Laurent Schwartz

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém uma ou mais fontes no fim do texto, mas nenhuma é citada no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações. (desde janeiro de 2012)
Por favor, melhore este artigo introduzindo notas de rodapé citando as fontes, inserindo-as no corpo do texto quando necessário.
Laurent Schwartz
Matemática
Laurent Schwartz em Nice, 1970
Nacionalidade França Francês
Nascimento 5 de março de 1915
Local Paris
Morte 4 de julho de 2002 (87 anos)
Local Paris
Atividade
Campo(s) Matemática
Instituições Universidade de Grenoble, École Polytechnique, Universidade Paris VII
Alma mater Escola Normal Superior de Paris, Universidade de Estrasburgo
Tese 1943: Sommes de Fonctions Exponentielles Reelles
Orientador(es) Georges Valiron
Orientado(s) Louis Boutet de Monvel, Alexander Grothendieck, Jacques-Louis Lions, Bernard Malgrange, Leopoldo Nachbin, Gilles Pisier, François Treves
Prêmio(s) Medalha Fields (1950)

Laurent Schwartz (Paris, 5 de março de 1915 — Paris, 4 de julho de 2002) foi um matemático francês.

Recebeu a Medalha Fields, pela elaboração da teoria das distribuições.

Estudou matemática na Escola Normal Superior de Paris e doutourou-se em 1943 na Universidade de Estrasburgo. Desenvolveu o formalismo da teoria das distribuições logo após o final da Segunda Guerra Mundial. Por esta sua realização recebeu em 1950 a Medalha Fields. Foi professor em Paris, de 1953 a 1983.

Engajado em questões políticas, no final da década de 1950 foi exilado em Nova Iorque.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Lars Valerian Ahlfors e Jesse Douglas
Medalha Fields
1950
com Atle Selberg
Sucedido por
Kunihiko Kodaira e Jean-Pierre Serre



Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) matemático(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.