Tweety

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Piu-piu
Tweety PT /Piu-Piu BR
Personagem ficcional de Looney Tunes
Criado(a) por Friz Freleng
Voz Brasil Sônia de Morares, Elza Martins, Cordelia Santos, Antonieta Matos (1960-1970)
Myriam Thereza e Carmen Sheila (1970-1990)
Sylvia Salustti (1990-)
Descrição ficcional
Nome original Tweety
Sexo Masculino
Nascimento 1942
Origem  Estados Unidos
Espécie Canário
Cabelo amarelo
Olhos Azuis
Ocupação fugir de frajola
Características fofura
Amigo(s) Vovó
Hector
Inimigo(s) Frajola
Aparições
Primeira aparição A Tale of Two Kitties (1942)
Última aparição The Looney Tunes Show
Disambig grey.svg Nota: Este artigo é sobre o personagem de Looney Tunes. Para a ave, veja Formigueiro-pintalgado.

Piu-Piu (no original, Tweety Bird), é um passarinho, personagem de desenho animado criado por Bob Clampett em 1940. Faz parte da série Looney Tunes, produzida pela Warner Bros. É perseguido por Sylvester/Frajola.[1]

Mostra-se como um personagem extremamente meigo e doce, mas reage com extrema maldade aos ataques do gato Frajola muitas vezes chegando a manipular um buldogue ou se esconder atrás da Vovó para evitar o gato, mas no final ele sempre consegue humilhar Frajola. Seu bordão é "Eu acho que vi um gatinho!". Seu temperamento era inicialmente curto e muitas vezes estava com raiva. À medida que seu personagem progredia, ele ficou mais calmo. Apesar da aparência afeminada Piu-Piu é do sexo masculino. O personagem Piu-Piu (Tweety) era originalmente rosa e se chamava Orson, porém com as críticas sobre o personagem ter uma aparência de um pássaro “pelado”, acabou ganhando depois uma plumagem amarela e um nome mais amigável ao público.

Sua primeira aparição foi em 1942 em um desenho animado intitulado "A Tale Of Two Kitties", dirigido por Bob Clampett, mas não foi emparelhado com o Frajola até cinco anos depois. Em 1947 o Tweetie Pie empurrou-os um contra o outro pela primeira vez. O desenho animado ganhou um Óscar, e foi o início de muitos curtas.

Inicialmente tinha sido retratado simplesmente como um pássaro (selvagem) cuja espécie ainda não havia sido especificada, e foi mostrado residindo em um ninho ao ar livre em uma árvore. Em 1947 teve seu primeiro papel doméstico e sua primeira interação humana em Tweetie Pie, tendo um retrato mais notável do personagem, apesar dele ainda viver em uma gaiola localizada na casa da Vovó.

Em Portugal, a personagem antigamente chamava-se Piu-Piu e mais tarde passou a chamar-se Tweety (nome original), assim como Bugs Bunny que antigamente chamava-se Pernalonga.

Descrição[editar | editar código-fonte]

Piu-Piu é um desenho animado que é um pequeno canário amarelo com uma cabeça enorme e pernas desproporcionalmente grandes que Frajola, tenta pegar para devorar. Apesar do tamanho e dos truques de seu inimigo, Piu-Piu sempre consegue se livrar dele, seja por seus próprios esforços, por mera sorte ou com a ajuda da Vovó (sua dona) e até do Hector, o Bulldog ou de ambos.

Origem do Piu-Piu[editar | editar código-fonte]

Primeiramente, Piu-Piu se chamava Orson e era um filhote selvagem de cor rosa (estando nu, sem penas), era bastante ousado em sua relação com seus inimigos felinos. Mais tarde, eles o transformaram em um canário, mudando sua cor para amarelo e seu nome para Piu-Piu após algumas reclamações dos censores (sobre nudez), também, sua atitude tornou-se mais terna e inocente.

Tweety Genesis[editar | editar código-fonte]

Um carro com a representação de Piu-Piu

Bob Clampett criou seu personagem com base em uma fotografia de sua própria infância. Na versão original, Tweety se expressa como um bebê, algo que o próprio Clampett costumava fazer quando brincava. A expressão típica do Piu-Piu: Achei ter visto um gatinho fofo, vem de uma frase que Clampett havia usado anos antes em uma carta a um amigo ao lado do desenho de um pássaro. Seu gênero é controverso, pois ela é considerada feminina devido a sua voz extremamente aguda e cílios longos; Embora seu criador já tenha confirmado que o canário é assexuado.

Rivalidade[editar | editar código-fonte]

Piu-Piu (tweety) possui um inimigo chamado Sylvester assim tendo uma rivalidade, com Frajola sempre tentando comer Piu-Piu. Embora Frajola tenha conseguido colocar as mãos em Piu-Piu e até mesmo colocado em sua boca algumas vezes, nunca conseguiu realmente o comer. No fundo, Frajola tem ciúmes de Piu-Piu (Tweety) porque a avó lhe dá mais atenção.

Dublagem[editar | editar código-fonte]

A primeira voz de Piu-piu foi a de Mel Blanc de 1942 a 1989, mais tarde foi a de Bob Bargen e Joe Alaskey desde 1995 nos Estados Unidos.

No Brasil é dublado por Sylvia Salustti e em Portugal é dublado por Paula Fonseca. Em Portugal assim como nos países lusófonos, as vozes de Piu-Piu sempre foram feitas por mulheres.

Referências

  1. Maltin, Leonard (1987). Of Mice and Magic: A History of American Animated Cartoons Revised ed. [S.l.]: Plume. pp. 256–258. ISBN 0-452-25993-2 
Ícone de esboço Este artigo sobre uma personagem de ficção é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.