São Vito

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para outras pessoas de mesmo nome, veja Vito.

História[editar | editar código-fonte]

São Vito/Guido
Representação medieval de São Vito
Grande Mártir e Santo auxiliar
Nascimento 290 em Sicília
Morte 303 em Basilicata
Veneração por Igreja Católica
Igreja Ortodoxa
Principal templo Catedral de São Vito
Festa litúrgica 15 de junho
Atribuições Caldeirão com galo/leão
Padroeiro dos Atores, cães,Artistas, dançarinos, epilépticos, tempestade,garotos e Jovens,das doenças nervosas,dos viciados em droga e da Cidade Italiana de Polignano a Mare.
Gloriole.svg Portal dos Santos

São Vito ou São Guido é um santo católico originário da Sicília que viveu durante a perseguição aos cristãos e morreu como mártir da Igreja pelas mãos dos Imperadores Diocleciano e Maximiano. Sua festa é celebrada em 15 de junho.

Veneração[editar | editar código-fonte]

A veneração a São Vito estendeu-se até pela Alemanha, que seu nome foi incluído entre os Quatorze Santos Protetores e se lhe considerou como padroeiro especial dos epilépticos e dos afetados por essa enfermidade nervosa chamada ‘Baile de São Vito’, talvez por isso é também protetor dos bailarinos e autores.

Também é invocado contra o perigo das tormentas, contra o excesso de sono, mordidas de serpentes e contra todo dano que as animais podem fazer aos homens. Amiúdo representam sua imagem acompanhada de alguma fera.

São Vito, Modesto e Crescencia, aos que se lhe atribuíam poderes sobrenaturais, morreram por se negarem rotundamente a render sacrifício aos “deuses”.

O menino São Vito é considerado santo também pelos milagres que fazia, escolhido por Deus para dar exemplos da fé cristã associada a poderes divinos. Foram submetidos a diversas torturas das quais saíram ilesos. Os mártires morreram em Lucania, esgotados por seus sofrimentos.

No Brasil[editar | editar código-fonte]

Fundada em 1919 a Associação Beneficente São Vito Mártir promove anualmente a Festa de São Vito no bairro do Brás, na Zona Leste de São Paulo.[1]

A festa é realizada durante todos os finais de semana, entre os meses de maio e julho, sendo umas das festas populares Italianas mais tradicionais de São Paulo,[1] assim como: a Festa de Nossa Senhora de Casaluce a Festa de Nossa Senhora Achiropita e a Festa de San Gennaro.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

  • Conteúdo relacionado com Vitus no Wikimedia Commons

São Vito é padroeiro da cidade de Polignano à Mare província de Bari no sul da Itália.


Ícone de esboço Este artigo sobre Cultura é um esboço relacionado ao Projeto Cultura. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.