Tobias Harris

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Tobias Harris
Tobias Harris Clippers (cropped).jpg
Harris com os Clippers em novembro de 2018
Informações pessoais
Nome completo Tobias John Harris
Data de nasc. 15 de julho de 1992 (27 anos)
Local de nasc. Islip, New York, Estados Unidos
Altura 2,06 m
Peso 107 kg
Apelido TH
Informações no clube
Clube atual Estados Unidos Philadelphia 76ers
Posição Ala / Ala-pivô
Clubes de juventude
2010–2011 Estados Unidos Tennessee
Clubes profissionais
Ano Clubes Partidas (pontos)
2011–2013
2013–2016
2016–2018
2018–2019
2019–Presente
Estados Unidos Milwaukee Bucks
Estados Unidos Orlando Magic
Estados Unidos Detroit Pistons
Estados Unidos LA Clippers
Estados Unidos Philadelphia 76ers
70 (344‬)
205 (3.193)
161 (2.694‬)
87 (1.770)
39 (678)

Tobias John Harris (Islip, 15 de julho de 1992) é um jogador norte-americano de basquete profissional que atualmente joga pelo Philadelphia 76ers, disputando a National Basketball Association (NBA). Ele foi draftado em 2011 na primeira rodada pelo Charlotte Bobcats.[1]

Carreira no ensino médio[editar | editar código-fonte]

Harris freqüentou a Escola Secundária Half Hollow Hills e se juntou ao time de basquete do colégio como um aluno do oitavo ano.

Ele ficou em Half Hollow Hills West até 2008, quando se transferiu para a Middle and Lutheran Middle School de Long Island em Brookville, Nova York.

Ele se transferiu de volta para a Half Hollow Hills West para seu último ano e ganhou o Mr. Basketball de New York de 2010. Ele também foi nomeado um All-American.[2]

Recrutas
Nome Cidade natal Escola Altura Peso Data
Tobias Harris

F

Dix Hills, New York Half Hollow Hills 2,03 m 95 kg
Recrutamento : Scout.com : 5/5 stars    Rivais : 5/5 stars    ESPN : 97/100
  • Nota : Em muitos casos, Scout, Rivals e ESPN podem entrar em conflito em suas listas de altura e peso, nestes casos, a média foi obtida. As notas da ESPN estão em uma escala de 100 pontos.

Carreira universitária[editar | editar código-fonte]

Harris frequentou a Universidade do Tennessee, sendo treinado pelo técnico Bruce Pearl.

Em sua primeira e única temporada, ele foi selecionado para a Segunda-Equipe de Novatos da USBWA com uma das performances mais consistentes e versáteis do país. Harris também foi nomeado pra Primeira-Equipe da SEC e para a Equipe de Novatos da SEC.

Ele ficou em quinto lugar entre todos os calouros nas seis principais conferências com 15,3 pontos por jogo. Além disso, seus 7,3 rebotes por jogo ficaram em sexto lugar entre todos os calouros das grandes conferências.

Em 9 de maio de 2011, Harris se declarou para o Draft da NBA, renunciando aos seus últimos três anos de elegibilidade na faculdade.[3]

Carreira profissional[editar | editar código-fonte]

Milwaukee Bucks (2011–2013)[editar | editar código-fonte]

Em 23 de junho de 2011, Harris foi selecionado pelo Charlotte Bobcats com a 19ª escolha geral no Draft de 2011. Mais tarde, ele foi negociado para o Milwaukee Bucks na noite do Draft.[4] Em 10 de dezembro de 2011, ele assinou seu contrato de novato com os Bucks.[5]

Harris fez sua estréia na NBA em 7 de janeiro de 2012 contra o Los Angeles Clippers, na noite seguinte, ele somou 15 pontos contra o Phoenix Suns. Ele jogou em 42 jogos durante sua temporada de estreia (nove como titulares) tendo médias de 5,0 pontos, 2,4 rebotes e 0,5 assistências em 11,4 minutos por jogo.

Em 24 de outubro de 2012, os Bucks estenderam o seu contrato até a temporada de 2013–14.[6]

Orlando Magic (2013–2016)[editar | editar código-fonte]

Harris em dezembro de 2013

Em 21 de fevereiro de 2013, Harris foi negociado, junto com Doron Lamb e Beno Udrih, ao Orlando Magic em troca de J. J. Redick, Gustavo Ayón e Ish Smith.[7] Harris teve um tempo de jogo maior em Orlando e suas estatísticas seguiram o exemplo: ele triplicou sua média de pontos e quadruplicou suas médias de seus rebotes, assistências e bloqueios.

Em 26 de outubro de 2013, o Magic estendeu o seu contrato até a temporada de 2014–15.[8]

Em 24 de janeiro de 2014, Harris registrou 28 pontos e 20 rebotes na vitória por 114-105 sobre o Los Angeles Lakers. Em 2 de março de 2014, ele marcou 31 pontos em uma vitória de 92-81 sobre o Philadelphia 76ers.

Em 6 de fevereiro de 2015, Harris fez 34 pontos em uma vitória por 103-97 sobre o Los Angeles Lakers.

Em 14 de julho de 2015, Harris assinou novamente um contrato com o Magic, US $ 64 milhões por quatro anos.[9][10]

Detroit Pistons (2016–2018)[editar | editar código-fonte]

Harris em outubro de 2017

Em 16 de fevereiro de 2016, Harris foi negociado com o Detroit Pistons em troca de Ersan İlyasova e Brandon Jennings.[11] Ele fez sua estréia pelos Pistons três dias depois, marcando 21 pontos em uma derrota por 98-86 para o Washington Wizards.

Os Pistons terminaram a temporada regular como a oitava melhor campanha na Conferência Leste com um recorde de 44-38, ganhando uma vaga nos playoffs pela primeira vez desde 2009. No entanto, em sua primeira rodada contra o Cleveland Cavaliers, os Pistons foram varridos por 4-0.

Em 23 de dezembro de 2016, Harris foi reserva pela primeira vez em 2016-17 e, subseqüentemente, marcou 26 pontos em uma derrota de 119-113 para o Golden State Warriors. Em 11 de março de 2017, ele fez 28 pontos em uma vitória por 112-92 sobre o New York Knicks.

Em 25 de outubro de 2017, Harris fez 34 pontos em uma vitória por 122-101 sobre o Minnesota Timberwolves. Em 13 de novembro de 2017, ele foi nomeado Jogador da Semana da Conferência Leste pelos jogos disputados de segunda-feira, 6 de novembro a domingo, 12 de novembro.[12] Em 26 de dezembro de 2017, ele marcou 21 de seus 30 pontos no primeiro quarto de uma vitória de 107-83 sobre o Indiana Pacers.[13]

Los Angeles Clippers (2018–2019)[editar | editar código-fonte]

Em 29 de janeiro de 2018, Harris, juntamente com Avery Bradley, Boban Marjanović e duas escolhas de Draft, foi negociado com o Los Angeles Clippers em troca de Blake Griffin, Willie Reed e Brice Johnson.[14] Ele fez sua estréia pelos Clippers em 3 de fevereiro, marcando 24 pontos em uma vitória por 113-103 sobre o Chicago Bulls. Em 23 de fevereiro de 2018, ele registrou 30 pontos e 12 rebotes na vitória por 128-117 sobre o Phoenix Suns.

Em 15 de novembro de 2018, Harris marcou 18 pontos em uma vitória por 116-111 sobre o San Antonio Spurs, marcando pelo menos 15 pontos em 14 jogos consecutivos na carreira.

Em 25 de novembro, ele fez 34 pontos e 11 rebotes na vitória por 104-100 sobre o Portland Trail Blazers. Posteriormente, ele foi nomeado Jogador da Semana da Conferência Oeste pelos jogos disputados de segunda-feira, 19 de novembro, até domingo, 25 de novembro.[15] Ele também ganhou o prêmio de Jogador do Mês da Conferência Oeste em outubro e novembro.[16]

Em 17 de dezembro, ele marcou 39 pontos em uma derrota de 131-127 para o Trail Blazers. Em 20 de janeiro, ele fez 27 pontos, nove rebotes e nove assistências na vitória por 103-95 sobre os Spurs.

Philadelphia 76ers (2019)[editar | editar código-fonte]

Em 6 de fevereiro de 2019, Harris foi negociado, juntamente com Boban Marjanović e Mike Scott, para o Philadelphia 76ers em troca de Wilson Chandler, Mike Muscala, Landry Shamet e uma série de escolhas de draft.[17]

Ele fez sua estréia pelos 76ers dois dias depois, registrando 14 pontos e oito rebotes na vitória por 117-110 sobre o Denver Nuggets.

Em 6 de julho de 2019, os Sixers re-assinou com Harris em um contrato de US $ 180 milhões por cinco anos.[18]

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

Harris tem três irmãos, Tyler, T.J. e Terry e duas irmãs, Tori e Tesia. Tyler terminou sua carreira universitária de basquete na Universidade de Auburn.[19] Terry está atualmente jogando na Summer League pelo Philadelphia 76ers depois de terminar sua carreira universitária de basquete na North Carolina A&T State University.[20] Sua irmã, Tesia, jogou basquete na St. John's University, em Queens, Nova York. O companheiro de NBA e ex-companheiro de equipe, Channing Frye, é primo de Harris.[21][22]

Com o Orlando Magic, Harris usou o número 12 como uma homenagem ao seu amigo e ex-companheiro de equipe, Morgan Childs, que morreu aos 17 anos devido à leucemia.[23]

Estatísticas[editar | editar código-fonte]

LEGENDA
 PJ  Partidas jogadas  PI  Partidas iniciadas  MPJ  Minutos por jogo  AP  Arremessos de quadra (%)
 3P  Arremessos de 3 pontos (%)  LL  Lances-livre (%)  RT  Rebotes por jogo  AS  Assistências por jogo
 BR  Roubos de bola por jogo  TO  Tocos por jogo  PPJ  Pontos por jogo  Negrito  Melhor da carreira

NBA[editar | editar código-fonte]

Temporada regular[editar | editar código-fonte]

Ano Time PJ MPJ AP 3P LL RT AS BR TO PPJ
2011–12 Milwaukee 42 11.4 .467 .261 .815 2.4 .5 .3 .2 5.0
2012–13 Milwaukee 28 11.6 .461 .333 .885 2.0 .5 .3 .3 4.9
2012–13 Orlando 27 36.1 .453 .310 .721 8.5 2.1 .9 1.4 17.3
2013–14 Orlando 61 30.3 .464 .254 .807 7.0 1.3 .7 .4 14.6
2014–15 Orlando 68 34.8 .466 .364 .788 6.3 1.8 1.0 .5 17.1
2015–16 Orlando 49 32.9 .464 .311 .784 7.0 2.0 1.0 .6 13.7
2015–16 Detroit 27 33.4 .477 .375 .911 6.2 2.6 .7 .4 16.6
2016–17 Detroit 82 31.3 .481 .347 .841 5.1 1.7 .7 .5 16.1
2017–18 Detroit 48 32.6 .451 .409 .846 5.1 2.0 .7 .3 18.1
2017–18 L.A. Clippers 32 34.5 .473 .414 .800 6.0 3.1 1.2 .6 19.3
2018–19 L.A. Clippers 55 34.6 .496 .434 .877 7.9 2.7 .7 .4 20.9
2018–19 Philadelphia 27 35.0 .469 .326 .841 7.9 2.9 .4 .5 18.2
Carreira 546 30.4 .471 .364 .822 6.0 1.9 .7 .5 15.4

Playoffs[editar | editar código-fonte]

Ano Time PJ MPJ AP 3P LL RT AS BR TO PPJ
2016 Detroit 4 39.0 .457 .333 .923 9.5 3.0 .8 .8 14.5
2019 Philadelphia 12 36.9 .425 .349 .846 9.1 4.0 1.1 .5 15.5
Carreira 16 37.4 .432 .347 .872 9.2 3.8 1.0 .6 15.3

Universidade[editar | editar código-fonte]

Ano Time PJ MPJ AP 3P LL RT AS BR TO PPJ
2010–11 Tennessee 34 29.2 .460 .303 .753 7.3 1.3 .7 .9 15.3

Fonte:[24]

Prêmios e homenagens[editar | editar código-fonte]

  • Segunda-Equipe da SEC (2011)
  • Equipe de Novatos da SEC (2011)
  • McDonald's All-American (2010)
  • Segunda-Equipe Parade All-American (2010)
  • Mr.Basketball de New York (2010)

Referências

  1. «Official NBA bio of Tobias Harris». NBA.com (em inglês). Consultado em 24 de julho de 2019 
  2. «Tobias Harris - Men's Basketball». University of Tennessee Athletics (em inglês). Consultado em 24 de julho de 2019 
  3. «Harris, Hopson Declare for NBA Draft». University of Tennessee Athletics (em inglês). Consultado em 24 de julho de 2019 
  4. Madden, Frank (24 de junho de 2011). «NBA Draft 2011: Big trade, Tobias Harris and Jon Leuer highlight Milwaukee Bucks' busy draft day». Brew Hoop. Consultado em 24 de julho de 2019 
  5. «Bucks match offer for Mbah a Moute». www.jsonline.com (em inglês). Consultado em 24 de julho de 2019 
  6. «Bucks Exercise Contract Options on Harris, Sanders and Udoh». Milwaukee Bucks (em inglês). Consultado em 24 de julho de 2019 
  7. «Magic Acquire Harris, Lamb and Udrih From Milwaukee; Warrick from Charlotte». Orlando Magic (em inglês). Consultado em 24 de julho de 2019 
  8. «Magic Exercise Contract Options on Harkless, Harris, Nicholson and Vucevic». Orlando Magic (em inglês). Consultado em 24 de julho de 2019 
  9. «Harris Thrilled to Be Back With Magic». Orlando Magic (em inglês). Consultado em 24 de julho de 2019 
  10. «Harris sticks with Magic for $64M, sources say». ESPN.com (em inglês). 4 de julho de 2015. Consultado em 24 de julho de 2019 
  11. «Detroit Pistons Acquire Forward Tobias Harris». Detroit Pistons (em inglês). Consultado em 24 de julho de 2019 
  12. «Detroit Pistons Forward Tobias Harris Named Eastern Conference Player of the Week». Detroit Pistons (em inglês). Consultado em 24 de julho de 2019 
  13. «Pacers vs. Pistons - Game Recap - December 26, 2017 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 24 de julho de 2019 
  14. «Press Release: L.A. Clippers Acquire Harris, Bradley, Marjanović, First & Second-Round Picks». Los Angeles Clippers (em inglês). Consultado em 24 de julho de 2019 
  15. «Tobias Harris Named Western Conference Player Of The Week». Los Angeles Clippers (em inglês). Consultado em 24 de julho de 2019 
  16. «Tobias Harris Named Kia Western Conference Player Of The Month». Los Angeles Clippers (em inglês). Consultado em 24 de julho de 2019 
  17. «Harris, Marjanović, and Scott Acquired From LA Clippers». Philadelphia 76ers (em inglês). Consultado em 24 de julho de 2019 
  18. «Team Re-Signs Harris». Philadelphia 76ers (em inglês). Consultado em 24 de julho de 2019 
  19. Sinor, Wesley (16 de maio de 2015). «Auburn basketball lands Big East transfer Tyler Harris». al (em inglês). Consultado em 24 de julho de 2019 
  20. «Terry Harris Bio». NCATAggies.com (em inglês). Consultado em 24 de julho de 2019 
  21. «Tobias Harris, Channing Frye having family reunion in playoffs». Detroit Free Press (em inglês). Consultado em 24 de julho de 2019 
  22. Mayo, David (15 de abril de 2016). «Cousins Tobias Harris of Pistons, Channing Frye of Cavs square off in playoffs». mlive.com (em inglês). Consultado em 24 de julho de 2019 
  23. «LI's Harris changes numbers for fallen friend». Newsday (em inglês). Consultado em 24 de julho de 2019 
  24. «Tobias Harris Stats». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 24 de julho de 2019