Basquetebol do Minas Tênis Clube

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ver artigo principal: Minas Tênis Clube


Minas Storm Basquete
Minas Storm Basquete logo
Nome completo Minas Tênis Clube
Torcedores Minastenista
Mascote Max (Onça)
Ligas NBB
Campeonato Mineiro
Champions League Américas
Fundação 1937 (86 anos) (Seção de basquete)
Arena Arena Minas TC
Arena Capacidade 4.000 espectadores
Localização Belo Horizonte, MG, Brasil
Cores Azul, Branco
         
Presidente Ricardo Vieira Santiago
Treinador Leonardo Costa
Títulos 1 Campeonato Sul-Americano de Clubes Campeões
1 Copa Super 8
20 Campeonato Mineiro
Material esportivo Icone Sports
Patrocinador Principal 123Milhas
Website minastenisclube.com.br/basquete

O Basquetebol do Minas Tênis Clube é o departamento de basquetebol do clube poliesportivo brasileiro de mesmo nome, sediado na cidade de Belo Horizonte, em Minas Gerais. Ele é mais conhecido como Minas Storm Basquete ou simplesmente Minas, ou ainda, por razões de patrocínio, 123 Minas.

História[editar | editar código-fonte]

O basquete do Minas surgiu em 1937 e foi um dos primeiros esportes a dar bons resultados ao clube. A primeira medalha olímpica conquistada por um atleta do Minas foi com o jogador de basquete Moisés Blás, que integrou a seleção brasileira nos Jogos de Roma, em 1960.[1][2] Com grande tradição no basquete, a equipe minastenista participa do Campeonato Brasileiro desde quando este tinha o nome de Taça Brasil. A primeira disputa no certame ocorreu em 1966 e o Minas ficou com o terceiro lugar,[3] colocação que se repetiu na Taça Brasil de Basquete de 1971. Quando o Campeonato Brasileiro passou a se chamar Campeonato Nacional de Basquete, as melhores participações do Minas foram em 2003 e em 2008, terminando as duas edições em terceiro.[4]

Em 2007, sob o comando de Flávio Davis, o Minas conquistou seu título mais importante no basquete: o Campeonato Sul-Americano de Clubes Campeões, realizado em Brasília. No último jogo, o Minas derrotou o Duros de Lama, da Venezuela, por 89 a 74, e, nos critérios de desempate, superou o Boca Juniors e ficou em primeiro lugar. A campanha do clube na competição foi de quatro vitórias e apenas uma derrota, em cinco jogos realizados.[5][6]

Depois da conquista do título sul-americano, o Minas obteve o quarto lugar em três participações em competições internacionais: na segunda edição de 2009 da Liga Sul-Americana e nas edições de 2007-08 e 2008-09 da Liga das Américas.[7][8]

A equipe possui mais temporadas consecutivas na elite do basquetebol brasileiro, tendo disputado todas edições do principal campeonato nacional da modalidade desde 2002[9] (o Franca não disputou o Campeonato Nacional de Basquete de 2008, devido ao boicote das equipes paulistas à competição).

O Minas foi um dos fundadores do Novo Basquete Brasil. As melhores campanhas do clube foram no NBB 2008-09 e no NBB 2020-21 (ambos em terceiro lugar).[10] A nível estadual, conquistou o Campeonato Mineiro por 20 vezes, sendo a última em 2018.[11][12]

Na temporada 2020-21, o Minas Storm voltou a disputar uma competição internacional após dois anos: a Basketball Champions League Américas. A equipe chegou até a semifinal, onde foi derrotada pelo Real Estelí (Nicarágua) por 98 a 95. Na decisão do terceiro lugar, o time minastenista derrotou o São Paulo por 75 a 58 e ficou com o bronze.[13][14]

Na temporada 2021-22, o Minas conquistou o seu primeiro título de abrangência nacional: a Copa Super 8. Para sagrar-se campeão, o clube venceu a Unifacisa, nas quartas, por 88 a 84; suplantou o Flamengo, em pleno ginásio do Maracanãzinho, por 71 a 63; e na decisão, venceu o São Paulo em um jogo emocionante e decidido no último segundo, por 78 a 77.[15]

As categorias de base também são destaque no clube, conquistando títulos estaduais, nacionais e internacionais.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Continentais
Competição Títulos Temporada
ContinentSouthAmerica.svg Campeonato Sul-Americano de Clubes Campeões 1 2007
Nacionais
Competição Títulos Temporada
Brasil Copa Super 8 1 2021-22
Estaduais
Competição Títulos Temporada
Minas Gerais Campeonato Mineiro 20 1964, 1965, 1966, 1967, 1968, 1969, 1970, 1971, 1978, 1987, 1991, 1993, 1994, 1995, 1997, 2007, 2008, 2009, 2015 e 2018

Outros torneios[editar | editar código-fonte]

  • Campeonato Metropolitano: 5 vezes (1985, 1986, 1988, 1991 e 1994).
  • Torneio Interestadual: 1986.
  • Torneio Minas/Rio: 1991.
  • Torneio Selector: 1991.
  • Torneio Mercosul: 1993.
  • Torneio José Bento: 1993.
  • International Tournament Haarlem Basketball Week: 2007.
  • Etapa de Vitória da Copa Sudeste: 2008.
  • Torneio Integração: 2019.

Elenco atual (temporada 2022-2023)[editar | editar código-fonte]

Minas Tênis Clube (basquete)
Jogadores Comissão Técnica
Pos. # País Nome Altura Nascimento Último Clube
Armador 0 Brasil João Prado 1,85 m 12/02/2002 Base
Armador 3 Argentina Lucas Faggiano 1,88 m 21/03/1989 Estudiantes (ESP)
Armador 4 Brasil Alexey Borges 1,81 m 08/10/1995 Bauru (BRA)
Ala/Pivô 5 Estados Unidos Eden Ewing 2,03 m 12/01/1997 AEK Larnaca (CYP)
Ala/Armador 6 Estados Unidos Isaac Hamilton 1,96 m 14/05/1994 Olimpia (URU)
Ala 9 Brasil Leandro Moura 1,90 m 04/12/2002 Mogi das Cruzes (BRA)
Ala/Armador 10 Brasil Felipe Vezaro 1,90 m 10/02/1992 Bauru (BRA)
Ala/Armador 13 Brasil Victor Gaede 1,91 m 02/01/2004 Base
Ala/Pivô 15 Brasil Winicius 2,04 m 15/01/2005 Base
Armador 19 Brasil Alexei Patrício 1,90 m 07/06/1997 Osasco (BRA)
Ala/Pivô 20 Brasil Daniel 2,01 m 20/07/2003 Base
Ala/Pivô 21 Brasil Wesley Castro 2,00 m 15/10/1995 Mogi das Cruzes (BRA)
Ala/Armador 22 Estados Unidos Shaquille Johnson 1,91 m 11/04/1990 Urunday Universitario (URU)
Pivô 24 Brasil Alexandre Paranhos 2,04 m 02/03/1992 Corinthians (BRA)
Pivô 25 Brasil Breno Leoterio 2,03 m 28/08/2003 Base
Ala 27 Brasil Yuri 2,01 m 27/09/2003 Base
Ala/Pivô 44 Brasil Renan Lenz (C) 2,07 m 10/09/1990 São Paulo (BRA)
Técnico
  • Leonardo Costa
Auxiliar Técnico
  • Renan Gitiony
  • Bruno Porto
Outros Membros
  • Daniel Westin (Supervisor)
  • Pablo Rebouças (Preparador Físico)
  • Ellen Aguiar (Fisioterapeuta)
  • Matheus Sacchetto (Analista)



Legenda
  • (C) Capitão
  • (S) Suspenso
  • (J) Juvenil
  • (INJ) Contundido

Elenco
• Última atualização: 04/02/2023

Últimas temporadas[editar | editar código-fonte]

Minas Storm
Temporada Campeonato Brasileiro Copa Super 8 Champions League Liga Sul-Americana Campeonato Mineiro Copa Intercontinental
Div. Pos. J V D Classificação Classificação Classificação Fase Máxima Classificação
2020/2021 NBB (1.ª) 3.º 36 28 8 3.º 3.º Não foi realizada Não foi realizado
2021/2022 NBB (1.ª) 3.º 39 28 11 1.º 3.º
2022/2023 NBB (1.ª) —.º 5.º


Legenda:
     Campeão
     Vice-campeão
     Classificado à Champions League
     Classificado à Liga Sul-Americana
NBB = Novo Basquete Brasil

Jogadores históricos[editar | editar código-fonte]

Facundo Sucatzky, maior ídolo da equipe na última década

Treinadores históricos[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Basquete em família» 
  2. «CBB reúne medalhistas olímpicos de 1960 para homenagem - Esportes - Estadão». Estadão. Consultado em 21 de março de 2016 
  3. «Jornal do Brasil - Pesquisa de arquivos de notícias Google». news.google.com. Consultado em 6 de setembro de 2017 
  4. Muratori, Matheus (22 de janeiro de 2022). «Minas e São Paulo se enfrentam por título inédito do Super 8». Basquete Todo Dia. Consultado em 25 de janeiro de 2022 
  5. «GloboEsporte.com > Basquete - NOTÍCIAS - Minas é campeão sul-americano de clubes». globoesporte.globo.com. Consultado em 21 de março de 2016 
  6. «PITÁGORAS/MINAS É CAMPEÃO SUL-AMERICANO DE CLUBES». cbb.com.br. Consultado em 21 de março de 2016. Arquivado do original em 2 de abril de 2016 
  7. «FIBA AMERICAS». www.fibaamericas.com. Consultado em 26 de outubro de 2019 
  8. «FIBA AMERICAS». www.fibaamericas.com. Consultado em 26 de outubro de 2019 
  9. «Confederação Brasileira de Basketball #CBB». legado.cbb.com.br. Consultado em 12 de junho de 2019 
  10. «Clubes do basquete brasileiro apresentam campeonato de 2009» 
  11. «Campeão!» 
  12. TEMPO, O. (16 de agosto de 2021). «Campeonato Mineiro de basquete pode voltar a ser disputado após três anos». Especializados. Consultado em 25 de janeiro de 2022 
  13. B, Plan. «Minas Tênis Clube - Com autoridade». minastenisclube.com.br. Consultado em 5 de maio de 2021 
  14. Muratori, Matheus (14 de abril de 2021). «Minas vence São Paulo e termina a Champions League Américas como terceiro colocado». Basquete Todo Dia. Consultado em 5 de maio de 2021 
  15. «123 Minas conquista título da Copa Super 8 SKY». lnb.com.br. Consultado em 23 de janeiro de 2022