado com o prêmio de melhor jogador do ano do colegial na temporada 2009-10. [2]

Para a disputa da NCAA, o campeonato universitário mais famoso do país, Crowder integrou a Universidade de Marquette.[3] Em dois anos, produziu médias de 14.6 pontos, 7.6 rebotes, 1.8 assistências[4] e foi nomeado, em 2012, o melhor jogador da Conferência Big East.[5] Após isso, se inscreveu para o Draft da NBA, sendo a 34ª escolha (2ª rodada, 4ª escolha), selecionada pelo Cleveland Cavaliers. Contudo, na mesma noite, foi negociado com o Dallas Mavericks.[6]

Início de vida e carreira no colegial[editar | editar código-fonte]

Nascido na cidade de Villa Rica, Geórgia, no dia 6 de julho de 1990, é filho de Helen Thompson com o ex-jogador da NBA, Corey Crowder. O envolvimento de Crowder começou no Colégio de Villa Rica, mas por meio do futebol americano, onde atuou como quarterback. Ao ingressar no basquetebol, iniciou como armador. Trabalhou seu desenvolvimento com o pai, que além de passar por equipes como San Antonio Spurs e Utah Jazz,[7] atuou na Europa.

Carreira universitária[editar | editar código-fonte]

South Georgia Tech[editar | editar código-fonte]

Devido ao crescimento tardio, Crowder não foi procurado por universidades para que pudesse ser recrutado, embora ainda recebesse algumas ofertas do futebol americano. Ele se comprometeu, então, com a South Georgia Tech, uma instituição localizada na pequena cidade de Americus, na Geórgia. No entanto, devido à falta de credenciamento, precisou se transferir para o Colégio de Howard na temporada seguinte.[8]

Em seu único ano pela South Georgia Tech, Crowder os levou para a primeira aparição na NJCAA, sob o comando do treinador Steven Wright, com uma campanha de 21 vitórias e 7 derrotas. Ele foi nomeado o melhor atleta do esporte colegial da Geórgia.[9]

Howard College[editar | editar código-fonte]

Em sua segunda temporada no basquetebol universitário, no ano de 2010, assinou com o Howard Hawks. Por lá, Crowder não só foi nomeado pela State Farm como o Jogador do Ano, mas também ajudou sua equipe a ganhar a Divisão I do Campeonato de Basquetebol Masculino da NJCAA. Na final, diante da Three Rivers Community College, ele registrou 27 pontos e 12 rebotes na vitória por 85 a 80. Crowder encerrou a temporada com médias de 18.9 pontos, 9.0 rebotes, 2.5 assistências e 2.4 roubos de bola por jogo, além de um aproveitamento de 46% dos arremessos e 76% na linha do lance livre.[10]

Marquette[editar | editar código-fonte]

Sua positiva temporada pelo Howard Hawks o levou a ser transferido para a Universidade de Marquette, após despertar o interesse de instituições como UNLV, Georgia Tech, Texas Tech e Illinois State. Em seu primeiro ano, obteve médias de 11.8 pontos e 6.8 rebotes por jogo.[11] Na opinião de comentaristas e especialistas, Crowder era o melhor jogador "all-around" de toda a liga.[12] Em 1 de janeiro de 2011, Crowder registrou a sua maior pontuação ao terminar uma partida, contra West Virgínia, com 29 pontos e 8 rebotes.[13] Em 30 de março de 2012, foi nomeado o melhor jogador do Reese's College All-Star Game.[14]

Ao fim de sua segunda temporada, em 2011-12, Crowder empilhou médias de 17.5 pontos e 8.4 rebotes por jogo.[15] Ajudou a equipe de Marquette a chegar à segunda colocação na Conferência Big East.

Estatísticas[editar | editar código-fonte]

Ano Equipe PJ PT MPJ AP 3P LL RT AS BR TO PPJ
1995-96 Marquette 37 17 27.6 .485 .359 .616 6.8 1.6 1.3 .9 11.8
1996-97 Marquette 35 35 32.9 .498 .345 .735 8.4 2.1 2.5 1.0 17.5

Carreira na NBA[editar | editar código-fonte]

2012 NBA Draft[editar | editar código-fonte]

Após finalizar a sua carreira universitária, Jae Crowder decidiu entrar para a principal liga profissional de basquete do país, a NBA, por meio do Draft, em 2012. Ele foi selecionado como a 4ª escolha da 2ª rodada pelo Cleveland Cavaliers, que o negociou na mesma noite para o Dallas Mavericks, franquia que ainda recebeu o ala-armador e 24º escolha do Draft daquele ano, Jared Cunningham, e o pivô Bernard James. Em troca, Tyler Zeller e Kelena Azubuike foram levados ao Estado de Ohio[16] [17] Ele assinou oficialmente o seu primeiro contrato no dia 20 de julho de 2012, válido por duas temporadas, nos padrões de um atleta selecionado na segunda rodada.[18]

Dallas Mavericks (2012-2014)[editar | editar código-fonte]

Devido à sua boa performance na Summer League, competição voltada para o desenvolvimento de jogadores calouros e que precisam de aprimoramento, Crowder foi descrito pelo analista do Bleacher Report, Chris Hammer, como um dos candidatos a surpreender na Liga.[19] Na ocasião, ele anotou 16.6 pontos, 5.4 rebotes, 1.6 assistências, 0.8 tocos e 2.0 roubos de bola, além de 41,7% de aproveitamento nos arremessos de quadra.[20] Suas exibições, reconhecidas - ele foi indicado para o time da Liga -, repercutiram acerca de seu potencial, sendo visto por Derek Ayala, do Rant Sports, como um jogador da franquia ou, até mesmo, uma estrela da Liga.[21] [22]

Integrado ao elenco do Dallas Mavericks pelo técnico Rick Carlisle, Crowder fez a sua estreia na franquia texana e na NBA no dia 30 de outubro de 2012, na vitória por 99 a 91 sobre o Los Angeles Lakers, de astros como Dwight Howard, Kobe Bryant, Pau Gasol e Steve Nash. Em quadra por 19 minutos e 30 segundos, anotou 8 pontos e agarrou 3 rebotes.[23] Perdeu minutos em quadra, contudo, após o retorno do astro Dirk Nowitzki, que passou a maior parte da temporada tratando uma artroscopia no joelho. Sua contribuição à equipe vencedora da temporada de 2011 diminuiu ainda mais com a volta do também lesionado Shawn Marion. Incapazes de recuperar Nowitzki à sua melhor condição física, o Mavericks ficou fora dos Playoffs pela primeira vez em 12 anos. Em seu ano de calouro, Crowder participou de 78 dos 82 jogos da equipe na temporada regular, em 16 deles como titular, produzindo médias de 5.0 pontos, 2.4 rebotes e 1.2 assistências em 17.3 minutos. Diante do Miami Heat, em 20 de dezembro de 2012, anotou 15 pontos, seu mais alto score na primeira temporada.[24]

Referências