Messier 49

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Messier 49
Messier 49, Telescópio Espacial Hubble
Descoberto por Charles Messier
Data de descoberta de 1771
Dados observacionais (J2000)
Constelação Virgo
Tipo E4, LINER[1]
Asc. reta 12h 29m 46,7s[1]
Declinação +08° 00′ 02″[1]
Distância 60 milhões de anos-luz[2] (18,4 mpc)
Redshift 0,003326 ± 0,000022[1]
Magnit. apar. 9,4[1]
Dimensões 10,2 × 8,3 minutos de arco[1]
Outras denominações
NGC 4472, UGC 7629, PGC 41220, Arp 134.[1]
Mapa
Messier 49
Virgo constellation map.png

Messier 49 (M49, NGC 4472) é uma galáxia elíptica localizada a cerca de 60 milhões de anos-luz da Terra na constelação de Virgo. Foi descoberta por Charles Messier em 1771.[2]

Messier 49 é o membro mais brilhante do Aglomerado de Virgem.[3]

Descoberta e visualização[editar | editar código-fonte]

Foi a primeira galáxia membro do aglomerado de Virgem a ser descoberta, por Charles Messier, que adicionou-a em seu catálogo em 19 de fevereiro de 1771. Também foi a segunda galáxia fora do Grupo Local a ser descoberta, a primeira sendo Messier 83, por Nicolas-Louis de Lacaille.[2]

Oito anos mais tarde, em 22 de abril de 1779, por ocasião da chegada do cometa daquele ano e pela ambição de outros observadores de descobrir objetos nebulosos, Barnabi Oriani redescobriu independente a "nebulosa". William Henry Smyth confundiu as descobertas de Messier e Oriani, invertendo seus papéis, erro que foi propagado no General Catalogue (GC) de John Herschel, em 1864, e no New General Catalogue (NGC) de John Louis Emil Dreyer.[2]

Características[editar | editar código-fonte]

Messier 49, Ole Nielsen

É uma das galáxias mais brilhantes pertencentes ao aglomerado de Virgem, com uma magnitude aparente 8,5, correspondente a uma magnitude absoluta -22,8, consdierando sua distância de 60 milhões de anos-luz em relação à Terra. É uma das galáxias elípticas gigantes desse aglomerado (juntamente com Messier 60 e Messier 87), e pertence à classe E4 segundo a classificação de Edwin Hubble. Têm um diâmetro aparente de 9 x 7,5 minutos de grau, correspondendo a um elipsoide com semi-eixo maior de 160 000 anos-luz. É menos maciça que sua companheira, Messier 87, embora seja maior em extensão. Pertencente à classe espectral integrada G7 e índice de cor +0,76, é mais amarelada do que a maioria das galáxias do aglomerado de Virgem.[2]

Astrofotografias de longa exposição mostram um sistema de aglomerados globulares, embora contenha muito menos aglomerados globulares o que M87, embora tenha mais do que M60. Segundo William E. Harris, M49 contém 6 300 aglomerados globulares. Em fotografias, é possível observar NGC 4470, uma galáxia satélite de M49. A supernova SN 1969Q foi observada na galáxia em junho de 1969.[2] [4] [5]

Galeria[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c d e f g NASA/IPAC Extragalactic Database Results for NGC 4472. Visitado em 26/09/2006.
  2. a b c d e f Messier Object 49 SEDS. Visitado em 07/07/2011.
  3. A. Sandage, J. Bedke. Carnegie Atlas of Galaxies. [S.l.]: Carnegie Institution of Washington, 1994. ISBN 0-87279-667-1
  4. NASA/IPAC Extragalactic Database Results for supernova search near name "NGC 4472". Visitado em 12/02/2007.
  5. R. Barbon, E. Cappellaro, F. Ciatti, M. Turatto, C. T. Kowal. (1984). "A revised supernova catalogue". Astronomy & Astrophysics Supplement Series 58: 735–750. Bibcode1984A&AS...58..735B.
Science.jpg    NGC 4470  •  NGC 4471  •  NGC 4472  •  NGC 4473  •  NGC 4474   
Ícone de esboço Este artigo sobre uma galáxia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

Coordenadas: Sky map 12h 29m 46.7s, +08° 00′ 02″