Polly Pocket

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa


Polly Pocket
Polly Pocket
Criador(a) Chris Wiggs
País de origem  Estados Unidos
Data de lançamento 1989 (26 anos)
Fabricante(s) Mattel
Distribuidora(s) Mattel
Público Infantil
Tipo Boneca
Anos de produção 1989–presente

Polly Pocket é uma franquia de brinquedos femininos desenvolvida pela Mattel desde 1989. A série foi originalmente baseada numa boneca pequena e portátil de bolso. Depois de alguns anos a boneca ficou maior tornando-se uma fashion doll ao estilo da Barbie e Susi. Em 2003 a personagem passou a brilhar mais rendendo seus próprios produtos como filmes, livros, materiais escolar e jogos eletrônicos.

Atualmente é uma das principais marcas da Mattel ficando atrás somente de Barbie, Max Steel e Monster High. Atualmente também possui um desenho animado para internet e TV.

História[editar | editar código-fonte]

Polly Pocket teve seu primeiro conceito em 1983, quando o alemão Chris Wiggs criou um estojo de bonecas pra sua filha Kate. O brinquedo era composto de uma casa de bonecas em forma de estojo com mini bonequinhas, semelhante aos bonecos Playmobil e Lego. Conquistando vendas na Inglaterra a boneca foi adquirida em 1989 pela empresa Mattel, (conhecida pelo seus sucessos Barbie e Hot Wheels) em parceria com a britânica Bluebird Toys. Devido a seu baixo custo de produção, a venda dessas bonecas foi excelente e a empresa conseguiu sucesso. Ela rapidamente alcançou outros países se tornando popular entre os países da América Latina.

Em 1998 a Mattel redesignou o formato das bonecas deixando-as maiores e mais realistas e criou uma linha de items colecionáveis. No mesmo ano lançou a linha Fashion Polly!, onde introduziu as amigas da Polly Lea, Shani, Lila, Ana, entre outras personagens. Mais adiante foram acrescentados os bonecos Ricky e Todd. Na virada do século vendo suas marcas brilharem a Mattel começou a apostar em séries animadas e produtos de suas principais franquias. Com o sucesso dos filmes da Barbie, o desenho animado Max Steel, logo foram lançadas uma série de filmes animados de Polly Pocket em parceria com a Universal Studios que durou de 2003 até 2006.

Ainda nos anos 2000 Polly ganhou jogos eletrônicos, livros, cadernos, agendas, e suas linhas de brinquedo passaram a ter adesivos, bichinhos (muito semelhantes aos da marca Littlest Pet Shop), roupas que mudam de cor na água, carros (incluindo a linha "PollyWheels" baseada em Hot Wheels), e vários acessórios. Depois de um tempo, devido a dificuldade que algumas pessoas tinham de vestir a boneca, criou-se a "Polly pronta em um click", uma linha de brinquedos onde as roupas, que são divididas ao meio, vestindo facilmente as bonecas por causa de imãs, contidos tanto nas roupas quanto na Polly. Porém algumas pessoas consideraram essa linha perigosa as crianças mais novas caso engolissem partes, e a popularidade da boneca decaiu até 2009.[1]

Em 2010 a Mattel começou a iniciar uma nova versão da Polly, as bonecas se tornaram mais parecidas ainda com fashion dolls e uma série em desenho animado foi produzida a partir de 2011 a princípio lançada na internet, o desenho animado fez parte da nova geração de animações da Mattel como Monster High e Barbie: Life in the Dreamhouse.

Personagens[editar | editar código-fonte]

Alguns personagens foram criados em adaptações em desenho animado da franquia. Esses personagens também passaram a fazer parte do brinquedos juntamente da Polly.

  • Polly Pocket - Uma garota rica e amigável. Na série antiga ela era vocalista de uma banda de rock. Seu pai o Sr. Pocket é dono de uma incrível rede de apartamentos dos quais Polly e suas amigas costumam visitar entre cada viagem de férias. Durante os filmes clássicos Polly resolve problemas juntamente de suas amigas, impedindo sua rival Beth de destruir sua reputação. Na série moderna Polly passa por uma grande mudança. Seus pais sequer são mencionados e também não é vista mais indo a escola. Os episódios giram em torno de suas aventuras e alegrias com suas ao redor do mundo (posteriormente morando na cidade Pollyville).
  • Lila - Uma das melhores amigas de Polly. Nos filmes antigos é preguiçosa e vai mal aos estudos. Na série moderna é uma patricinha arrogante, mas boa amiga da Polly. Ela tem os cabelos castanhos escuros.
  • Shani - Outra das amigas originais da Polly. Nos filmes antigos era a mais inteligente e calculista da turma. Na série moderna ela se torna uma aspirante a cientista. Ela é afro-americana.
  • Lea - Outra das amigas originais da Polly. Nos filmes antigos Lea era uma garota esportiva e agitada. Na série moderna ela passa a ser uma garota mais meiga e doce. Ela tem os cabelos alaranjados.
  • Ana - Amiga da Polly que só aparece nos primeiros filmes. Se destaca por ser a mais artística da turma. Ela tem os cabelos castanhos claros. Foi substituída pela Crissy na série moderna.
  • Ricky - Um garoto amigo da Polly. Ele é muito semelhante ao Ken da linha Barbie. Gosta de esportes radicais e tem um amigo chamado Todd. Na série moderna passa a acompanhar Polly e suas amigas frequentemente em suas aventuras. Tem olhos azuis e cabelos loiros muito semelhantes aos da Polly.
  • Beth - A rival da Polly nos primeiros filmes. Uma garota invejosa que arma planos pra humilhar Polly e suas amigas e tornar-se a garota mais popular da escola. Tem apenas duas amigas que são suas cúmplices. Não aparece na série moderna.

Mídias[editar | editar código-fonte]

Filmes[editar | editar código-fonte]

Também foi lançada uma série da Polly, em que originalmente, a ideia era somente lançar uma boneca com um DVD. Com o sucesso, foi lançado um novo episódio "Diversão no Pocket Plaza", onde Polly e suas amigas vivem uma incrível aventura no hotel do Sr. Pocket, juntamente com uma nova amiga, a prima de Polly, Pia Pocket. Em todos os DVDs, a colega de escola de Polly, Beth, a rainha malvada, que quer ser mais popular do que Polly, tenta impedí-la de alcançar seus objetivos.

Episódio 1 (Piloto): O parque aquático de Polly Neste episódio, Polly e suas amigas fazem um trabalho escolar sobre golfinhos na ilha particular de Polly, onde há uma linda praia e um divertido parque aquático.Acontece de tudo, inclusive o resgate de um filhote de golfinho!Porém a câmera que Beth emprestou a Lila estava com o filme cheinho de fotos, e por isso as fotos do trabalho ficaram sobrepostas.Mas com os desenhos de Ana,Polly e as Pokets arrasam na apresentação e ainda fazem um show incrível!
Episódio 2: Diversão no Pocket Plaza O sr. Pocket abre um novo hotel em sua rede, uma referência ao Plaza Hotel em Nova York.

Chega também uma nova amiga, Pia Pocket, a prima da Polly, que sonha ser uma grande estrela do rock.Mas sua responsável não quer deixar, pois quer manter a menina no "caminho adequado".O pai de Polly fica preso em um aeroporto da Indonésia e Polly é quem tem que apresentar na inauguração do hotel, o que a deixa desesperada.

Episódio 3: PollyWorld O pai da Polly abre um parque de diversões chamado PollyWorld e o usa como palco de um show de prêmios. As surpresas não param aí. Ele pretende se casar de novo e a futura madrasta da Polly pretende enviá-la para um colégio interno.

Jogos eletrônicos[editar | editar código-fonte]

Polly teve em 1994 um mini-computador eletrônicos de jogos chamado Electronic Polly Pocket. Em 2003 teve seu próprio jogo para Game Boy Advance intitulado Polly Pocket: Super Splash Island, um jogo de puzzle ao estilo Mario Party desenvolvido pela Vivendi Universal Games.

Desenho animado[editar | editar código-fonte]

Em 2011 foi lançada a primeira série de desenho animado da boneca primeiramente para internet promovendo a nova versão da boneca e sua linha. Ela foi feita em animação computadorizada e já chegou a ser exibida pela televisão pela Nickelodeon Brasil e SBT no Sábado Animado.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]