Pedro Mendes

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Pedro Mendes
Pedromendes.JPG
Informações pessoais
Nome completo Pedro Miguel da Silva Mendes
Data de nasc. 26 de Fevereiro de 1979 (35 anos)
Local de nasc. Guimarães,  Portugal
Altura 1,73 cm
Informações profissionais
Clube atual Portugal Vitória de Guimarães
Número 4
Posição Médio defensivo
Clubes profissionais1
Anos Clubes Jogos (golos/gols)
1998–1999
1999–2003
2003–2004
2004–2006
2006–2008
2008–2010
2010–2011
2011-
Portugal Felgueiras
Portugal V.Guimarães
Portugal Porto
Inglaterra Tottenham Hotspur
Inglaterra Portsmouth
Escócia Rangers
Portugal Sporting
Portugal Vitória
31 000 (2)
82 000 (7)
26 000 (0)
30 000 (1)
58 000 (5)
35 000 (3)
11 000 (1)
09 000 0
Seleção nacional3
2002–2010 Flag of Portugal.svg Portugal 12 000 (0)


1 Partidas e gols pelo clube profissional
contam apenas partidas das ligas nacionais,
atualizados até 13 de fevereiro de 2012.


3 Partidas e gols da seleção nacional estão atualizados
até 29 de junho de 2010.

Pedro Miguel da Silva Mendes (Guimarães, 26 de Fevereiro de 1979) é um ex-futebolista português que jogava como médio.

Formado nas escolas do Vitória de Guimarães estreou-se como profissional num empréstimo ao clube vizinho Felgueiras na época 1998/1999 tendo no ano seguinte regressado a Guimarães e assegurado um lugar no plantel principal do Vitória.

Apesar de desde a sua estreia no Estádio D. Afonso Henriques ter mostrado dotes acima da média a sua afirmação como jogador importante para a equipa não foi imediata.

Foi na época 2001/2002 que Pedro Mendes se afirmou como titular da equipa vimaranense e uma das suas principais estrelas.

Ao serviço do Porto Pedro Mendes foi campeão nacional e vencedor da Liga dos Campeões da UEFA. Constituía junto com Costinha, Maniche e Deco o famoso losango maravilha de José Mourinho que conquistou a Europa do futebol.

Após a conquista da liga dos campeões Pedro Mendes foi uma das muitas estrelas do Porto que saíram do clube, tendo se mudado para o Tottenham Hotspur de Inglaterra.

Na sua primeira época em Inglaterra começou logo por encantar os adeptos ingleses, tendo sido apelidado de "rocket man", mas devido a uma lesão que coincidiu com a mudança de treinador do seu clube Pedro Mendes foi perdendo influência no Tottenham Hotspur.

Na segunda época em Inglaterra com a degradação da sua relação com o treinador holandês do Tottenham Hotspur Pedro Mendes decide abandonar o clube e mudar-se para o Portsmouth onde se manteve até hoje sendo uma das suas principais figuras ao lado de jogadores como David James, Sol Campbell, Nwankwo Kanu, e Niko Kranjčar.

Apesar da sua carreira internacional nunca deixou de lembrar as suas origens e faz questão de mencionar em todas as suas entrevistas que desejava um dia regressar a Guimarães e ao seu clube do coração: o Vitória. Ora, o desejo foi realizado, após a rescisão com o clube que representou durante apenas um ano, o Sporting. Em 2011 assinou pelo Vitória de Guimarães, onde foi muitas vezes utilizado como titular. O desejo de voltar a jogar na equipa de Guimarães, foi assim tornado realidade, jogando ao lado de jogadores como Nuno Assís, Barrientos, e Nilson. Pedro Mendes terminou a carreira na segunda-feira, dia 14 de Maio de 2012, como sempre desejou. Após esta noticia, o Vice-Presidente do Vitória de Guimarães, disse que: "Pedro Mendes e a direção acertaram a rescisão. Ele decidiu terminar também a sua carreira. A decisão nasceu de uma conversa entre as partes. Foi uma decisão fácil, mas não é todos os dias que um dos melhores jogadores da história do clube deixa de jogar".


Selecção Nacional[editar | editar código-fonte]

Na época 2002/2003, sua última no Vitória Sport Clube Guimarães, Pedro Mendes estreou-se na selecção nacional AA treinada por Agostinho Oliveira num jogo frente à Escócia. Depois disso Pedro coleccionou diversas convocatórias e a sua segunda internacionalização. Com a chegada de Luis Felipe Scolari ao comando da selecção portuguesa Pedro apenas voltou a ser chamado uma vez para um jogo frente a Itália. Depois da sua saída de Guimarães para o Porto no inicio da época 2003/2004 não voltou mais a ser chamado.

2008/2009[editar | editar código-fonte]

Mais de 5 anos depois da sua última convocatória, Mendes foi convocado por Carlos Queiroz para os jogos de qualificação para o Campeonato do Mundo de 2010 contra a Dinamarca a 9 de Setembro de 2008 e para os 2 últimos jogos a realizar a 10 de Outubro de 2009 contra a Hungria e a 14 de Outubro contra Malta.

No início da época 2008/2009 assinou pelo Rangers, do Campeonato Escocês de Futebol.[1] Dia 29 de janeiro de 2010 oficializa sua volta a Portugal, para defender o Sporting Clube de Portugal


Títulos[editar | editar código-fonte]

FC Porto
Portsmouth
Rangers

Referências

Bandeira de PortugalSoccer icon Este artigo sobre futebolistas portugueses é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.