Danny

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Este artigo ou se(c)ção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde abril de 2012). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Danny
Danny
Danny no Zenit
Informações pessoais
Nome completo Daniel Miguel Alves Gomes
Data de nasc. 7 de agosto de 1983 (36 anos)
Local de nasc. Caracas, Venezuela
Nacionalidade português
venezuelano
Altura 1,78 m
ambidestro
Apelido Danny
Informações profissionais
Clube atual Sem clube
Posição Meio-campista
Clubes de juventude
1999–2001 Marítimo
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
2001–2002
2002–2005
2003–2004
2005–2008
2008–2017
2017–2018
2018
Marítimo
Sporting
Marítimo (emp.)
Dínamo Moscou
Zenit
Slavia Praga
Marítimo
0010 0000(5)
0020 0000(1)
0022 0000(1)
0113 000(20)
0255 000(67)
0032 0000(2)
0016 0000(0)
Seleção nacional3
2003–2005
2008–2016
Portugal Sub-21
Portugal
0017 0000(0)
0038 0000(4)


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 19 de setembro de 2019.
3 Partidas e gols da seleção nacional estão atualizados
até 16 de maio de 2016.

Daniel Miguel Alves Gomes, mais conhecido como Danny (Caracas, 7 de agosto de 1983), é um futebolista português que atua como meio-campista. Atualmente está sem clube.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Nascido na Venezuela, no seio de uma família portuguesa, Danny foi ainda muito novo para a Ilha da Madeira, terra de seus pais, e lá desenvolveu as suas capacidades futebolísticas nas categorias de base do Marítimo. Danny fez a sua primeira chamada à equipa principal do Marítimo no fim da temporada de 2001–02, onde marcou 5 gols em vinte jogos.

Mais tarde, ele assinou pelo Sporting por €2,1 milhões, no qual voltou mais tarde ao Marítimo por empréstimo.[1]

Em fevereiro de 2005, entrou no Dínamo Moscou da Rússia, no qual foi premiado como o melhor jogador do Dínamo na época de 2005. Em agosto de 2008 transferiu-se para o Zenit São Petersburgo por 30 milhões de euros, naquela que foi a transferência mais cara do futebol russo.

Tendo uma estreia em cheio marcando um golo e sendo o melhor em campo atribuído pela UEFA num jogo contra o Manchester United pela Supercopa da UEFA em que a sua equipe iria vencer por 2 a 1.

No dia 23 de julho de 2018, Danny assinou por uma temporada com o Marítimo.[2]

Seleção Nacional[editar | editar código-fonte]

Entre 2003 e 2005, Danny realizou 17 partidas pela Seleção Portuguesa em Sub-21. Fez a sua estreia pela Seleção Portuguesa principal no dia 20 de agosto de 2008, num amistoso contra as Ilhas Faroé em que Portugal goleou por 5 a 0.[3][4]

Títulos[editar | editar código-fonte]

Sporting
Zenit
Slavia Praga

Referências

  1. «Danny propelling Zenit challenge». Federação Internacional de Futebol. 16 de agosto de 2010 
  2. csmaritimo.org.pt (22 de Julho de 2018). «Carlos Pereira fez o anúncio mais esperado: "Aqui está Danny"». csmaritimo.org.pt. Consultado em 23 de Julho de 2018 
  3. «Portugal goleia na estréia do sucessor de Luiz Felipe Scolari». GloboEsporte.com. 20 de agosto de 2008. Consultado em 19 de setembro de 2019 
  4. «Portugal goleia (5-0) Ilhas Faroé». Jornal de Notícias. 20 de agosto de 2008. Consultado em 19 de setembro de 2019 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]