Jardim botânico

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Um jardim botânico é normalmente uma área delimitada em meio ao espaço urbano, destinada ao cultivo, manutenção, conservação e divulgação de vegetação (autóctone e exótica), além de empreender pesquisas em Botânica. A maioria é administrada por uma institução pública ou privada, ou mesmo de capital misto.

Nestes espaços, as numerosas espécies e variedades de plantas selvagens e hortícolas cultivadas encontram-se estritamente identificadas e catalogadas.

De acordo com a BGCI, "os jardins botânicos são instituições que agrupam coleções documentadas de plantas vivas para fins de pesquisa, conservação, exposição e instrução científica".

Geralmente, os jardins botânicos dispõem de instalações adequadas para a conservação de espécies exóticas que não se adaptam bem ao clima local. As estufas, por exemplo, protegem as plantas que não toleram climas frios, proporcionando-lhes os fatores que favorecem o crescimento: ar, umidade, calor, luz, etc.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Jardim botânico
Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.