Copa Ouro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes confiáveis e independentes. (desde setembro de 2013). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Copa Ouro
Copa de Ouro Nicolás Leoz
Dados gerais
Organização CONMEBOL
Edições 3
Local de disputa Flags of the Union of South American Nations.gif América do Sul
Sistema Eliminatório
editar

A Copa Ouro ou Copa de Ouro Nicolás Leoz foi um torneio oficial da Conmebol disputado entre 1993 e 1997 (com exceção de 1994, com a parada para a realização da Copa do Mundo), pelos campeões da Copa Conmebol, Copa Master da Supercopa, Supercopa Sul-Americana e Copa Libertadores.

História[editar | editar código-fonte]

A edição de 1993 foi disputada pelos campeões de 1992: Atlético Mineiro (Copa Conmebol), Boca Juniors (Copa Master da Supercopa), Cruzeiro (Supercopa Libertadores) e São Paulo (Copa Libertadores). Na semifinal, o Boca Juniors venceu o São Paulo em La Bombonera por 2 a 1 e empatou no Pacaembu por 1 a 1. Na outra, após um empate em 0 a 0 no tempo normal, o Atlético Mineiro venceu o Cruzeiro por 5 a 4 nos pênaltis. Na final, o Boca Juniors empatou a primeira partida com o Atlético Mineiro, no Mineirão, por 0 a 0, e venceu a segunda, em La Bombonera, pelo placar de 1 a 0 sagrando-se campeão.

Em 1994 não houve disputa.

Em 1995, na primeira partida da final, no Mineirão, o São Paulo venceu o Cruzeiro por 1 a 0. O fato curioso é que o jogo foi suspenso no início do segundo tempo, pois o Cruzeiro, que teve quatro jogadores expulsos no primeiro tempo e gastou todas as suas substituições, teve mais um jogador contundido, ficando com apenas seis em campo - e, de acordo com a regra, o número mínimo de atletas é de sete por time. Na segunda partida, no Morumbi, o Cruzeiro devolveu o mesmo placar. Na disputa de pênaltis, o time mineiro venceu por 4 a 1 e sagrou-se campeão. Outra curiosidade é que estas partidas também foram válidas pelas quartas de final da Supercopa Sul-Americana.

Em 1996 o torneio foi disputado na cidade brasileira de Manaus entre 13 e 16 de Agosto. Jogaram: Grêmio, campeão da Copa Libertadores de 1995; Flamengo, vice-campeão da Supercopa Sul-Americana de 1995; Rosário Central, campeão da Copa Conmebol de 1995; São Paulo, campeão da Copa Master da Conmebol de 1996. Nas semifinais, o Flamengo venceu o Rosário por 2 a 1, enquanto o São Paulo venceu o Grêmio pelo mesmo placar. Na final, o Flamengo venceu o São Paulo por 3 a 1 e sagrou-se campeão.

Campeões[editar | editar código-fonte]

Ano Final Semifinalistas
Campeão Placar Vice
1993
Detalhes
Argentina
Boca Juniors
0 – 0
1 – 0
Brasil
Atlético Mineiro
Brasil
São Paulo
Brasil
Cruzeiro
1995
Detalhes
Flag of Brazil (1960-1968).svg
Cruzeiro
0 – 1
1 – 0
(4 – 1 pên.)
Brasil
São Paulo
1996
Detalhes
Flag of Brazil (1960-1968).svg
Flamengo
3 – 1 Brasil
São Paulo
Argentina
Rosario Central
Brasil
Grêmio

Títulos por equipe[editar | editar código-fonte]

Clube País Títulos Vices
Boca Juniors  Argentina 1 (1993) 0
Cruzeiro  Brasil 1 (1995) 0
Flamengo  Brasil 1 (1996) 0
Atlético Mineiro  Brasil 0 1 (1993)
São Paulo  Brasil 0 2 (1995,1996)

Títulos por país[editar | editar código-fonte]

País Títulos Vices
 Brasil 2 3
 Argentina 1 0

Artilheiros[editar | editar código-fonte]

Ano Artilheiro Clube Gols
1993 Uruguai Sergio Martínez Boca Juniors (Argentina) 2
1995 Brasil Dinei Cruzeiro (Brasil) 1
Brasil Palhinha São Paulo (Brasil)
1996 Brasil Sávio Flamengo (Brasil) 3

Estatísticas[editar | editar código-fonte]

Participações[editar | editar código-fonte]

Clube Participações Melhor colocação
Brasil São Paulo 3 (1993, 1995 e 1996) (1995 e 1996)
Brasil Cruzeiro 2 (1993 e 1995) (1995)
Argentina Boca Juniors 1 (1993) (1993)
Brasil Flamengo 1 (1996) (1996)
Brasil Atlético Mineiro 1 (1993) (1993)
Brasil Grêmio 1 (1996) (1996)
Argentina Rosario Central 1 (1996) (1996)

Jogos por estádio[editar | editar código-fonte]

Estádio Número de jogos
Mineirão 3
Vivaldão 3
La Bombonera 2
Pacaembu 2

Jogos por cidade[editar | editar código-fonte]

Estádio País Número de jogos
Belo Horizonte  Brasil 3
Manaus  Brasil 3
Buenos Aires  Argentina 2
São Paulo  Brasil 2
Ícone de esboço Este artigo sobre futebol é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.