Favorite Girl

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
"Favorite Girl"
Single promocional de Justin Bieber
do álbum My World
Lançamento 3 de novembro de 2009
Formato(s) Download digital
Gravação 2009;
Atlanta, Geórgia
(Icon Studios)
Hollywood, Los Angeles, Califórnia
(Larrabee Studios)
Gênero(s) Teen-pop, R&B
Duração 4:15
Gravadora(s) Island Def Jam Music Group, RBMG
Composição Dernst Emile II, Antea Birchett, Anesha Birchett, Delisha Thomas
Produção Dernst Emile II
Lista de faixas de My World
Último
Último
"One Time"
(1)
"Down to Earth"
(3)
Próximo
Próximo

"Favorite Girl" é uma canção gravada pelo cantor e compositor canadense Justin Bieber. Foi lançada exclusivamente na iTunes Store em 3 de novembro de 2009 como o segundo single promocional do seu primeiro extended play (EP), My World (2009). Foi composta por D'Mile, Antea Birchett, Anesha Birchett e Delisha Thomas, com produção e arranjos sob o comando de D'Mile. Primeiramente, Bieber estreou a versão acústica da canção em seu perfil oficial do site de compartilhamento de vídeos Youtube, após a cantora de country pop Taylor Swift usar o single "One Time" (2009) como música de fundo em um dos seus diários em vídeo da turnê Fearless Tour.

Musicalmente, "Favorite Girl" é uma faixa de ritmo moderado com elementos dos gêneros teen-pop e rhythm and blues (R&B). Estreou na décima segunda posição da tabela musical estadunidense Bilboard Hot 100, bem como na vigésima sexta da Canadian Hot 100 no Canadá. Atingiu os números 92, e 76 na Austrália e Reino Unido, respectivamente. O cantor interpretou a música em várias ocasiões, muitas delas sendo a versão acústica, incluindo como um artista de apoio na turnê de Swift.

Antecedentes e composição[editar | editar código-fonte]

A cantora Taylor Swift foi a inspiração de Bieber para gravar a canção.

Em agosto de 2009, um vídeo da cantora country pop Taylor Swift dançando ao som da canção "One Time" (2009) com seus amigos foi incluído no diário de vídeo da turnê Fearless Tour, tendo mais tarde postado o mesmo vídeo em sua conta oficial no site de compartilhamento de vídeos YouTube.[1] Em resposta ao vídeo de Taylor, Bieber postou uma versão acústica da então nunca antes ouvida "Favorite Girl" também em sua conta do site.[1] Quando questionado sobre o que aprendeu com Swift usando a sua canção, o cantor declarou:[1]

Cquote1.svg Foi muito engraçado, porque eu ouvi isso por uma fã. Quando eu procurei-o e assisti-o foi muito hilário! Cquote2.svg

Bieber e Swift se conheceram pessoalmente na cerimônia dos MTV Video Music Awards de 2009, e mais tarde, ela convidou-o para abrir os shows de sua turnê quando ela voltasse para o Reino Unido.[1]

"Favorite Girl" (2009)
"Favorie Girl" é uma canção com elementos dos gêneros teen-pop e rhythm and blues.

Problemas para escutar este arquivo? Veja introdução à mídia.

"Favorite Girl" foi escrita por Dernst "D'Mile" Emile II, Antea Birchett, Anesha Birchet e Delisha Thomas. Emile II também tem créditos de produção. Foi gravada por Blake Eisemen nos Icon Studios em Atlanta, Geórgia, lugar no qual carreira de Bieber é baseada. A mixagem foi feita por Dave Pensado e Jaycen-Joshua Fowler nos Larrabee Studios, Hollywood, Califórnia.[2] A música se tornou num trending topic mundial na rede social Twitter no dia do seu lançamento.[3] "Favorite Girl" é uma canção de teen-pop que integra características de R&B. De acordo com a Universal Music, ela é definida no compasso de tempo comum, e tem um ritmo de oitenta e oito batimentos por minuto. É composta na nota de Mi menor, com os vocais de Bieber abrangendo da nota baixa de Sol3 à nota alta de Si4. A faixa segue uma progressão de acordes das notas –Mi-Sol.[4]

Promoção e apresentações ao vivo[editar | editar código-fonte]

Bieber fazendo uma interpretação de "Favorite Girl" em Zurique, Suíça.

A maioria das performances que Bieber fez de "Favorite Girl" foram da versão acústica. Ele interpretou a canção pela primeira vez quando apareceu pela segunda vez no talk show The Ellen DeGeneres Show, em 3 de novembro de 2009 – o mesmo dia que o lançamento da canção no iTunes. O seu desempenho no programa foi elogiado pela MTV News.[5] O artista também cantou a música na Fearless Tour, durante o inverno de 2009; em concertos Jingle Ball organizados por uma estação de rádio; e durante uma sessão ao vivo com a MTV, na qual ele foi nomeado de "Artista da Semana".[6] Durante esta sessão ao vivo, Biber cantou a música enquanto tocava teclado.[7] Em uma análise da sua performance acústica de "Favorite Girl" no Jingle Ball de 2009 organizado pela estação de rádio Z100, Jon Caramanica, do jornal The New York Times, disse que a sua apresentação foi a melhor da noite.[8]

Alinhamento de faixas[editar | editar código-fonte]

A versão para download digital de "Favorite Girl" contém apenas a faixa.

Download digital (iTunes)[9]
N.º Título Duração
1. "Favorite Girl"   4:15

Créditos[editar | editar código-fonte]

Os créditos seguintes foram adaptados do encarte do extended play My World (2009):[2]

Desempenho nas paradas musicais[editar | editar código-fonte]

"Favorite Girl" teve uma grande estréia nas tabelas musicais Billboard Hot 100, nos Estados Unidos, e na Canadian Hot 100, no Canadá, devido ao seu lançamento online via o iTunes. Estreou no número vinte e seis nos EUA, e permaneceu na parada por duas semanas. Ainda na mesma semana, estreou no número quinze no Canadá, mantendo-se na tabela por também duas semanas. A música retornou à Canadian Hot 100 na posição noventa e nove na semana que terminou em 9 de janeiro de 2010. Em 2010, a canção apareceu na UK Singles Chart, no Reino Unido, no número setenta e seis, e na UK R&B Chart no número vinte e sete.

Após vender 500 mil cópias nos Estados Unidos, "Favorite Girl" recebeu o certificado de disco de ouro pela Recording Industry Association of America.

Referências

  1. a b c d The TRUTH behind Taylor Swift & Justin Bieber’s friendship REVEALED! (em inglês). Bop (27 de outubro de 2009). Página visitada em 4 de junho de 2012.
  2. a b (2009) Créditos do álbum My World por Justin Bieber [encarte]. Estados Unidos: Universal Music Publishing, Ltd..
  3. Current Twitter trends: 'Unseen prequels,' 'Favorite Girl', Melbourne Cup (em inglês). The Independent. The Independent Media (4 de novembro de 2009). Página visitada em 4 de junho de 2012.
  4. Emile, Dernst; Birchett, Antea; Birchett, Anesha; Thomas, Delisha. (2009) "Favorite Girl: Justin Bieber Digital Sheet Music" (em inglês) (MN0086487): 1. Estados Unidos: Musicnotes.com.
  5. Justin Bieber Charms On Ellen (em inglês). MTV News (4 de novembro de 2009). Página visitada em 4 de junho de 2012.
  6. Ryan, Chris (10 de novembro de 2009). MTV Featured Artist: Justin Bieber (em inglês). MTV News. Página visitada em 4 de junho de 2012.
  7. Favorite Girl (Live) (em inglês). MTV (MTV Networks. Viacom). Página visitada em 4 de junho de 2012.
  8. Caramanica, Jon (13 de dezembro de 2009). 20-Year-Old Fogy Cedes Audience to 15-Year-Old (em inglês). The New York Times. The New York Times Company. Página visitada em 4 de junho de 2012.
  9. My World: Justin Bieber (em inglês). iTunes. iTunes Store. Apple Inc.. Página visitada em 4 de junho de 2012.
  10. a b Justin Bieber - Favorite Girl (em inglês). aCharts.us. Página visitada em 4 de junho de 2012.
  11. ARIA Charts (em inglês). Australian Recording Industry Association. Página visitada em 4 de junho de 2012.
  12. a b Canada Singles Top 100 - Saturday November 21, 2009 (em inglês). aCharts.us. Página visitada em 4 de junho de 2012.
  13. US Singles Top 100 - Saturday November 21, 2009 (em inglês). aCharts.us. Página visitada em 4 de junho de 2012.
  14. Canadian Hot 100: Week of January 9, 2011 (em inglês). Billboard. Nielsen Business Media, Inc.. Página visitada em 4 de junho de 2012.
  15. Favorite Girl (em inglês). Chart Stats. The Official Charts Company. Página visitada em 4 de junho de 2012.
  16. TOP 40 R&B SINGLES ARCHIVE (em inglês). The Official Charts Company. Página visitada em 4 de junho de 2012.
  17. RIAA - Gold & Platinum (em inglês). Recording Industry Association of America. Página visitada em 4 de junho de 2012.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]