Rebecca Hall

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Rebecca Hall
Rebecca Hall no Festival Internacional de Cinema de Berlim, em fevereiro de 2010.
Nome completo Rebecca Maria Hall
Nascimento 3 de maio de 1982 (34 anos)
Londres, Inglaterra
 Reino Unido
Ocupação Atriz
Atividade 1992–presente
Prémios BAFTA
Melhor Atriz Coadjuvante
2010 - Red Riding: In the Year of Our Lord 1974

Rebecca Maria Hall (Londres, 3 de maio de 1982)[1] é uma atriz anglo-americana nascida na Inglaterra. É mais conhecida pelos seus papéis em filmes como Vicky Cristina Barcelona (pelo qual foi indicada para o Globo de Ouro na categoria de melhor atriz em longa-metragem musical ou de comédia)[2], The Town, Iron Man 3, Transcendence e The Gift.

Em junho de 2010 conquistou o BAFTA de melhor atriz coadjuvante por sua interpretação de Paula Garland na produção de 2009 do Channel 4, Red Riding: In the Year of Our Lord 1974.[3]

Primeiros anos e educação[editar | editar código-fonte]

Rebecca Hall nasceu em Londres e é filha de Peter Hall, um encenador britânico e fundador da Royal Shakespeare Company e de Maria Ewing, uma cantora de ópera norte-americana.[4] Os pais de Rebecca separaram-se quando ela ainda era criança e acabaram por se divorciar em 1990.[4] Rebecca tem cinco meios-irmãos: Edward Hall, encenador; Lucy Hall, cenógrafa; Christopher Hall, produtor: e Jennifer Caron Hall que também é atriz e fruto do primeiro casamento do pai de Rebecca com a atriz francesa Leslie Caron.[5]

Rebecca frequentou a Roedean School durante a adolescência.[4] Mais tarde estudou Literatura Inglesa na St. Catharine's College da Universidade de Cambridge, mas desistiu do curso em 2002 pouco antes do seu último ano.[4][6][7] Enquanto estudava em Cambridge, Rebecca foi um membro ativo da comunidade de teatro da universidade e chegou mesmo a criar a sua própria companhia de teatro.[8] Fez também parte da Marlowe Society e protagonizou várias peças com o seu companheiro de casa, Dan Stevens que também estudou Literatura Inglesa em Cambridge, mas na Emmanuel College.[9]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Cinema e televisão[editar | editar código-fonte]

O primeiro trabalho de Rebecca surgiu em 1992 quando ela tinha 10 anos e foi escolhida para o papel de jovem Sophy na adaptação para a televisão do romance The Camomile Lawn de Mary Wesley.[10]

A atriz estreou-se no cinema em 2006 no papel de Rebecca Epstein em Starter for Ten. No mesmo ano participou em The Prestige de Christopher Nolan, o filme que a tornou conhecida internacionalmente. Em 2007 interpretou o papel de Tina no telefilme Joe's Palace de Stephen Poliakoff.

Rebecca Hall na estreia do filme The Town no Festival Internacional de Cinema de Toronto de 2010.

Em 2008 interpretou o papel de Vicky no filme Vicky Cristina Barcelona de Woody Allen. O filme e o desempenho de Rebecca foram bastante elogiados pela crítica e ela recebeu uma nomeação para os Globos de Ouro no ano seguinte.[11] Ainda em 2008 a atriz participou em Frost/Nixon no papel de namorada da personagem de Michael Sheen, David Frost. No ano seguinte protagonizou com Ben Barnes uma nova adaptação ao cinema do romance O Retrato de Dorian Gray de Oscar Wilde. Participou ainda nos filmes Please Give com Catherine Keener e Amanda Peet e em The Town, realizado por Ben Affleck.

No mesmo ano o Channel Four transmitiu o telefilme Red Riding: In the Year of Lord 1974, uma de quatro adaptações da série de romances Red Riding Quartet de David Peace. Rebecca interpreta o papel de Paula Garland, a mãe de uma menina que desaparece numa vila de West Yorkshire. Este papel valeu-lhe o prémio BAFTA de Melhor Atriz Secundária em 2010.[12]

Em 2012 protagonizou o filme Lay the Favorite do realizador Stephen Frears. Apesar de a crítica ter elogiado, de forma geral, o seu desempenho, o filme foi bastante mal recebido e um desastre de bilheteira.[13][14]

Ainda no mesmo ano interpretou o papel de Sylvia Tietjens, a esposa da personagem interpretada por Benedict Cumberbatch, em Parade's End, uma minissérie co-produzida pela BBC e pela HBO. A série é uma adaptação da tetralogia de romances homónima de Ford Madox Ford e teve críticas maioritariamente positivas.[15] Rebecca venceu o Broadcast Press Guild Award e foi nomeada para o BAFTA, os Critics' Choice Awards e para os Satellite Awards por este papel.[16]

Em 2013, a atriz substituiu Jessica Chastain no papel de Maya Hansen no filme da Marvel, Iron Man 3. No mesmo ano protagonizou o thriller Closed Circuit no papel de Claudia Simmons. Em 2014 interpretou o papel de Evelyn Caster, a esposa da personagem de Johnny Depp, em Transcendence. Interpretou ainda o papel de Lotte Hoffmeister em A Promise, filme que protagonizou com Alan Rickman e Richard Madden.

Os projetos futuros de Rebecca incluem o filme de fantasia realizado por Steven Spielberg, The BFG, onde interpreta o papel de Mary e a série Codes of Conduct da HBO onde contracena com Helena Bonham Carter e Paul Dano.

Teatro[editar | editar código-fonte]

Rebecca estreou-se no teatro profissional em 2002 com a peça Mrs Warren's Profession no Strand Theatre em Londres. A peça, encenada pelo seu pai, valeu-lhe o Ian Charleston Award em 2003.[17]

Hall em 2010.

Ainda em 2003, o pai de Rebecca celebrou 50 anos de carreira como encenador com cinco peças no Theatre Royal em Bath. A atriz protagonizou duas dessas peças: interpretou o papel de Rosalind em As You Like It (que lhe valeu uma segunda nomeação para o Ian Charleston Award) e o de Thea Sharrock em The Fight for Barbara. No ano seguinte, Rebecca continuou a trabalhar com o seu pai. Participou em três peças da companhia de teatro Peter Hall Company no Theatre Royal, duas delas encenadas pelo pai.

Em 2005, Rebecca retomou o papel de Rosalind quando a peça As You Like It partiu em digressão com espetáculos em Kingston upon Thames, no The Brooklyn Academy of Music em Nova Iorque, no The Curran Theatre em São Francisco. e no The Ahmanson Theatre em Los Angeles, entre outros.

Entre 2008 e 2009, a atriz participou no Bridge Project de Sam Mendes no papel de Hermione em The Winter's Tale e de Varnya em The Cherry Orchard. O projeto partiu em digressão para a Alemanha, Grécia, Nova Zelândia, Singapura, Espanha, Reino Unido e Estados Unidos. Entre 2010 e 2011, Rebecca interpretou o papel de Viola numa produção de Twelfth Night no National Theatre de Londres.

Renecca estreou-se na Broadway em 2013 com a peça Machinal. A peça, encenada por Lyndsey Turner, foi exibida no The Roundabout Theatre entre 20 de dezembro de 2013 e 16 de janeiro de 2014.

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

Entre 2003 e 2004, Rebecca namorou com o ator Freddie Stevenson com quem trabalhou na peça As You Like It.[18] Ela teve uma relação com o realizador Sam Mendes entre 2010 e 2015.[19] Em setembro de 2015 casou-se com o Morgan Spector com quem trabalhou na peça Machinal.[20]

Rebecca tem dupla nacionalidade: é britânica e norte-americana.[21] É madrinha da filha mais velha do ator Dan Stevens.[22]

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Cinema
Ano Filme Título em português Papel Obs.
2006 Starter for 10 br: Garoto Nota 10
pt: Concurso Viciado
Rebecca Epstein
The Prestige br: O Grande Truque
pt: O Terceiro Passo
Sarah Borden Empire Award de melhor revelação

London Film Critics Circle Awards de revelação britânica do ano

2008 Vicky Cristina Barcelona br/pt: Vicky Cristina Barcelona Vicky Gotham Award de melhor elenco
Globo de Ouro de melhor atriz - longa-metragem musical ou comédia
Gotham de performance revelação
London Film Critics Circle Award de atriz britânica do ano
Frost/Nixon br/pt: Frost/Nixon Caroline Cushing Screen Actors Guild Award de performance de destaque de elenco em longa-metragem
2009 Dorian Gray br: O Retrato de Dorian Gray
pt: Dorian Gray
Emily Wotton
2010 Please Give br: Sentimento de Culpa
pt: Encontros em Nova Iorque
Rebecca Robert Altman Award
Special Award for Body of Work also forRed Riding: In the Year of Our Lord 1974 and The Town
Chlotrudis Award for Best Performance by an Ensemble Cast
Evening Standard British Film Award for Best Actress
Gotham Award for Best Ensemble Cast
The Town br: Atração Perigosa
pt: A Cidade
Claire Keesey National Board of Review Award de melhor atuação de elenco
Broadcast Film Critics Association Award de melhor atuação de elenco
Washington D.C. Area Film Critics Association Award de melhor atuação de elenco
A Bag of Hammers Mel
Everything Must Go br/pt: Pronto para Recomeçar Samantha
2011 The Awakening br/pt: O Despertar Florence Cathcart British Independent Film Award de melhor atriz
2012 Lay the Favorite Beth Raymer
2013 Iron Man 3 br/pt: Homem de Ferro 3 Maya Hansen
A Promisse Uma Promessa Charlotte (Lotte) Hoffmeister
Closed Circuit br/pt: Circuito Fechado Claudia Simmons-Howe
2014 Transcendence br:Transcendência - A Revolução Evelyn Caster
2015 Bonobos: Back to the Wild Claudine
The Gift br: O Presente

pt: Um Presente do Passado

Robyn
2016 The BFG br: O Bom Gigante Amigo

pt: O Amigo Gigante

Mary
Televisão/filmes para a TV
Ano Filme Papel
1992 The Camomile Lawn Young Sophie
1993 The World of Peter Rabbit and Friends Lucie
Don't Leave Me This Way Lizzie Neil
2006 Wide Sargasso Sea Antoinette Cosway
2007 Rubberheart Maggie
Joe's Palace Tina
2008 Einstein and Eddington Winifred Eddington
Official Selection Emily Dickinson
2009 Red Riding: In the Year of Our Lord 1974 Paula Garland
2012 Parade's End Sylvia Tietjens

Referências

  1. Births, Marriages & Deaths Index of England & Wales, 1916–2005. Lista seu nome de nascimento como "Rebecca Maria Hall".
  2. «Rebecca Hall | Golden Globes». www.goldenglobes.com. Consultado em 2016-01-26. 
  3. «Awards Database – The BAFTA site». Bafta.org. Consultado em 8-5-2011. 
  4. a b c d Hattenstone, Simon. (2010-06-11). "Who, me? Why everyone is talking about Rebecca Hall" (em en-GB). The Guardian. ISSN 0261-3077.
  5. «Rebecca Hall». Movies Dosthana. Consultado em 2016-01-26. 
  6. ""Former Cambridge student takes her first leading role"". The Cambridge Student.
  7. «For Rebecca Hall, it's all in the family business | The San Diego Union-Tribune». www.signonsandiego.com. Consultado em 2016-01-26. 
  8. «"The Prestige production notes"» (PDF). 30 de setembro de 2007. Consultado em 26 de janeiro de 2016. 
  9. «Rebecca Hall takes the lead - Telegraph». 2011-10-29. Consultado em 2016-01-26. 
  10. «Hall of fame | The Sunday Times». www.thesundaytimes.co.uk. Consultado em 2016-01-26. 
  11. Comte, Benjamin Nugent,Michel. «Rebecca Hall Photos». GQ. Consultado em 2016-01-26. 
  12.  
  13. «Lay the Favorite». www.rottentomatoes.com. 2012-12-07. Consultado em 2016-01-26. 
  14. «Lay the Favorite (2012) - Box Office Mojo». www.boxofficemojo.com. Consultado em 2016-01-26. 
  15. «Parade's End». www.rottentomatoes.com. Consultado em 2016-01-26. 
  16. «Rebecca Hall». IMDb. Consultado em 2016-01-26. 
  17. «London Theatre News, Reviews, Interviews and more | WhatsOnStage». whatsonstage. Consultado em 2016-01-26. 
  18. «Rebecca Hall: My art belongs to Daddy». The Independent (em inglês). Consultado em 2016-01-26. 
  19. «GIRL ABOUT TOWN: Mendes and Hall 'split as she falls for co-star'». Mail Online. Consultado em 2016-01-26. 
  20. «Rebecca Hall 'weds her Broadway co-star Morgan Spector'». Mail Online. Consultado em 2016-01-26. 
  21. Rozen, Leah. (2010-09-08). "Rebecca Hall, in ‘The Town’ and Off and Running". The New York Times. ISSN 0362-4331.
  22. «Downton Abbey’s Dan Stevens goes to Hollywood | The Times». The Times (em inglês). Consultado em 2016-01-26. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Este artigo sobre uma atriz é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.