Robert Mulliken

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Robert Mulliken
Chicago 1929
Conhecido(a) por Teoria dos orbitais moleculares
Nascimento 7 de junho de 1896
Newburyport
Morte 31 de outubro de 1986 (90 anos)
Condado de Arlington
Nacionalidade Estados Unidos Estadunidense
Prêmios Prêmio Peter Debye (1963), Prêmio Willard Gibbs (1965), Nobel prize medal.svg Nobel de Química (1966), Medalha Priestley (1983)
Campo(s) Química

Robert Sanderson Mulliken (Newburyport, 7 de Junho de 1896Condado de Arlington, 31 de Outubro de 1986) foi um químico estadunidense.

Pioneiro no trabalho da teoria da Orbital molecular, atualmente a tese mais aceita que explica as ligações covalentes, pesquisa que lhe valeu o Nobel de Química de 1966. Desenvolveu uma tabela de eletronegatividade, a Escala Mulliken, na qual classifica o neônio como elemento de maior potencial eletronegativo da tabela periódica.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Robert Burns Woodward
Nobel de Química
1966
Sucedido por
Manfred Eigen, Ronald George Wreyford Norrish e George Porter


Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Commons Categoria no Commons
Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) químico(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.