Luciana Gimenez

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Luciana Gimenez
Gimenez em abril de 2015
Nome completo Luciana Gimenez Morad
Nascimento 3 de novembro de 1969 (49 anos)
São Paulo, SP
Nacionalidade brasileira
Progenitores Mãe: Vera Gimenez
Pai: João Alberto Morad
Parentesco Marco Antônio Gimenez (meio-irmão)
Cônjuge Marcelo de Carvalho (c. 2006; div. 2018)
Filho(s)
  • Lucas Maurice Morad-Jagger (n. 1999)
  • Lorenzo Gabriel Morad-Fragali (n. 2011)
Ocupação
Período de atividade 2001–presente
Principais trabalhos
Página oficial
www.lucianagimenez.com.br

Luciana Gimenez Morad (São Paulo, 3 de novembro de 1969), conhecida apenas como Luciana Gimenez, é uma apresentadora, empresária e modelo brasileira.[1] Tornou-se mais conhecida do público por comandar os programas Superpop e Luciana by Night.

Biografia e carreira[editar | editar código-fonte]

Primeiros anos[editar | editar código-fonte]

Oriunda de uma família paulistana de classe média alta, possuidores de ascendência espanhola e árabe, Luciana é filha do empresário João Alberto Morad e da atriz Vera Gimenez, e também é meia-irmã do ator Marco Antônio Gimenez. Luciana passou uma parte da sua infância na casa da avó materna em São Paulo, por causa do processo de divórcio dos pais. Depois do falecimento de sua avó, mudou-se para o Rio de Janeiro, onde foi morar com sua mãe e seu padrasto, o ator Jece Valadão.[2]

Modelo[editar | editar código-fonte]

Luciana, começou a carreira de modelo aos treze anos de idade. Construiu uma carreira na agência de modelos Elite e foi para a Europa, onde desfilou para muitas grifes: Azzedine Alaïa, Courrèges, Katherine Hamnett, Chanel, Plein Sud, David Fielden, BellaFreud, Bem de Lisi, Clements Ribeiro, Lenny, Osklen, Água de Coco, Rigy, Santa Efigênia, YesBrasil, Reina Fransheska, Charlie Brown, Lisa Ho, Myers, Marks & Spencer e Morgan.[3] Morou em Milão, Paris, Hamburgo, Londres e Nova York.

Televisão[editar | editar código-fonte]

Luciana Gimenez em março de 2003.

Em 15 de janeiro de 2001, Luciana estreou como apresentadora de televisão no comando do Superpop da RedeTV!, substituindo Adriane Galisteu.[4] Este programa apresenta entrevistas com famosos e trata de fatos polêmicos envolvendo os mesmos. No início, Luciana foi muito criticada principalmente por erros de português e gafes que cometia durante o programa. Ela se defendia das acusações dizendo que por passar anos de sua vida morando nos EUA e falando somente inglês, estava desatualizada com o português. Ela passou a ser chamada de "burra" por diversos jornalistas, entre eles Jorge Kajuru, no qual a apresentadora entrou com processo por danos morais e ele foi condenado a pagar R$ 40 mil reais de indenização e também obrigado a pagar juros e correção monetária, contados a partir do início do processo.[4] Com isso, ela ganhou o apelido de Lucianta (termo criado pelo colunista José Simão, da Folha de S. Paulo). No mesmo ano, Luciana fez uma participação no filme da apresentadora Xuxa, Xuxa e os Duendes.

Em 29 de abril de 2010 ela iniciou a apresentação do programa Mega Senha com Marcelo de Carvalho, um game show produzido pela RedeTV! em parceira com a FremantleMedia. Esse game show é uma versão brasileira do original Password que começou a ser exibido nos Estados Unidos em 1961 pela CBS. Em 27 de novembro de 2012 ela estreou seu primeiro talk show, Luciana by Night. Ele é exibido semanalmente e conta com também com o humorista Diogo Portugal.[5]

Depois de pesquisa feita pela ABC, Luciana foi convidada a participar do programa The View no dia 10 de junho de 2013.[6] Um dos principais temas abordados pelo programa foi a campanha contra a prevenção de doenças transmissíveis por prostitutas. Ela também foi comparada a "Oprah brasileira".[7]

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

Aos 16 anos ela conheceu seu primeiro namorado, o cantor Rod Stewart, com quem namorou por três anos.[8] Após outros relacionamentos com cantores, atores e modelos, Luciana conheceu Mick Jagger, integrante da banda The Rolling Stones, em uma festa organizada pelo empresário Olavo Egydio Monteiro de Carvalho, em abril de 1998 na sua casa.[9] Durante uma noite eles ficaram hospedados no Hotel Copacabana Palace.[10] A gestação de Lucas, o filho de ambos, foi iniciada durante a turnê Bridges to Babylon Tour realizada na Grécia. Na época, Jagger estava casado desde 1990 com a modelo Jerry Hall,[11] que em 1999 anulou o casamento após contestar a validade da cerimônia. Após descobrir a gravidez de Luciana, Mick Jagger terminou o relacionamento com Luciana, pedindo para ela fazer um aborto, e que não queria a criança. Luciana, então, o processou na justiça norte-americana para obrigá-lo a assumir a paternidade.

Luciana passou toda a gravidez sem falar com seu ex, vivendo em companhia da mãe apenas. Três meses depois de Lucas nascer, Luciana, que ainda morava em Manhattan, Nova Iorque, concedeu uma entrevista sobre suas fotos grávida e sozinha. A reportagem foi publicada com oito páginas, em resposta a IstoÉ: "Se eu não tirar as fotos desse jeito, alguém tira e coloca por aí nas revistas e jornais. Por que não?". Na revista britânica ela comentou que não desejava a gravidez, mas que era contra o aborto, e que até aquele momento, com o filho de três meses de vida, o pai não havia o conhecido, e que o menino ainda não tinha o nome do pai na certidão de nascimento, o que só é permitido nos Estados Unidos quando o caso está em processo judicial.[10] Para evitar escândalos e especulações, Luciana passou a maior parte da gravidez nos EUA somente com a mãe a acompanhando.[9] Mick Jagger só reconheceu a paternidade e registrou o menino quando ele fez seis meses de vida, após o exame de DNA que ele pediu dar positivo.[9] Ele chegou a afirmar em entrevistas que havia se arrependido muito de ter se envolvido com a brasileira[8] e dizia apenas que Lucas era um menino legal.

Após Lucas Maurice completar um ano, em 2000, a justiça dos Estados Unidos ordenou que a lista de todos os bens do cantor fosse apresentada. Meses depois, Luciana conseguiu com que Jagger pagasse 20 mil dólares por mês até Lucas completar 21 anos, quando anteriormente recebia 10 mil dólares.

Em 2001 voltou a viver no Brasil, na capital paulista, com a mãe e o filho. Após outros relacionamentos, conheceu Marcelo de Carvalho em 2004 nos bastidores da RedeTV!. Após um tempo de amizade, iniciaram um relacionamento afetivo. Numa viagem romântica para Ravello, na Itália, estavam em um restaurante do hotel Palazzo Sasso, quando Marcelo pediu Luciana em casamento. Em 19 de agosto de 2006 eles se casaram na fazenda Ponta das Canas, em Ilha Bela, São Paulo.[12] No dia 21 de novembro de 2006, três meses após oficializar a sua união com Marcelo, seu padrasto, Jece Valadão, faleceu aos 76 anos vítima de câncer.[13]

Em setembro de 2010 ela confirmou para a imprensa que estava grávida de seu segundo filho.[14] Em 24 de fevereiro de 2011, Vera Gimenez postou uma mensagem no Twitter de que o filho de Luciana havia nascido em Nova York. A criança foi batizada como Lorenzo Gabriel Morad Fragali.[15][16]

Em março de 2018, Luciana Gimenez e Marcelo de Carvalho anunciaram o divórcio, após doze anos de casamento.[17][18][19]

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Televisão
Ano Programa Papel Nota
1998 MTV al Dente Apresentadora
2001–presente Superpop Apresentadora
2003 Quem Te Viu, Quem Te Vê Cassandra Especial de fim de ano[20]
2010 Mega Senha Apresentadora
2012–presente Luciana by Night Apresentadora
2013 The View Apresentadora especial Episódio "10 de junho de 2013"
2019 Samantha! Ela Mesma Participação Especial, 2° Temporada
Filmes
Ano Programa Papel
2001 Xuxa e os Duendes Fada Morgana (Rainha das Fadas)
2010 O Filme dos Espíritos Roseli

Prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Ano Prêmio Categoria Trabalho Resultado
2003 Troféu Imprensa Melhor Apresentadora Superpop Indicado
2007
2017 Troféu Internet

Referências

  1. E Biografia. «Luciana Gimenez - Biografia». E Biografia. Consultado em 18 de Janeiro de 2017 
  2. name="flashland"
  3. lucianagimenez.com.br. «Biografia». Consultado em 21 de fevereiro de 2013. Arquivado do original em 15 de março de 2009 
  4. a b Abdallah, Ariane (13 de março de 2009). «Luciana Gimenez». Revista TPM. Universo Online. Consultado em 11 de junho de 2013 
  5. José Armando Vanucci (28 de novembro de 2012). «"Luciana by Night" supera expectativas e pode sepultar o "Superpop"». Parabólica JP. Jovem Pan Online. Consultado em 25 de maio de 2013. Arquivado do original em 23 de maio de 2013 
  6. «Get the Lowdown on Today's Co-Host Luciana Gimenez». American Broadcasting Company (em inglês). 10 de junho de 2013. Consultado em 11 de junho de 2013. Arquivado do original em 17 de junho de 2013 
  7. Zylberkan, Mariana (10 de junho de 2013). «Luciana Gimenez vira 'Oprah brasileira' na TV americana». Veja. Grupo Abril. Consultado em 11 de junho de 2013. Arquivado do original em 13 de junho de 2013 
  8. a b «Luciana Gimenez». Flahsland. Terra Networks. Consultado em 11 de junho de 2013. Arquivado do original em 25 de outubro de 2013 
  9. a b c Rosalem, Viviane. «Luciana e o bebê de US$ 35 mil». IstoÉ. Consultado em 11 de junho de 2013 
  10. a b Smaniotto, Gilberto; Barbosa, Mariana; Rosalem, Viviane. «Quanto vale o bebê?» 
  11. «Jerry Hall fala sobre Luciana Gimenez». Estadão. Grupo Estado. 27 de junho de 2000. Consultado em 11 de junho de 2013 
  12. Takano, Andréia (19 de agosto de 2006). «Luciana Gimenez casa com empresário Marcelo de Carvalho». Ofuxico. Terra Networks. Consultado em 11 de junho de 2013 
  13. «Morre o ator Jece Valadão aos 76 anos». Terra Networks. 27 de novembro de 2006. Consultado em 11 de junho de 2013 
  14. «Luciana Gimenez confirma gravidez: 'É óbvio, né?'». Ego. Globo.com. 13 de setembro de 2010. Consultado em 11 de junho de 2013 
  15. «Nasce Lorenzo, filho de Luciana Gimenez e Marcelo de Carvalho 14». Universo Online. 24 de fevereiro de 2011. Consultado em 11 de junho de 2013 
  16. «"Estou babando", diz Luciana Gimenez sobre Lorenzo». Universo Online. 25 de fevereiro de 2011. Consultado em 11 de junho de 2013 
  17. «Facilidade para línguas: Talento, curiosidade e um namorado». Folha. 27 de setembro de 2017. Consultado em 26 de agosto de 2003 
  18. «Luciana Gimenez entrevista Laura Pausini». Uol. 27 de setembro de 2017. Consultado em 26 de agosto de 2003 
  19. «UNIVERSO EM COLAPSO: INES BRASIL E LU GIMENEZ CONVERSANDO EM ALEMÃO». Aimorridesungabranca.com. 27 de setembro de 2017. Consultado em 1 de fevereiro de 2013 
  20. Peggo (31 de janeiro de 2010). «Quem Te Viu, Quem Te Vê». Consultado em 15 de março de 2010 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Wikiquote Citações no Wikiquote
Commons Categoria no Commons