Deus É Brasileiro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes confiáveis e independentes (desde Abril de 2013). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Deus é Brasileiro
 Brasil
2003 • cor • 110 min 
Direção Cacá Diegues
Roteiro Karim Ainouz
Elenco Antônio Fagundes
Wagner Moura
Paloma Duarte
Castrinho
Stepan Nercessian
Género comédia
Idioma português
Página no IMDb (em inglês)

Deus é Brasileiro é um filme brasileiro de 2003, uma comédia dirigida por Cacá Diegues. O roteiro é baseado no conto "O Santo que não Acreditava em Deus", de João Ubaldo Ribeiro, e adaptado por Cacá Diegues, João Emanuel Carneiro e Renata de Almeida.

A fotografia é de Affonso Beato e a trilha sonora foi idealizada por Chico Neves, Hermano Viana e Sérgio Mekler.

As filmagens aconteceram nos estados de Tocantins, Alagoas, Rio de Janeiro e Pernambuco.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Cansado dos erros cometidos pela humanidade, Deus (Antônio Fagundes) resolve tirar umas férias nas estrelas. Mas, para isso, ele precisa encontrar um santo que se ocupe de seus deveres enquanto ele estiver ausente. Resolve procurá-lo no Brasil, país muito religioso que, no entanto, nunca teve um santo reconhecido oficialmente. O guia de Deus pelo Brasil será Taoca (Wagner Moura), esperto borracheiro e pescador que enxerga, nesse encontro inesperado, a oportunidade de resolver seus problemas materiais. Mais tarde, se junta aos dois a solitária Madá (Paloma Duarte), uma jovem tomada por uma grande paixão. Do litoral de Alagoas ao interior do Tocantins, passando por Pernambuco, Taoca, Madá e Deus vivem diferentes aventuras enquanto procuram por Quinca das Mulas (Bruce Gomlevsky), o candidato de Deus a santo.[1]

Elenco[editar | editar código-fonte]

Trilha Sonora[editar | editar código-fonte]

Lista das principais músicas do filme (em ordem de entrada em cena)[2]

  • 01. "Loa de Abertura" domínio público interpretada por Djavan fonograma original
  • 02. "Vá com Deus" de Roberta Miranda interpretada por Roberta Miranda
  • 03. "Masseira" domínio público interpretada por Banda Ôxe
  • 04. "Na Rede" de Bruno Mosca e Banda Ôxe interpretada por Banda Ôxe
  • 05. "Melodia Sentimental" de Villa Lobos e Dora Vasconcellos interpretada por Djavan fonograma original
  • 06. "Cair em Si" de Djavan interpretada por Djavan
  • 07. "Festa na Lua" de Hermeto Pascoal interpretada por Hermeto Pascoal
  • 08. "Acelerou, Bateu" de Juninho e Aldo interpretada por Sonic Jr.
  • 09. "Com a Mão na Frente e Outra Atrás" de MC Vanessinha interpretada por MC Vanessinha
  • 10. "Matilde" de Chris Mourão, Cachaça e Duani interpretada por Forroçacana
  • 11. "Ô Papai" domínio público interpretada por Comadre Florzinha
  • 12. "Vida de Viajante" de Luiz Gonzaga e Hervé Cordovil interpretada por Luiz Gonzaga interpretada por Lenine fonograma original
  • 13. "Rios, Pontes e Overdrives" de Chico Science e Zero Quatro interpretada por Chico Science e Nação Zumbi
  • 14. "Psicocúmbia" de Pio Lobato interpretada por Pio Lobato
  • 15. "Feliz Aniversário" de Villa Lobos violão de Cláudio Almeida fonograma original
  • 16. "Bringa/Fuloresta do Samba" de Siba interpretada por Siba
  • 17. "Para um Dub no Recife" Dub de DJ Dolores para "Um Amor no Recife" de Paulinho da Viola
  • 18. "Foi Deus que me fez Assim" de Cícero Lino interpretada pelo Grupo Caçuá fonograma original
  • 19. "Ô Menina" de Cícero Lino interpretada pelo Grupo Caçuá fonograma original
  • 20. "Ironia ao Rico" de A.J. Madureira interpretada pelo Quinteto Armorial
  • 21. "Mundo Animal" de Dinho interpretada por Mamonas Assassinas
  • 22. "Luar do Sertão" de Catulo da Paixão Cearense e João Pernambuco interpretada por Pena Branca e Xavantino
  • 23. "Anjos Caídos" de Lirinha interpretada pelo Cordel do Fogo Encantado

Principais prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Troféu APCA 2004

  • Venceu na categoria de Melhor Ator (Wagner Moura)

Grande Prêmio Cinema Brasil

  • Indicado nas categorias de Melhor Som, Melhor Fotografia e Melhor Direção de Arte.

Festival de Cartagena 2004 (Colômbia)

  • Indicado na categoria de Melhor Filme.

Referências

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]