Seleção Cipriota de Futebol

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Chipre
CyprusFA 2020.png
Associação Κυπριακή Ομοσπονδία Ποδοσφαίρου /
Kıbrıs Futbol Federasyonu
Confederação UEFA
Material desportivo?  Macron
Treinador Bélgica Johan Walem
Capitão Elias Charalambous
Mais participações Ioannis Okkas (106)
Melhor artilheiro Michalis Konstantinou (32)
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
titular
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo
editar

A Seleção Cipriota de Futebol representa o Chipre nas competições de futebol da FIFA.

Apesar de ser uma das seleções mais modestas da Europa (nunca disputou Copas do Mundo ou Eurocopas), o Chipre segue em estágio de evolução, principalmente após o surpreendente empate em 4-4 contra Portugal, em plena cidade de Guimarães.

Suas partidas como mandante acontecem no GSP Stadium, em Nicósia, a capital do país. Entre 2011 e 2013, foi treinado por Nikos Nioplias, ex-jogador da Grécia e do Panathinaikos, substituído por Pambos Christodoulou.

Principais jogadores[editar | editar código-fonte]

Sotiris Kaiafas é considerado o mais importante futebolista da história do Chipre, sendo oito vezes artilheiro do Campeonato Nacional, quatro delas seguidas (1980–81, 1981–82, 1982–83 e 1983–84, as últimas já em final de carreira), e levou ainda a Chuteira de Ouro europeia em 1976, sendo o único cipriota a receber a honraria. Pela Seleção, não teve o mesmo sucesso: foram apenas dois gols em 18 jogos entre 1972 e 1980.

Posteriormente, Michalis Konstantinou e Ioannis Okkas (ambos com passagens pelo futebol grego) viriam-se a tornar os jogadores mais famosos da Seleção Cipriota, assim como Constantinos Charalambides e Efstathios Aloneftis.

Treinadores[editar | editar código-fonte]

Treinador Período na seleção
Grécia Nikos Nioplias 2011–presente
Grécia Angelos Anastasiadis 2004–2011
Sérvia Momčilo Vukotić 2001–2004
Chipre Stavros Papadopoulos 1999–2001
Chipre Panikos Georgiou 1997–1999
Chipre Andreas Michaelides 1991–1997
Chipre Panikos Iakovou 1984–1991
Bulgária Vassil Spasov 1982–1984
Grécia Kostas Talianos 1977–1982
Chipre Panikos Krystallis 1976–1977
Chipre Pambos Avraamidis 1972–1976
Jugoslávia Sima Milovanov 1972
Inglaterra Ray Wood 1969–1971
Chipre Pambos Avraamidis 1968–1969
Grécia Argyrios Gavalas 1960–1967
Hungria Gyula Zsengellér 1958–1959

Mais partidas disputadas[editar | editar código-fonte]

# Jogador Estreou em Partidas Gols Em atividade pela seleção
1 Ioannis Okkas 1997 106 27 Não
2 Michalis Konstantinou 1998 86 32 Sim
3 Pambos Pittas 1987 82 7 Não
4 Nicos Panayiotou 1994 75 0 Não
5 Constantinos Charalambides 2003 70 11 Sim

Elenco atual[editar | editar código-fonte]

Os seguintes jogadores foram convocados para as eliminatórias da Eurocopa 2020 contra a Escócia Escócia e a Bélgica Bélgica nos dias 16 e 19 de novembro de 2019.

Atualizado até 15 de março de 2020

Nome Posição Clube
Kissas Goleiro Chipre Nea Salamina
Pardo Goleiro Chipre Alki Oroklini
Michael Goleiro Grécia Asteras Tripolis
Merkis Defesa Chipre APOEL
Demetriou Defesa Inglaterra Southend United
Kyriakou Defesa Chipre Apollon Limassol
Kousoulos Defesa Chipre AC Omonia
Nicholas Ioannou Defesa Chipre APOEL
Christoforou Defesa Chipre Nea Salamina
Karo Defesa Itália Salernitana
Wheeler Defesa Chipre AEL
Efrem Médio Chipre APOEL
Avraam Médio Chipre AEL
Artymatas Médio Chipre APOEL
Kastanos Médio Itália Pescara
Economides Médio Chipre Anorthosis Famagusta
Papoulis Médio Chipre Apollon Limassol
Špoljarić Médio Chipre Alki Oroklini
Kosti Médio Chipre Nea Salamina
Michalis Ioannou Médio Chipre Anorthosis Famagusta
Theodorou Médio Chipre Enosis Neon Paralimni
Sotiriou Avançado Cazaquistão FC Astana
Zachariou Avançado Chipre Olympiakos Nicósia
Ran Ben Shimon Treinador

Dez partidas notáveis[editar | editar código-fonte]

Galeria de imagens[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c FIFA.com (11 de junho de 2020). «Ranking Mundial da FIFA/Coca-Cola». Consultado em 10 de julho de 2020