Simbologia dos santos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Portal A Wikipédia possui o
Portal dos Santos

A Igreja Católica tem usado símbolos desde o seu início. Cada santo tem uma história e uma razão porque ele ou ela levou uma vida exemplar. Os símbolos têm sido usados pela Igreja Católica para contar estas histórias dos santos. Muitos santos são tradicionalmente representados por símbolos ou ícones relacionados com as suas vidas, para mais facilmente identifica-los por intermédio de gravuras. Esta prática conhecida como iconografia, foi particularmente intencionada para que o analfabeto pudesse reconhecer uma cena, e em geral, ajuda aos cristãos a memorizar o santo e o seu exemplo de vida, simbolizado no ícone. Entretanto, estes símbolos não são necessariamente universais a todas as tradições cristãs que por ventura venha a venerar determinado santo.

As vidas da maioria dos santos estão além da ordinária vida dos ordinários cristãos. O uso do símbolo, com a estátua ou ícone de um santo, lembra ,ao povo crente, quem esta sendo mostrado e sua história.

Lista de símbolos dos santos[editar | editar código-fonte]

Santo Símbolos
Ana Livro
André Sautor
Antão do Deserto Cruz tau, porco, sino
Bárbara Torre
Barnabé Cajado, ramo de oliveira
Bartolomeu Faca, pedaço de pele
Brás Velas
Catarina de Alexandria Roda de tortura
Clara Ostensório
Clemente Âncora
Cristóvão Gaúcha com Cristo
Dinis de Paris Cabeça em mãos
Doroteia de Cesareia Flores, frutas
Dunstan Alicate
Eduardo, o Confessor Coroa, halo, cetro
Egídio Hábito Beneditino, corça
Estêvão Pedras
Estêvão da Hungria Coroa, orbe, cetro com cruz patriarcal
Eustáquio Touro, crucifixo, chifre, veado, forno
Helena Cruz
Inês Anho
Jerônimo Hábito de cardeal, leão
João Batista Anho, cruz
João, o Evangelista Águia, dragão em cálice
Jorge Dragão, cruz vermelha
José Esquadro, martelo
Leonardo Correntes, amarras
Lourenço Grelha
Lucas Touro
Lúcia Olhos sobre um prato
Marcos Leão
Margarida Dragão
Maria Lírios, o seu monograma
Maria Madalena Caixa alabastro de pomada (Oeste); ovo vermelho (Leste)
Martinho de Tours Partilhando parte da sua capa a um mendigo
Mateus Anjo, homem com asas
Miguel Balança, dragão
Nicolau Cajado, três moedeiros
Pancrácio Espada, ramo de palmeira
Patrício Trevo, cruz
Paulo Espada
Pedro Chaves, galo, cruz invertida
Sebastião Flechas
Tiago Cajado, vieira, cruz de Santiago
Tomás de Aquino Ostensório
Tomé Lança, esquadro
Vito Caldeirão, galo, leão


Referências[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]