Cédric Villani

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Cédric Villani
Cédric Villani, 2012
Nascimento 5 de outubro de 1973 (43 anos)
Brive-la-Gaillarde, Limusino
Nacionalidade francês
Alma mater Escola Normal Superior de Paris
Prêmios Prêmio Fermat (2009), Prêmio Henri Poincaré (2009), Medalha Fields (2010), Gibbs Lecture (2013)
Orientador(es) Pierre-Louis Lions[1]
Orientado(s) Alessio Figalli
Instituições École Normale Supérieure de Lyon, Instituto Henri Poincaré
Campo(s) Matemática
Tese 1998: Contribution à l'étude mathématique des équations de Boltzmann et de Landau en théorie cinétique des gaz et des plasmas

Cédric Villani (Brive-la-Gaillarde, 5 de outubro de 1973) é um matemático francês.

Seu principal campo de trabalho são equações diferenciais parciais e física matemática. Foi agraciado com a Medalha Fields, em 2010.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Villani estudou na Escola Normal Superior de Paris, de 1992 a 1996, onde foi depois professor assistente. Doutorado pela Universidade Paris Dauphine, em 1998, orientado por Pierre-Louis Lions, e professor da Escola Normal Superior de Lyon, em 2000. Diretor do Instituto Henry Poincaré em Paris, desde 2009.[2][3]

Vida profissional[editar | editar código-fonte]

Villani trabalhou com equações diferenciais parciais envolvido com mecânica estatística, especificamente a equação de Boltzmann, sendo o primeiro, juntamente com Laurent Desvillettes, a provar como ocorre a convergência rápida para valores iniciais não próximos ao equilíbrio.[3] Também tem publicações sobre este assunto juntamente com Giuseppe Toscani. Juntamente com Clément Mouhot trabalhou com amortecimento de Landau não linear.[4] Trabalhou com a teoria do transporte ótimo e suas aplicações à geometria diferencial, e com John Lott definiu uma noção de curvatura de Ricci limitada para medida geral de espaços métricos.[5]

Recebeu a Medalha Fields pelo seu trabalho sobre amortecimento de Landau e equação de Boltzmann.[3]

Condecorações[editar | editar código-fonte]

Publicações selecionadas[editar | editar código-fonte]

  • Limites hydrodynamiques de l'équation de Boltzmann, Séminaire Bourbaki, June 2001; Astérisque vol. 282, 2002.
  • A Review of Mathematical Topics in Collisional Kinetic Theory, in Handbook of Mathematical Fluid Dynamics, edited by S. Friedlander and D. Serre, vol. 1, Elsevier, 2002, ISBN 978-0-444-50330-5. doi:10.1016/S1874-5792(02)80004-0.
  • Topics in Optimal Transportation, volume 58 of Graduate studies in mathematics, American Mathematical Society, 2003, ISBN 978-0-8218-3312-4.
  • Optimal transportation, dissipative PDE’s and functional inequalities, pp. 53-89 in Optimal Transportation and Applications, edited by L. A. Caffarelli and S. Salsa, volume 1813 of Lecture Notes in Mathematics, Springer, 2003, ISBN 978-3-540-40192-6.
  • Cercignani's conjecture is sometimes true and always almost true, Communications in Mathematical Physics, vol. 234, #3 (March 2003), pp. 455-490, doi:10.1007/s00220-002-0777-1.
  • On the trend to global equilibrium for spatially inhomogeneous kinetic systems: the Boltzmann equation (with Laurent Desvillettes), Inventiones Mathematicae, vol. 159, #2 (2005), pp. 245-316, doi:10.1007/s00222-004-0389-9.
  • Mathematics of Granular Materials, Journal of Statistical Physics, vol. 124, #2-4 (July/August 2006), pp. 781-822, doi:10.1007/s10955-006-9038-6.
  • Optimal transport, old and new, volume 338 of Grundlehren der mathematischen Wissenschaften, Springer, 2009, ISBN 978-3-540-71049-3.
  • Ricci curvature for metric-measure spaces via optimal transport (with John Lott), Annals of Mathematics vol. 169, #3 (2009), pp. 903-991.
  • Hypocoercivity, volume 202, #950 of Memoirs of the American Mathematical Society, 2009, ISBN 978-0-8218-4498-4.
  • On Landau damping (with Clément Mouhot), preprint, 2009, arXiv: 0904.2760.
  • Les Coulisses de la création (with Karol Beffa), Flammarion, 2015, Champs Flammarion, 2017

Referências

  1. Cédric Villani (em inglês) no Mathematics Genealogy Project
  2. Mathematics Genealogy Project - Cédric Villani. Página acessada em 13 de setembro de 2010.
  3. a b c d Fields Medal – Cédric Villani. Página acessada em 13 de setembro de 2010.
  4. On Landau damping
  5. Ricci curvature for metric-measure spaces via optimal transport, John Lott and Cedric Villani, arXiv: math/0412127.
  6. «Lauréats des années précédentes» (em francês). Institut de Mathématiques de Toulouse. Consultado em 18 de Julho de 2016. Cópia arquivada em 18 de Julho de 2016 
  7. «Fields Medallists» (em inglês). International Mathematical Union (IMU). Consultado em 26 de dezembro de 2015. Cópia arquivada em 17 de novembro de 2015 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Chandrashekhar Khare
Prémio Fermat
2009
com Elon Lindenstrauss
Sucedido por
Manjul Bhargava e Igor Rodnianski
Precedido por
Andrei Okounkov, Grigori Perelman,
Terence Tao e Wendelin Werner
Medalha Fields
2010
com Elon Lindenstrauss,
Ngô Bảo Châu e Stanislav Smirnov
Sucedido por
Artur Ávila, Manjul Bhargava,
Martin Hairer e Maryam Mirzakhani