Top Cat

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Manda-Chuva (personagem))
Ir para: navegação, pesquisa
Top Cat
Manda-Chuva (PT/BR)
Bacana, Chu-Chu, Gênio, Manda Chuva, Guarda Belo, Espeto e Batatinha
Informação geral
Formato Série de desenho animado
Duração Entre 24 e 27 minutos
Criador(es) William Hanna e Joseph Barbera
País de origem  Estados Unidos
Idioma original Inglês
Produção
Elenco Arnold Stang
Maurice Gosfield
Leo DeLyon
Marvin Kaplan
John Stephenson
Allen Jenkins
Jean Vander Pyl
Paul Frees
Tema de abertura Manda-Chuva
Tema de encerramento Manda-Chuva (Instrumental)
Exibição
Emissora de televisão original Estados Unidos ABC
Transmissão original 27 de setembro de 1961 - 18 de abril de 1962
N.º de temporadas 1
N.º de episódios 30 (lista de episódios)

Top Cat (Manda-Chuva no Brasil e em Portugal) é uma série animada da Hanna-Barbera do horário nobre, que foi originalmente transmitida de 27 de setembro de 1961 a 18 de abril de 1962, com uma temporada de 30 episódios, na rede ABC. Ao contrário de suas séries irmãs, Os Jetsons e Jonny Quest, Manda-Chuva não conseguiu um renascimento nos anos 1980.

No Brasil, o personagem Manda-Chuva foi dublado pelo ator Lima Duarte. Além disso, a cidade de Nova York foi substituída por Brasilia na versão brasileira.

Exibiu no Brasil nos canais : Boomerang, Rede Globo, SBT.

Atualmente,é exibido no canal Tooncast

História[editar | editar código-fonte]

Originalmente transmitido às quartas-feiras, Manda-Chuva foi co-patrocinado pela Kellogg's e Bristol Myers (Bufferin).

O personagem central, Manda-Chuva é o líder de uma gangue de Nova York de gatos de rua: Bacana, Espeto, Batatinha, Gênio e Chu-Chu. Manda-Chuva e sua gangue foram inspirados por personagens da comédia popular You'll Never Get Rich (mais tarde chamada de The Phil Silvers Show). Também foi dito que os Bowery Boys influenciaram o programa. Maurice Gosfield, que interpretou o Corsário Duane Doberman de The Phil Silvers Show, também emprestou sua voz a Batatinha em Manda-Chuva (a aparência grandiloquente de Batatinha foi baseada em Gosfield). Outra possível fonte de material foi Joca e Dingue-Lingue, um segmento de Dom Pixote, que também tinha paralelismo com The Phil Silvers Show.

Manda-Chuva mora em uma lata de lixo magnífica com todos os confortos que estes gatos bem adaptados precisam. Ele acredita em tirar vantagem de toda a situação que lhe ofereça algum ganho financeiro. Mesmo sendo oportunista ele nunca pensaria em magoar ninguém. Tem um telefone em um poste que, tecnicamente, é de uso da polícia. Mas isso não impede Manda-Chuva de fazer ligações frequentes e gratuitas. Suas refeições são cortesia das entregas de leite da vizinhança deixadas nas portas das casas de manhã cedo. Mas ele também descola seu exemplar gratuito de jornal diariamente. Sua mente criativa e sua presença de espírito afunilam sua energia para um único objetivo: elevar o padrão de vida dele e de seus amigos. Ele pode, facilmente, entrar e sair de qualquer situação. Líder nato, Manda-Chuva comanda seus cinco amigos a fazerem um plano mirabolante atrás do outro. Seu maior defeito consiste em nunca dar ouvidos aos outros e só querer saber de ouvir a própria voz, o que já o fez perder grandes oportunidades.

Uma freqüente linha do enredo girava em torno do policial local, Guarda Belo, e suas tentativas ineficazes de expulsar a gangue do beco. A única razão para ele querer se livrar deles era que Manda-Chuva e sua gangue estavam constantemente tentando ganhar dinheiro rápido - normalmente através de um golpe ilegal. A aparência de Belo foi modelada em Allen Jenkins, que fez sua voz. Dibble (o nome original de Guarda Belo), anteriormente sendo apenas para a ferramenta de fazer buracos para plantar sementes, adquiriu um segundo significado no vernáculo como gíria de policiais.

Personagens[editar | editar código-fonte]

  • Manda-Chuva (Top Cat) - Líder da gangue é o primeiro a inventar e se meter em trapalhadas.
  • Batatinha (Benny the Ball) - O mais amável dos gatos. Possui aparência de um gato doce, gentil e incapaz de fazer mal a uma mosca. Se por um lado não age com maldade, por outro é sempre leal e incontestável às ordens de Manda-Chuva.
  • Chu-Chu (Choo Choo) - É um gato cor-de-rosa, ele é o braço direito de Manda-Chuva e também o gato mais alto da turma, usa camisa branca de gola alta. Chu-chu sempre vigia para ver se alguém está se aproximando quando a turma está aprontando alguma.
  • Espeto (Spook) - Um gato de estilo próprio, que, no Brasil, acabou ganhando o sotaque recifense, com o característico chiado ao falar.
  • Bacana (Fancy Fancy) - É um gato com ares de galã.
  • Gênio (Brain) - O nome é apenas uma ironia.
  • Guarda Belo (Officer Dibble) - É um policial à americana, amigo da vizinhança e que tenta, sem fazer muito esforço, fazer com que Manda-Chuva pare com suas traquinagens.

Dubladores[editar | editar código-fonte]

Abaixo a lista dos responsáveis pela dublagem original e pela dublagem brasileira:[1]

Personagem Dublador nos EUA Estados Unidos Dublador no Brasil Brasil
Manda-Chuva Arnold Stang Lima Duarte
Guarda Belo Allen Jenkins Gastão Renné
Batatinha Maurice Gosfield Roberto Barreiros e Gastão Renné
Xuxu Marvin Kaplan Waldir Guedes
Bacana John Stephenson Waldir Guedes
Espeto Leo DeLyon Lima Duarte
Gênio Leo DeLyon Older Cazarré

Episódios[editar | editar código-fonte]

Outras aparições[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «DUBLADORES HANNA-BARBERA » 1957-1966». RetrôTV. Consultado em 2 de janeiro de 2011 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]