Seleção Maltesa de Futebol

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Malta
MaltaFA.png
Alcunhas?  Guerreiros de São João
Associação Federação Maltesa de Futebol
Confederação UEFA (Europa)
Material desportivo?  Itália Givova
Treinador Malta Ray Farrugia
Capitão Michael Mifsud
Mais participações Michael Mifsud (129)
Melhor artilheiro Michael Mifsud (42)
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
titular
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo
editar

A Seleção Maltesa de Futebol representa Malta nas competições de futebol da FIFA. As estrelas do time são Michael Mifsud, Udochukwu Nwoko (nigeriano de nascimento, que chegou a fazer parte da equipe do Náutico, não chegando a atuar), David Carabott e Daniel Bogdanovic (nascido na Líbia). Entretanto, seu melhor jogador de todos os tempos é Carmel Busuttil, alcunhado de Il Busu.

História[editar | editar código-fonte]

Malta jogou seu primeiro jogo internacional em 24 de fevereiro de 1957 no Empire Stadium, perdendo por 2 a 3 para a Áustria. Essa partida foi jogada na frente de uma multidão no antigo Empire Stadium. A Associação de Futebol de Malta aderiu à FIFA em 1959 e à UEFA um ano depois. A equipa internacional competiu pela primeira vez nas eliminatórias da Taça das Nações da Europa em 1962 e na qualificação para o Copa do Mundo em 1971.[2]

O primeiro empate competitivo de Malta terminou 1-1 contra a Grécia em 1970. As duas primeiras vitórias competitivas de Malta foram vitórias de 2-0 e 2-1 em casa para a Grécia e Islândia nas eliminatórias do Campeonato Europeu em 1975 e 1982, respectivamente. Em 1979, Malta empatou em 0-0 com a Alemanha Ocidental num jogo de qualificação para o Campeonato da Europa e voltou a reunir-se a 16 de Dezembro de 1984 para uma partida memorável na Taça do Mundo, diante de uma assistência recorde no estádio Ta'Qali, em 1982. Os vice-campeões da Copa só conseguiram uma vitória por 2 a 3. Outro resultado de prestígio foi alcançado em Março de 1987, quando Malta empatou 2-2 em Portugal, numa qualificação para o Euro'88 e a equipa também empatou duas vezes frente à Hungria durante a qualificação para o Campeonato do Mundo de 1990 e registou quatro vitórias amigáveis em 1991 e 1992.[3]

A terceira vitória competitiva de Malta veio com uma vitória por 1 a 0 para a Estônia em uma eliminatória da Copa do Mundo de 1993, na qual Kris Laferla marcou.[4] Em Outubro de 1994, o Malta detinha a República Checa por 0-0 num jogo de apuramento para o UEFA Euro 1996, no qual este terminou em segundo lugar. Seis anos depois, em outubro de 2000, em uma partida classificatória para a Copa do Mundo de 2002, Malta novamente conseguiu outro empate de 0-0 contra a República Tcheca, o que acabou custando a última colocação no seguinte grande torneio. Em junho de 2000, Malta jogou contra a Inglaterra, então administrada por Kevin Keegan. Em desvantagem de 2 a 1 para os minutos finais, Malta recebeu um pênalti, mas o esforço de David Carabott foi poupado por Richard Wright.[5] Em novembro de 2001 e maio de 2002, o Malta jogou e permaneceu invicto em 6 partidas internacionais e entre elas venceu o Torneio Internacional (Rothmans). Em 2005, Malta empatou 1-1 contra a Croácia e a Bulgária. Outro resultado positivo foi o empate em 1 a 1 em um jogo amistoso contra a Irlanda do Norte, apesar de George Mallia ter perdido uma penalidade por lesão que teria dado a eles uma vitória.[6] Em 11 de outubro de 2006, Malta conseguiu mais uma vitória competitiva, um triunfo por 2 a 1 sobre a Hungria no Campeonato Europeu de qualificação, com Andre Schembri marcando duas vezes.[4]

Em 7 de fevereiro de 2007, Malta empatou em 1 a 1 com um dos anfitriões do Euro 2008, na Áustria. O jogo foi disputado para comemorar o 50º aniversário da primeira partida internacional disputada pela seleção nacional de Malta.[7] Em 8 de setembro de 2007, Malta conseguiu outro empate contra a Turquia em um jogo das eliminatórias da Eurocopa de 2008, terminando o jogo em 2 a 2.[8] Em 26 de março de 2008, Malta alcançou a maior vitória de sempre, uma derrota por 7 a 1 para o Liechtenstein em um amistoso no Estádio Ta 'Qali, com Michael Mifsud marcando cinco gols.[9] Uma vitória amigável por 2 a 0 sobre a Geórgia aconteceu em 2009.

A única seleção que não marcou um gol nas Eliminatórias Europeias para a Copa 2010[editar | editar código-fonte]

Em 2009, Malta alcançou um feito negativo: não conseguiu marcar ao menos um gol durante sua campanha para tentar a classificação para a Copa de 2010. Foi a primeira vez desde 1978 que a equipe não marcava gols.

Campanha de Malta nas Eliminatórias entre 1974 e 2014[editar | editar código-fonte]

  • 1974: quarto lugar, zero pontos, um gol marcado, vinte gols sofridos

Artilheiro da seleção: Toninu Camilleri.

  • 1978: quarto lugar, zero pontos, nenhum gol marcado, 27 gols sofridos

Artilheiro da seleção: não teve.

  • 1982: terceiro lugar, zero pontos, dois gols marcados, quinze gols sofridos

Artilheiro da seleção: Emanuel Fabri e Ernest Spiteri-Gonzi.

  • 1986: quinto lugar, um ponto, seis gols marcados, 25 gols sofridos

Artilheiro da seleção: Leonard Farrugia (dois gols), Carmel Busuttil, Raymond Xuereb e Michael Degiorgio (o português Frederico marcou um gol contra a favor de Malta).

  • 1990: quinto lugar, dois pontos, três gols marcados, 18 gols sofridos

Artilheiro da seleção: Carmel Busuttil marcou os três gols malteses nas Eliminatórias de 1990.

  • 1994: quinto lugar, três pontos, três gols marcados, 23 gols sofridos

Artilheiro da seleção: Martin Gregory, Carmel Busuttil e Kristian Laferla.

  • 1998: sexto lugar, zero pontos, dois gols marcados, 37 gols sofridos

Artilheiro da seleção: Stefan Sultana e Gilbert Agius.

  • 2002: sexto lugar, um pontos, quatro gols marcados, 24 gols sofridos

Artilheiro da seleção: Michael Mifsud, George Mallia, David Carabott e Gilbert Agius.

  • 2006: sexto lugar, três pontos, quatro gols marcados, 37 gols sofridos

Artilheiro da seleção: Michael Mifsud, Brian Said, Steve Wellman e Antoine Zahra.

  • 2010: sexto lugar, zero pontos, nenhum gol marcado, 26 gols sofridos

Artilheiro da seleção: não teve.

  • 2014: sexto lugar, três pontos, cinco gol marcados, 28 gols sofridos

Artilheiro da seleção: Michael Mifsud, Roderick Briffa, Clayton Failla e Edward Herrera.

Estatísticas em jogos oficiais[editar | editar código-fonte]

  • Gols marcados: 30
  • Gols sofridos: 280
  • Artilheiro em eliminatórias: Carmel Busuttil (cinco gols)
  • Pontos ganhos: 13

Recordes[editar | editar código-fonte]

Elenco atual[editar | editar código-fonte]

Soccerball current event.svg Última atualização: 08 de julho de 2018


Os seguintes 23 jogadores foram nomeados para os amistosos contra a Arménia Arménia em 29 de maio de 2018 e Geórgia Georgia em 1 de junho de 2018

Nome Posição Clube
Hogg Goleiro Malta Hibernians
Bonello Goleiro Malta Valletta
Sultana Goleiro Malta Hamrun
Agius Defesa Malta Hibernians
Camilleri Defesa Malta Valletta
Borg Defesa Malta Valletta
Zerafa Defesa Malta Valletta
Beerman Defesa Escócia Rangers
Apap Defesa Malta Victoria Hotspurs
Johnson Defesa Malta Balzan
Jurgen Pisani Defesa Malta Floriana
Briffa Médio Malta Gżira United
Fenech Médio Malta Balzan
Gambin Médio Inglaterra Luton Town
Steve Pisani Médio Malta Floriana
Grech Médio Malta Birkirkara
Mbong Médio Malta Hibernians
Vella Médio Malta Hibernians
Mifsud Avançado Malta Valletta
Cohen Avançado Malta Gżira United
Effiong Avançado Malta Balzan
Nwoko Avançado Malta Valletta
Degabriele Avançado Malta Hibernians
Ray 'Zazu' Farrugia Treinador

Ver também[editar | editar código-fonte]

Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.
  1. a b c FIFA.com (novembro de 2015). «Ranking Mundial da FIFA/Coca-Cola». Consultado em 11 de novembro de 2015. 
  2. «Malta Football Association - History of the Malta Football Association». 27 de setembro de 2011. Consultado em 4 de junho de 2018. 
  3. «Malta International "A" Matches». Malta Football Association (em inglês). Consultado em 4 de junho de 2018. 
  4. a b «Malta 2-1 Hungary». The Malta Independent (em inglês) 
  5. «BBC SPORT | EURO2000 | ENGLAND | Malta v England: Clockwatch». news.bbc.co.uk. Consultado em 4 de junho de 2018. 
  6. «Malta 1-1 Northern Ireland» (em inglês). 17 de agosto de 2005 
  7. «Malta to play Euro 2008 co-hosts Austria on 30 May». The Malta Independent 
  8. Huggins, Trevor. «England notch easy win against Israel». U.K. (em inglês) 
  9. Ltd, Allied Newspapers. «Five-goal Mifsud inspires Malta to massive win». Times of Malta (em inglês) 
  10. a b Roberto Mamrud. «Malta - Record International Players». RSSSF. Consultado em 8 de junho de 2014.