Messier 49

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Messier 49
Messier 49, Telescópio Espacial Hubble
Descoberto por Charles Messier
Data de descoberta de 1771
Dados observacionais (J2000)
Constelação Virgo
Tipo E4, LINER[1]
Asc. reta 12h 29m 46,7s[1]
Declinação +08° 00′ 02″[1]
Distância 60 milhões de anos-luz[2] (18,4 mpc)
Redshift 0,003326 ± 0,000022[1]
Magnit. apar. 9,4[1]
Dimensões 10,2 × 8,3 minutos de arco[1]
Outras denominações
NGC 4472, UGC 7629, PGC 41220, Arp 134.[1]
Mapa
Messier 49
Virgo constellation map.png

Messier 49 (M49, NGC 4472) é uma galáxia elíptica localizada a cerca de 60 milhões de anos-luz da Terra na constelação de Virgo. Foi descoberta por Charles Messier em 1771.[2]

Messier 49 é o membro mais brilhante do Aglomerado de Virgem.[3]

Descoberta e visualização[editar | editar código-fonte]

Foi a primeira galáxia membro do aglomerado de Virgem a ser descoberta, por Charles Messier, que adicionou-a em seu catálogo em 19 de fevereiro de 1771. Também foi a segunda galáxia fora do Grupo Local a ser descoberta, a primeira sendo Messier 83, por Nicolas-Louis de Lacaille.[2]

Oito anos mais tarde, em 22 de abril de 1779, por ocasião da chegada do cometa daquele ano e pela ambição de outros observadores de descobrir objetos nebulosos, Barnabi Oriani redescobriu independente a "nebulosa". William Henry Smyth confundiu as descobertas de Messier e Oriani, invertendo seus papéis, erro que foi propagado no General Catalogue (GC) de John Herschel, em 1864, e no New General Catalogue (NGC) de John Louis Emil Dreyer.[2]

Características[editar | editar código-fonte]

Messier 49, Ole Nielsen

É uma das galáxias mais brilhantes pertencentes ao aglomerado de Virgem, com uma magnitude aparente 8,5, correspondente a uma magnitude absoluta -22,8, consdierando sua distância de 60 milhões de anos-luz em relação à Terra. É uma das galáxias elípticas gigantes desse aglomerado (juntamente com Messier 60 e Messier 87), e pertence à classe E4 segundo a classificação de Edwin Hubble. Têm um diâmetro aparente de 9 x 7,5 minutos de grau, correspondendo a um elipsoide com semi-eixo maior de 160 000 anos-luz. É menos maciça que sua companheira, Messier 87, embora seja maior em extensão. Pertencente à classe espectral integrada G7 e índice de cor +0,76, é mais amarelada do que a maioria das galáxias do aglomerado de Virgem.[2]

Astrofotografias de longa exposição mostram um sistema de aglomerados globulares, embora contenha muito menos aglomerados globulares o que M87, embora tenha mais do que M60. Segundo William E. Harris, M49 contém 6 300 aglomerados globulares. Em fotografias, é possível observar NGC 4470, uma galáxia satélite de M49. A supernova SN 1969Q foi observada na galáxia em junho de 1969.[2][4][5]

Galeria[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c d e f g «NASA/IPAC Extragalactic Database». Results for NGC 4472. Consultado em 26 de setembro de 2006 
  2. a b c d e f «Messier Object 49». SEDS. Consultado em 7 de julho de 2011  Erro de citação: Código <ref> inválido; o nome "seds" é definido mais de uma vez com conteúdos diferentes
  3. A. Sandage, J. Bedke (1994). Carnegie Atlas of Galaxies. Carnegie Institution of Washington. ISBN 0-87279-667-1 
  4. «NASA/IPAC Extragalactic Database». Results for supernova search near name "NGC 4472". Consultado em 12 de fevereiro de 2007 
  5. R. Barbon, E. Cappellaro, F. Ciatti, M. Turatto, C. T. Kowal (1984). «A revised supernova catalogue». Astronomy & Astrophysics Supplement Series. 58: 735–750. Bibcode:1984A&AS...58..735B 
Science.jpg    NGC 4470  •  NGC 4471  •  NGC 4472  •  NGC 4473  •  NGC 4474   
Ícone de esboço Este artigo sobre uma galáxia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

Coordenadas: Sky map 12h 29m 46.7s, +08° 00′ 02″